Em Goiânia, Flávio Dino defende integração logística entre o Maranhão e o Centro-Oeste

O governador Flávio Dino marcou presença na tradicional Expo Municípios, realizada em Goiânia, que destaca as potencialidades das cidades deste estado. O evento, organizado pela Federação Goiana dos Municípios (FGM), reúne milhares de pessoas entre autoridades políticas, empresários e investidores, com fins a reforçar os negócios no turismo e exportação locais. Nesta quinta-feira (8), ocorreu o encerramento da Feira, no Centro de Convenções, onde Flávio Dino tratou de política e investimentos.

A Expo Municípios trouxe vasta programação com palestras, oficinas, técnicas e exposições, estimulando a economia das cidades goianas. Na ocasião, o governador Flávio Dino fez apresentação do Porto do Itaqui e destacou as potencialidades do Maranhão no painel ‘A Ferrovia Norte-Sul e a integração GO, TO, MA e MT’. O governador visitou, ainda, os estandes da feira, acompanhado do presidente da FGM, prefeito da cidade de Campos Verdes, Haroldo Naves, que destacou que o evento é canal de interlocução entre gestores e empreendedores municipais, parceiros institucionais, autoridades internacionais e investidores.

Flávio Dino ressaltou as iniciativas implantas com apoio do Governo do Maranhão, que integraram estados, a exemplo da formação de três consórcios de governadores – Brasil Central, de Governadores do Nordeste e da Amazônia Legal -, além do Fórum de Governadores do Brasil. O governador destacou, ainda, a potencialidade do Porto do Itaqui, como o maior do Brasil em carga movimentada, que neste ano prevê movimentação de R$ 250 milhões de toneladas em vários tipos de cargas, ultrapassando o ano anterior.

“Estamos aqui pelo Nordeste, com muito orgulho, para unirmos esforços. Devemos buscar convergência e união, por isso vim aqui apresentar nosso complexo portuário, o Porto do Itaqui, e dizer da conclusão da Ferrovia Norte Sul, que aproximará os Estados. Tenho dialogado intensamente e prezo o pluralismo político, sem que impeçam o diálogo interfederativo, nem se dissolvam os laços que unem os brasileiros”, enfatizou Flávio Dino.

A Expo Municípios se propõe a ser um fórum para a troca de experiências e um espaço para a capacitação dos agentes, por meio de palestras, oficinas técnicas e exposições. O objetivo é contribuir com o fomento das economias locais, com destaque das cadeias produtivas, cultura e turismo existentes nos municípios. Serve, ainda, como um espaço para apresentação de tecnologias e serviços voltados à administração pública, soluções modernas e práticas. Um total de 246 municípios participam do evento.

Contagem regressiva

Bafafá entre Denys de Miranda e Júlio César não permitiu que o vereador Alex do Giquiri terminasse seu discurso

O clima entre os vereadores Denys de Miranda e Júlio César esteve hoje (9) quentíssimo, aonde, por pouco, os dois não chegaram às vias de fato.

Tudo começou após Júlio César encerrar o seu aparte ao discurso de Alex do Giquiri, vereador e presidente da Câmara de Vereadores de Araioses, que antes já tinha sido aparteado pelo vereador Denys de Miranda.

Tanto na hora em que discursou como na hora em que aparteou o presidente da Câmara, Denys de Miranda foi muito crítico aos vereadores que segundo ele estão do lado do prefeito.

O tom foi muito pesado, no que César se achou no direito de pedir aparte a Alex do Giquiri, onde de forma serena fez suas justificativas, porém deforma sutil também deu suas alfinetadas.

Terminado seu aparte – por diversas vezes interrompido por Denys de Miranda – por esse foi chamado de corrupto.

O clima esquentou e o vereador Zé Carlos temendo pelo pior encerrou a sessão.

Na Tribuna, Alex do Giquiri assistia a tudo e saiu de lá sem terminar seu discurso.

Lamentável, muitíssimo lamentável o que naquela casa ocorreu hoje.

Teve quem justificasse o clima pesado entre os vereadores – que antes se entendiam – a proximidade da eleição do ano que vem.

Seria a contagem regressiva que está mexendo com os nervos de nossos edis.

Quanto ao bafafá, tá tudo gravado e houve quem falou em cassação por falta de decoro parlamentar.

Não creio que proceda…

Rachel Sheherazade deixa o Twitter após ser punida pela direção de jornalismo do SBT

A suspensão foi motivada pelas reclamações que Silvio tem recebido sobre as críticas que a jornalista faz ao presidente Jair Bolsonaro

Revista Fórum

A polêmica apresenta do SBT, responsável por apresentar o SBT Brasil ao lado de Carlos Nascimento, Rachel Sheherazade não comandará mais o informativo nas edições de sexta-feira. Silvio Santos resolveu punir a jornalista após ela se envolver em uma polêmica.

A censura, segundo informações do jornalista Daniel Castro, do UOL, foi motivada pelas reclamações as quais o “Homem do Baú” tem recebido sobre as opiniões políticas que a Sheherazade emite nas redes sociais, sobretudo em seu canal do YouTube, onde faz críticas ao presidente Jair Bolsonaro.

A gota d’água foi que na última segunda-feira (5), representantes do Sifuspesp (Sindicato dos Funcionários do Sistema Prisional do Estado de São Paulo) estiveram no canal para reclamar de um vídeo postado pela âncora no Youtube chamado Monstros contra Monstros.

Na gravação, Sheherazade comenta o massacre no presídio de Altamira, no interior do Pará, que terminou em 57 mortes. A famosa chama os carcereiros de “monstros”, o que fez com que o grupo pedisse para Silvio emitir um comunicado garantido que a emissora não compactua com as opiniões da funcionária.

O empresário não aceitou, mas resolveu castigar Rachel. Nesta quinta-feira (8), chateada com a situação, a jornalista resolveu trancar o perfil que possui no Twitter e no Instagram. Ela alegou que foi por “motivo de força maior”.

O empresário não aceitou, mas resolveu castigar Rachel. Nesta quinta-feira (8), chateada com a situação, a jornalista resolveu trancar o perfil que possui no Twitter e no Instagram. Ela alegou que foi por “motivo de força maior”.

Assista ao vídeo que motivou a suspensão de Rachel Sheherazade do SBT Brasil

Torre da TV de Luciana Trinta caiu por falta de manutenção

Na noite da última terça-feira (5), a torre da televisão da ex-prefeita Luciana Trina localizada na Travessa Central, bairro São Manoel veio abaixo, após uma ventania caindo na área de serviço da casa vizinha.

Sorte da família que mora naquele domicílio por nada de grave ter acontecido. Apenas os prejuízos materiais, que certamente serão pagos pela ex-prefeita.

A TV está fora do ar desde final de 2012, quando Luciana Trinta perdeu a eleição – no caso reeleição – para Valéria do Manin e desde esse tempo ficou abandonada e sem manutenção.

Fotos de grupos de WhatsApp

“Mais um tiro no pé”! No que respondi: Não, mais em cima, na cabeça!

Toyota Hilux – que filho do prefeito teria ganhado de presente – foi assunto de destaque na Câmara de Vereadores de Araioses.

Na sessão da Câmara de Vereadores de Araioses da última terça-feira (6), os vereadores Felipe Pires e Denys de Miranda fizeram várias e duras críticas a atual administração e aos seus apoiadores, porém o que chamou mesmo atenção foi quando eles falaram do presente que Cristino Filho teria ganhado de sua mãe – Sônia Araújo, a primeira dama de Araioses – uma Toyota Hilux modelo SRV, no valor de R$ 210.390,00 – adquirida numa concessionária de Parnaíba/PI, onde o prefeito Cristino Gonçalves e sua família moram.

Segundo foi dito esse é o segundo presente, já que menos de dois anos atrás ele teria ganhado uma Toyota Hilux SW4.

Os vereadores disseram que antes de chegarem à prefeitura de Araioses Cristino e Sônia não davam presentes dessa natureza e muito menos desse valor.

O suposto presente de Sônia para Cristino Filho chegou ao conhecimento público após a divulgação de um vídeo (veja abaixo) nas redes sociais – principalmente grupos de WhatsApp – onde ele retira uma cobertura vermelha de cima do veículo em uma concessionária e em seguida externa uma risada de contentamento, ou seria de deboche?

Comentando o assunto com um amigo do prefeito – que dizem que vai tentar a reeleição – ele disse “Mais um tiro no pé”! No que respondi: não, mais em cima, na cabeça!

Miguel Reale Jr.: Bolsonaro caminha para “processo paranoico perigoso” ao exaltar Ustra

“Consagrar um torturador, assim reconhecido pelo Judiciário, como herói nacional é legitimar a tortura”, disse o advogado, um dos autores do pedido de impeachment de Dilma Rousseff

Miguel Reale Jr. (Foto: Jefferson Rudy/Agência Senado)

Revista Fórum

O advogado Miguel Reale Jr., um dos autores do pedido de impeachment que resultou no golpe de Dilma Rousseff, disse nesta quinta-feira (8) que o presidente Jair Bolsonaro “dá um tapa na cara da civilização” ao citar o coronel Carlos Alberto Brilhante Ustra como “herói nacional”. Ustra foi um dos principais símbolos de repressão e tortura da ditadura militar e primeiro oficial condenado na Justiça brasileira por sequestro e tortura durante o regime.

Em entrevista ao jornal Folha de S.Paulo, Reale disse estar indignado com a fala do presidente. “Como ex-presidente da Comissão de Mortos e Desaparecidos Políticos, e tendo sabido o que se passou no Doi-Codi, [me] causa a maior indignação. [É] um tapa na cara da civilização”. Reale ainda avalia que presidente caminha para um “processo paranoico perigoso” por sentir-se “todo poderoso para fazer e dizer o que bem entende”.

O advogado também alega ser “flagrante falta de decoro” o presidente homenagear Ustra, além de configurar incitação a um crime gravíssimo, já que a Constituição considera a tortura crime imprescritível.  “Consagrar um torturador, assim reconhecido pelo Judiciário, como herói nacional é legitimar a tortura”, completa.

Homenagem de Bolsonaro ao coronel Ustra se deu no mesmo dia em que ele recebe a viúva do militar, Maria Joseíta Silva Brilhante Ustra, para um almoço no Palácio do Planalto. Questionado sobre o motivo da agenda com Maria Joseíta, Bolsonaro disse que ela foi a revisora do livro de Ustra e que está cheia de histórias para contar sobre as mulheres presas durante a ditadura militar (1964-1985).

“Ela conta uma história bem diferente daquela que a esquerda contou para vocês. Tem um coração enorme. Eu sou apaixonado por ela”, alegou Bolsonaro, que já havia mencionado em outras entrevistas que a obra “Verdade Sufocada”, escrita por Ustra, é seu livro de cabeceira.

Governo do Maranhão dialoga com Ministério da Infraestrutura para recuperação da BR-402

O Governo do Maranhão e o Ministério da Infraestrutura estão dialogando para tratar da recuperação emergencial da rodovia federal BR-402, no trecho entre Bacabeira e Barreirinhas. A estrada é o principal acesso ao Parque Nacional dos Lençóis Maranhenses.

Em junho, o Governo do Maranhão enviou ofício ao ministro Tarcísio Gomes de Freitas solicitando reparos emergenciais no trecho, já que se trata de uma rodovia federal.

Em seguida, em julho, o Ministério da Integração respondeu ao Governo do Maranhão informando que duas medidas estão sendo tomadas.

Uma delas é o processo licitatório para os serviços de conservação da rodovia, incluindo recuperação, drenagem, recomposição de pavimento e outros serviços. A licitação está na fase final e a previsão é de que o contrato seja assinado nas próximas semanas, de acordo com o ministério.

A outra medida informada pelo Ministério da Integração é a recuperação dos pontos críticos que necessitam de reparo imediato, para garantir condições de uso da rodovia até que os serviços de conservação sejam mobilizados.

STF suspende transferência da Lula para presídio em São Paulo

Maioria do ministros decidiu que ex-presidente deve continuar na Superintendência da PF em Curitiba até decisão definitiva do caso pela Segunda Turma

Jornal do Brasil

Lula (Foto: Reprodução de vídeo)

O Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu hoje (7), por 10 votos a 1, suspender a decisão da Justiça Federal que autorizou a transferência do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva para o presídio de Tremembé, em São Paulo.

Seguindo voto do relator do caso, ministro Edson Fachin, a maioria do ministros decidiu que Lula deve continuar preso na Superintendência da Polícia Federal (PF) em Curitiba até a decisão definitiva do caso pela Segunda Turma da Corte, colegiado responsável por julgar os casos da Operação Lava Jato.

Além de Fachin, votaram nesse sentido os ministros Alexandre de Moraes, Luís Roberto Barroso, Luiz Fux, Rosa Weber, Cármen Lúcia, Ricardo Lewandowski, Gilmar Mendes, Celso de Mello e o presidente da corte, Dias Toffoli.

Somente o ministro Marco Aurélio divergiu, sob o argumento de que não cabia à corte apreciar o pedido da defesa antes de ele tramitar pelas instâncias inferiores da Justiça.

Mais cedo, a defesa de Lula pediu ao STF para anular a decisão do juiz Paulo Eduardo de Almeida, da Justiça estadual de São Paulo, que determinou que o ex-presidente seja levado para a Penitenciária 2 de Tremembé, no interior paulista, após a Justiça Federal do Paraná ter autorizado a transferência. Os advogados também queriam manter a prisão de Lula em uma sala especial da Polícia Federal (PF) em Curitiba, pedido que foi aceito liminarmente pela Corte. A liberdade de Lula também foi solicitada, mas não chegou a ser analisada pelo plenário.

O pedido de transferência foi feito pela PF. Segundo a corporação, a saída de Lula da carceragem da superintendência é necessária para reduzir gastos e uso de efetivo a fim de garantir a segurança do local, “bem como devolvendo à região a tranquilidade e livre circulação para moradores e cidadãos que buscam serviços prestados pela Polícia Federal.”

Desde abril do ano passado, Lula cumpre provisoriamente, na Superintendência da Polícia Federal no Paraná, pena de oito anos, 10 meses e 20 dias por corrupção e lavagem de dinheiro no caso do tríplex no Guarujá (SP).

Com Agência Brasil

Uma alternativa para ser levada a sério

Jacinta Holanda fundadora da APAE de Araioses tem uma grandiosa história de luta em favor da saúde mental, educação e cultura de incontáveis araiosenses

Passa de duas dezenas o número de pré-candidatos a prefeitura de Araioses nas eleições do ano que vem. Nenhum deles se destacou até agora, talvez pelo fato de serem muitos parecidos e nada de novo representam.

Entre esses tem duas pretendes – as ex-prefeitas Luciana Trinta e Valéria do Manin – que já tiveram suas vezes e seus governos não foram aprovados pelo povo. A verdade pode doer para alguns, mas são fatos que não podem ser contestados.

Já entre os outros tem aventureiros, gente que já esteve no poder e mais uma penca dos sem noção.

Porém, nos últimos dias um novo nome, esse sim, deve ser levado a sério por se tratar de uma araiosense conhecidíssima, que tem um fabuloso trabalho prestado e, já mais que provou, ser uma excelente administradora.

Falo de Jacinta Holanda – a fundadora da APAE – uma entidade com 23 anos de existência com um extraordinário trabalho prestado ao povo araiosense na área da saúde, da educação e da cultura, como nenhuma outra.

Outro fato importantíssimo é que diferente de todos os outros pretendentes, não é ela que quer ser candidata e sim um importante grupo de pessoas – que diante do quadro nada animador sobre o futuro político de Araioses – estão dispostos a fazê-la compreender a gravidade do momento que vivemos, para ela aceitar essa missão, que sabem ser difícil, porém nobre e possível de ser conquistada.

Estou me antecipando na divulgação dessa informação a pedido dessas pessoas, que já vem de algum tempo amadurecendo a ideia.

Para eles quem fez pela APAE de Araioses, mesmo diante de tantas dificuldades o que ela fez até agora, poderá fazer muito pelo povo de Araioses, pondo em prática a sua experiência a serviço daquela entidade, administrando nossa prefeitura.

Em tempo: continuo como pré-candidato a prefeito de Araioses, mas diante de uma nova situação como a que me refiro neste post, Jacinta é uma alternativa para ser levada a sério, tenham certeza.

Dimenstein: o único grande e grave erro de Bolsonaro em sua imagem

Bolsonaro se apega aos 30% da população que ainda consideram o seu governo ótimo e bom

Por: Gilberto Dimenstein

Nós ficamos mostrando o número de bobagens e absurdos ditas por Jair Bolsonaro.

Não faltam exemplos, fazendo a festa da mídia e, especial, da oposição.

O fato: esses absurdos estão nos cálculos para garantir um nicho.

O nicho razoável: 30% ainda consideram o governo ótimo e bom.

Crédito: Carolina Antunes/PR
Bolsonaro se apega aos 30% da população que ainda consideram o seu governo ótimo e bom

A maioria da população não conhece a relação de desmatamento da Amazônia e aquecimento; nem sabe o que foi a ditadura; direitos humanos, na visão deles, é para proteger bandidos.

Poucos vão ao cinema. Portanto, tanto faz fechar a Ancine. Nem sabem o que é Ancine.

Como muitos não entendem os danos causados pela mistura de Estado e religião, até gostam a ideia de ter um ministro do STF evangélico.

Aliás, nem sabem o que é direito STF.

Imaginam que o PT e Lula, além da classe política, destruíram o país com corrupção –e Bolsonaro veio salvá-los.

Suspeito que ele imagina algo simples: manter esse nicho e, com o tempo, à medida que a economia ganhe um pouco mais de impulso, sua sustentação se manteria estável ou até, quem sabe ampliaria.

Seria o suficiente –deve pensar Bolsonaro– para ir ao segundo turno eleitoral.

Até lá talvez encontre um inimigo nas esquerdas.

Bolsonaro cometeu um único grande erro nesse jogo de imagens: indicar o filho Eduardo para embaixador nos Estados Unidos.

Argumento de Bolsonaro: “O indicado tem que ser filho de alguém, por que não meu?’.

O erro não é apenas indicação.

Mas o fato de que uma investigação O Globo mostrou que a família Bolsonaro empregou 102 parentes.

Muitos nem trabalhavam para ganhar salários altos.

Isso num país de 12 milhões de desempregados e de salários baixos.

A junção de Eduardo, sem qualificação óbvia (nem fala inglês direito), com as revelações do nepotismo, se infiltra nas bases de Bolsonaro, que odeia o PT pelo desperdício com dinheiro público.

A votação no Senado para aprovar Eduardo na embaixada vai envolver todo o país.

Ou seja, vira conversa de botequim.

É indefensável.

Adicione-se a isso que um dos seus principais aliados –Marco Feliciano– virou escândalo nacional por gastar R$ 157 mil no dentista –e com dinheiro público.

É imagem da velha política –aliás, velhíssima.

Número de casamentos no Maranhão cresceu 3,4%, aponta análise do IMESC

Em 2017, foram mais de 20 mil casamentos realizados no Maranhão, resultando em um crescimento de 3,4% em relação ao ano anterior. É o que aponta o Instituto Maranhense de Estudos Socioeconômicos e Cartográficos (IMESC) sobre dados da Estatística de Registro Civil disponibilizadas pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

De acordo com os dados, apesar do Maranhão ter apresentado um crescimento significativo entre 2016 e 2017, em São Luís, entretanto, a situação foi diferente: foram 5.027 uniões – uma redução de 6,7% em relação ao ano de 2016.

Muitos Casamentos

Outro dado importante apresentado nos dados dá-se pelo mês com mais casamentos realizados no Estado. O mês de maio é conhecido pela cultura popular como o Mês das Noivas, entretanto não é isto que mostram os dados sobre o Maranhão: dezembro é o campeão entre os meses como a principal época do ano em que os casais escolhem para legalizarem suas uniões.

“Com as férias de fim de ano, há uma maior facilidade para reunir a família e os amigos que moram longe, além disso o casal tem a oportunidade para viajar”, analisa o economista do IMESC, Rafael Silva.

Idade

O levantamento aponta, ainda, que, no Maranhão, avaliando o número de casamentos de acordo com a idade dos cônjuges, observa-se que os maranhenses têm deixado para casar-se depois dos 30 anos, tanto homens como mulheres.

Em 2003, por exemplo, a maior parte dos cônjuges homens se casava com 29 anos ou menos. Em 2017, esse quadro se inverteu: 57% dos cônjuges do sexo masculino tinham 30 anos ou mais. Rafael Silva acrescenta que esse comportamento também pode ser observado nos casamentos dos habitantes de São Luís e representa uma tendência da população em se casar mais tarde.

“Tal fato pode ser explicado por uma transformação do planejamento familiar, onde as prioridades estão voltadas para a moradia, educação, carreira profissional, etc. Outro fator que contribui para este resultado está relacionado ao aumento de divorciados acima de 30 anos que voltam a se casar”, pontuou o economista.

Outros dados

No que se refere aos estados civis dos sujeitos pesquisados, os casamentos entre solteiros são mais representativos, com 84,8% em 2017, embora os dados apontem um crescimento maior em outras categorias, as quais envolvem também os divorciados.

Outro destaque na pesquisa vai para os homens divorciados que se casam com mulheres solteiras, cuja participação no total de casamentos saiu de 2,7%, em 2003, para 8,6%, em 2017.

Não adianta a matilha uivar, Dallagnol está perdido

Por Fernando Brito no TIJOLAÇO

Até vídeo de um suposto encontro do presidente do Supremo Tribunal Federal , Dias Toffoli com alguém que é identificado como o jornalista Glenn Greenwald ( e, claro, não é, mas o desembargador Walter Piva Rodrigues, do TJ/SP) os lavajateiros estão pondo para circular nas redes sociais.

É o desespero de quem se viu atropelado pela revelação da conspiração da República de Curitiba para derrubar Gilmar Mendes ( e o próprio Dia Toffoli) do STF e que selou, definitivamente, o afastamento de Deltan Dallagnol da Força Tarefa, não importa o que se faça para adiar o inevitável.

Mendes -para seus padrões – reagiu com relativa moderação às revelações, repetindo que a Força Tarefa se tornou uma “organização criminosa” e que não se surpreenderia se os promotores “tivessem aberto uma conta em meu nome na Suiça”, para incriminá-lo. E, então, segundo o site jurídico Jota, falou a frase mais importante: “imagina o que não fizeram nas delações, nas combinações sobre delações”.

Aí está a “obra” de Dallagnol e sua turma: a credibilidade de tudo o que foi apurado, agora, está em xeque, pelo que se mostraram capazes de fazer para alcançar seus objetivos.

Veja fala em “clima de funeral” na sede da Lava Jato em Curitiba.

O que os “minions” não conseguem compreender que a questão não é ter simpatia ou não por Gilmar Mendes e nem sequer o julgamento sobre seu comportamento, mas a prova inequívoca de que os promotores da Lava Jato não apenas descumpriam a lei e suas reservas de poder como, jocosamente, debochavam disso.

Salvo na insensatez absoluta, não vão achar quem os defenda, agora que nem sequer dúvidas restam de que os diálogos são verdadeiros.

Pior ainda, com a proximidade (e a promiscuidade) entre Dallagnol e o então juiz, o efeito de sua queda é o de um pino de boliche ao lado de Sergio Moro.

Amanhã ou depois, certamente, mais aparecerá, na bem sucedida estratégia de publicação que o The Intercept e seus parceiros seguem, necessária num país onde as indignações éticas da mídia e da Justiça chegaram a um pavoroso entorpecimento que ainda enfrentamos.

Muito brilho e muita alegria no Arraiá “Prego Batido com Ponta Virada” da APAE de Araioses

Milhares de pessoas foram à Arena do Viva Araioses para ver as atrações do Arraiá Prego Batido com Ponta Virada da APAE

Como já era esperado o Arraiá Prego Batido com Ponta Virada da APAE de Araioses realizado na noite de sábado (3), na Arena do Viva foi um belo espetáculo para milhares de pessoas que satisfeitas com as apresentações aplaudiam a cada uma se apresentava.

Foram três meses de intenso trabalho na confecção das fantasias e das peças decorativas envolvendo grande parte da equipe da entidade onde alguns abriram mão de suas férias para ajudar.

Louve-se o trabalho e liderança de Dona Jacinta Holanda de Oliveira Lima que não poupou esforço para a realização de mais um arraial da APAE, mesmo tendo que enfrentar enormes dificuldades em tempos tão difíceis de se fazer arte e cultura em Araioses.

Mas valeu a pena, pois a alegria de todos – brincantes e assistentes – foi à prova do reconhecimento pelo trabalho que há anos tem sido realizado pela APAE de Araioses que é uma referência no Maranhão.

Dança Nordestina abriu a festa, seguido do Bumba-boi Guerreiro da Escola Santa Teresinha da APAE, Dança Portuguesa com o grupo Império dos Sonhos de Água Doce/MA), Dança Tribal de Água Doce/MA, Boi Guerreiro da APAE e Boi Mucunã de Tutoia.

A sonorização ficou por conta da Orquestra do Boi Mucunã de Tutoia e Richardson como mestre-de-cerimônia.

Nota de agradecimento da APAE aos colaboradores (as):

Mais um ano do Arraia Prego Batido com Ponta Virada da Apae de Araioses/MA e nossos agradecimentos são em especial a Deus por não ter deixado que os “nãos” fizessem com que esmorecêssemos, a Dona Jacinta que esteve na frente de tudo com suas maravilhosas ideias que foram colocadas em forma pela equipe Apaeana Maravilhosa que a acompanha, Sr. Presidente Valdir, aos funcionários que abdicaram se suas férias para trabalhar dia e noite para que ocorresse tudo da melhor forma .

A toda comunidade que nos ajudou com suas doações, aos que nos doaram e não quiseram divulgação de seus nomes, aos Pais e Responsáveis, a Madrinha Boi Guerreiro Dona Rosária Dias – ex-primeira Dama de Água Doce do Maranhão, a Prefeitura de Araioses, ao Richardson que fez toda apresentação, Daniel Fotógrafo, Daby Santos, Luiza Carvalho, Maicon (Tutoia), Adão Pereira (Porto Areia – Tutóia), Adriano Arte & Cultura (Porto de Areia – Tutóia) Jessica Rodrigues e todos a todos os grupos de danças convidadas: Dança Portuguesa, Império dos Sonhos em nome Vereadora Dudu (Água Doce/MA), Dança Tribal de Água Doce/MA em nome Edi Carlos Silveira e João Paulo, Boi Mucunã e sua Maravilhosa Orquestra em nome Sr. Jardel e Dona Mageh, Erasmo e todos.

Gilmar sobre Dallagnol e Lava Jato: “Estão no mesmo patamar dos criminosos que dizem investigar”

Revista Fórum

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Gilmar Mendes, alvo explícito do procurador Deltan Dallagnol nas últimas revelações do Vaza Jato trazidas pelo El País, reagiu às mensagens que mostram o coordenador da Lava Jato de Curitiba orquestrando uma investigação ilegal contra ele. Gilmar disse não duvidar de provas forjadas e declarou que a atuação da Lava Jato é criminosa.

“Eu não me espantaria se não tivessem tentado forjar alguma cartáo de crédito internacional em meu nome. Eles estão no mesmo patamar dos criminosos que dizem investigar”, disse Mendes ao jornalista Ricardo Noblat, do jornal O Globo, ao comentar sobre as conversas inéditas divulgadas nesta terça-feira (6).

No domingo (4), o ministro já havia classificado a operação como uma organização criminosa. “A impressão que eu tenho é que se criou no Brasil um estado paralelo. […] É uma organização criminosa para investigar pessoas. Não são eles que gostam muito da expressão Orcrim?”, disse.

O plano de Dallagnol era explorar uma relação de Gilmar Mendes com Paulo Preto, operador financeiro do PSDB, para provocar impeachment do ministro. A investigação, ilegal para procuradores de primeira instância, fazia parte de toda uma saga quase obsessiva de Dallagnol que visava colocar um minsitro do Supremo como “troféu” da Lava Jato.

“Seria uma história bem típica de Lava Jato”, disse o procurador em uma das conversas ao defender o afastamento de Gilmar. Em seguida, ele ainda dispararia a seguinte frase: “Sonho que Toffoli e GM [Gilmar Mendes] acabem fora do STF rsrsrs”.

Devido à ilegalidade da iniciativa, alguns colegas chegaram a alertar ao coordenador da Lava Jato de que era melhor colocar o pé no freio. Um dos mais insistentes foi o procurador Paulo Roberto Galvão, que chegou a pedir “cuidado” a Dallagnol porque o STF seria corporativista.

Amanhã, quarta-feira, dia 7 tem Projeto Saúde na Comunidade na APAE de Araioses

Será amanhã (7), que a Unidade Móvel de Saúde do Projeto Saúde na Comunidade estará atendendo na APAE de Araioses aos interessados e interessadas a partir das 7:00 hs.

Local para marcar exames e informações na APAE de Araioses.

ULTRASSONOGRAFIA R$ 80,00

PREVENÇÃO DO COLO DO ÚTERO R$ 80,00

ELETRO DO CORAÇÃO R$ 80,00

HEMOGRAMA COMPLETO + DIABETES + COLESTEROL R$ 60,00

TRANSVAGINAL + PREVENÇÃO R$ 130

KIT COMPLETO DE 9 EXAMES MULHER R$ 260,00

KIT COMPLETO DE 7 EXAMES HOMEM R$ 230,00

KIT MULHER

PREVENÇÃO DO COLO DE ÚTERO

ULTRASSONOGRAFIA DE ABDOME + ULTRASSONOGRAFIA DE MAMA + ULTRASSONOGRAFIA DE TRANSVAGINAL + ELETROCARDIOGRAMA + HEMOGRAMA COMPLETO + GLICEMIA + COLESTEROL + EXAME DE URINA

KIT HOMEM

ULTRASSONOGRAFIA DA PRÓSTATA + ULTRASSONOGRAFIA DE ABDOME + ELETROCARDIOGRAMA + HEMOGRAMA COMPLETO + GLICEMIA + COLESTEROL + EXAME DE URINA

Atendimento será amanhã (7) em frente ao prédio da APAE de Araioses a partir das 7:00 hs.