Presidentes do TSE desde 1988 assinam nota pública contra Bolsonaro

Ministro Luís Roberto Barroso. Credit…Nelson Jr./SCO/STF

Por JORNAL DO BRASIL

Presidentes do Tribunal Superior Eleitoral desde 1988, incluindo o atual, Luís Roberto Barroso, assinam uma nota pública em defesa do sistema de voto eletrônico, nesta segunda (2). A notícia saiu no blog do Valdo Cruz. Leia a íntegra da carta.

Nota pública

O Presidente, Vice-Presidente, futuro Presidente e todos os ex-Presidentes do Tribunal Superior Eleitoral desde a Constituição de 1988 vêm perante a sociedade brasileira afirmar o que se segue:

1. Eleições livres, seguras e limpas são da essência da democracia. No Brasil, o Congresso Nacional, por meio de legislação própria, e o Tribunal Superior Eleitoral, como organizador das eleições, conseguiram eliminar um passado de fraudes eleitorais que marcaram a história do Brasil, no Império e na República.

2. Desde 1996, quando da implantação do sistema de votação eletrônica, jamais se documentou qualquer episódio de fraude nas eleições. Nesse período, o TSE já foi presidido por 15 ministros do Supremo Tribunal Federal. Ao longo dos seus 25 anos de existência, a urna eletrônica passou por sucessivos processos de modernização e aprimoramento, contando com diversas camadas de segurança.

3. As urnas eletrônicas são auditáveis em todas as etapas do processo, antes, durante e depois das eleições. Todos os passos, da elaboração do programa à divulgação dos resultados, podem ser acompanhados pelos partidos políticos, Procuradoria-Geral da República, Ordem dos Advogados do Brasil, Polícia Federal, universidades e outros que são especialmente convidados. É importante observar, ainda, que as urnas eletrônicas não entram em rede e não são passíveis de acesso remoto, por não estarem conectadas à internet.

4. O voto impresso não é um mecanismo adequado de auditoria a se somar aos já existentes por ser menos seguro do que o voto eletrônico, em razão dos riscos decorrentes da manipulação humana e da quebra de sigilo. Muitos países que optaram por não adotar o voto puramente eletrônico tiveram experiências históricas diferentes das nossas, sem os problemas de fraude ocorridos no Brasil com o voto em papel. Em muitos outros, a existência de voto em papel não impediu as constantes alegações de fraude, como revelam episódios recentes.

5. A contagem pública manual de cerca de 150 milhões de votos significará a volta ao tempo das mesas apuradoras, cenário das fraudes generalizadas que marcaram a história do Brasil.

6. A Justiça Eleitoral, por seus representantes de ontem, de hoje e do futuro, garante à sociedade brasileira a segurança, transparência e auditabilidade do sistema. Todos os ministros, juízes e servidores que a compõem continuam comprometidos com a democracia brasileira, com integridade, dedicação e responsabilidade.

Ministro LUIZ EDSON FACHIN
Ministro ALEXANDRE DE MORAES
Ministra ROSA WEBER
Ministro LUIZ FUX
Ministro GILMAR MENDES
Ministro DIAS TOFFOLI
Ministra CÁRMEN LÚCIA
Ministro RICARDO LEWANDOWSKI
Ministro MARCO AURÉLIO MELLO
Ministro CARLOS AYRES BRITTO
Ministro CARLOS MÁRIO DA SILVA VELLOSO
Ministro JOSÉ PAULO SEPÚLVEDA PERTENCE
Ministro NELSON JOBIM
Ministro ILMAR GALVÃO
Ministro SYDNEY SANCHES
Ministro FRANCISCO REZEK
Ministro NÉRI DA SILVEIRA

Carro e ônibus de turismo colidem em Caxias/MA

Reprodução

Por O Imparcial

Um carro de passeio e um ônibus de turismo colidiram frontalmente neste domingo (1º), na altura do km 569, no município de Caxias, a 371 km de São Luís. O acidente resultou em uma morte.

Segundo informações da Policia Rodoviária Federal (PRF), o veículo de passeio era um Toyota-Corolla e possuía placas de São José de Ribamar. Já o ônibus, era um VW/Comil Pia Rod O, na cor prata, com placas da cidade de Teresina, Piauí.

O condutor do veículo de passeio, de 56 anos, que não teve sua identidade revelada, foi a óbito no local da colisão, segundo a PRF.

Secretária de Educação de Água Doce/MA Rosária Dias participou do XVIII Fórum Estadual da UNDIME

A secretária de educação de Água Doce do Maranhão Rosária Dias participou do XVIII Fórum Estadual da UNDIME – MA, juntamente com os demais Dirigentes Municipais de Educação do Estado.

O Fórum teve o intuito de destacar a importância das instituições na Gestão das Políticas Educacionais e foi realizado nos dias 29 e 30 de julho na capital maranhense.

Um evento importantíssimo, que nos permitiu compartilhar experiências no âmbito da gestão escolar e obter orientações para a elaboração de planos de ação, programas e projetos que estimulem cada vez mais o aprimoramento da educação pública municipal.

O evento foi realizado exclusivamente para os Dirigentes Municipais de Educação.

Com informações do blog de Edu Santos

Bolsonaro desidrata ‘Terceira Via’ ao dizer que Lula ganharia com fraude

Por Fernando Brito, editor do TIJOLAÇO

Uma das “vantagens” da selvageria do bolsonarismo é que, como na fábula do lobo e do cordeiro, seus argumentos não precisam ser razoáveis.

Voltou a dizer hoje, em mais um “sermão do cercadinho”, Jair Bolsonaro voltou a dizer que o presidente do TSE, Luiz Roberto Barroso, “quer [uma] eleição suja e não democrática”, porque ele [Barroso] ajudou “a botar o cara [Lula] para fora da cadeia, torna elegível. E o Barroso vai contar os votos dele lá?”.

Qualquer um sabe que Luiz Roberto Barroso não só votou contra a soltura de Lula e contra a anulação de seu julgamento e condenação por Sergio Moro.

Não tem a menor importância, claro.

Tanto quanto Jair Bolsonaro não tem razão para desconfiar de urnas que, ao longo de quase toda a sua carreira parlamentar (e em 2018) nunca foram suspeitas por elegê-lo – a ele e ao filhos – por 20 vezes, também não há razão para crer nesta conspiração pró-Lula vinda de quem é o ministro mais anti-Lula do Supremo.

A nota lançada agora de manhã por todos os presidentes do TSE desde a Constituinte de 1988 – e, ainda, pelo ministro Alexandre de Moraes, que presidirá o pleito do ano que vem – significaria uma reação fortíssima se vivêssemos uma situação normal, o que não pode batizar um quadro onde o presidente da República ameaça as eleições.

Mas não diante do que está ocorrendo, porque a fatos se responde com fatos, não com declarações, ainda mais quando os ouvidos do autoritarismo faz o Planalto surdo.

É preciso que Jair Bolsonaro seja imediatamente submetido a um processo judicial por atentar contra o sistema democrático. E não é possível que Augusto Aras, em troca de sua recondução à chefia da Procuradoria Geral da república, permaneça inerte, quando a República está sendo ameaçada.

Não pode haver esperança de que esta ofensiva vá parar apenas com o mimimi das “notas de repúdio”.

Onze partidos pedem que TSE exija explicações de Bolsonaro sobre live da desinformação sobre urnas eletrônicas

Fachada do TSE e Jair Bolsonaro (Foto: ABr | Reprodução)

Onze partidos protocolaram neste sábado (31), segundo Mônica Bergamo, da Folha de S. Paulo, um requerimento para que o corregedor-geral eleitoral do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ministro Luís Felipe Salomão, interpele Jair Bolsonaro para que preste esclarecimentos sobre as acusações feitas por ele em transmissão ao vivo contra as urnas eletrônicas e o sistema eleitoral brasileiro.

Assinam o pedido as seguintes legendas: Solidariedade, MDB, PT, PDT, PSDB, PSOL, REDE, Cidadania, PV, PSTU e PCdoB.

Na live, anunciada por Bolsonaro como o evento em que ele provaria supostas fraudes em eleições passadas, o chefe do governo, com a ajuda de um “analista”, apenas disseminou desinformação sobre as urnas eletrônicas, reciclando vídeos antigos que circularam na internet e que já foram refutados pelo TSE.

Por 247

Polícia investiga assalto a residência de um dos ganhadores da Mega-Sena no Maranhão

Polícia investiga assalto a residência do cantor Édésio Nascimento, conhecido como “Milionário do Brega”. (Foto: Arquivo pessoal)

Por O Imparcial

A Polícia Civil do Maranhão (PC-MA) investiga um assalto a residência do cantor Édésio Nascimento, conhecido como “Milionário do Brega”, que aconteceu na tarde dessa quinta-feira (29), em Pinheiro, no Maranhão.

Édésio Nascimento é um dos vencedores da aposta do Maranhão da mega-sena, que ganhou R$ 25 milhões no sorteio da Quina de São João.

Segundo a Polícia Civil, no momento do assalto, Édésio Nascimento não estava em casa e os bandidos invadiram a residência e fizeram como refém o filho do cantor, que não foi identificado.

Ainda de acordo com a polícia, durante o assalto, objetos pessoais como joias e instrumentos musicais foram levados pelos criminosos. O prejuízo estimado chega a R$ 50 mil.

Édésio Nascimento não escondeu que ficou milionário após ter ficado com parte dos R$ 25 milhões da aposta vencedora da Mega-Sena. O cantor exibia nas redes sociais uma vida de luxo.

Segundo o delegado regional de Pinheiro, Wolney Cesar, é possível que o assalto tenha relação com a exposição.

“Pode ter acontecido sim. Ele foi um dos ganhadores do bolão da Quina de São João da Mega Sena e foi o único que estampou para a sociedade que tinha essa grande quantidade de dinheiro”, disse o delegado.

As investigações sobre o caso correm em sigilo, na tentativa de identificar a pessoas envolvidas no crime. A Polícia Militar tem realizado buscas na região para tentar localizar os suspeitos.

Prefeita Luciana Marão testa positivo covid, mas passa bem

A prefeita de Araioses Luciana Marão Felix testou positivo para a covid-19 e após atendimento em Paraíba/PI foi levada helicóptero para São Luís.

Em contato com o presidente da Câmara de Araioses, vereador Luís Fernando – o Luisão, ele disse que ela, graças a Deus, está passando bem.

Luisão disse ainda que a prefeita chegou a capital maranhense por volta das 11 horas e que ela foi direta para o hospital, que chegou andando, falando e um pouco cansada, mas já está sendo assistida.

Nossos desejos e votos são pela total recuperação da prefeita e que ela retorne, o mais breve possível, a suas atividades no comando da prefeitura araiosense.

Bolsonaro, patético, diz que voto eletrônico é para eleger Lula

Por Fernando Brito, editor do TIJOLAÇO

Eleito com a urna eletrônica, Jair Bolsonaro disse, na live terminada agora há pouco, que a eleição de 2022 está previamente fraudada para eleger Lula.

“Quem vai contar os votos é quem tirou Lula da cadeia”.

Jair Bolsonaro deixou claro que não aceitará o resultado das eleições, porque não haverá o voto da maneira que ele quer que seja dado.

Abriu guerra total com o Tribunal Superior Eleitoral e com o Supremo Tribunal Federal.

Não apresentou as “provas” que prometeu , disse que não as tinha, mas foi além disso nas provas de que não tem compromisso com o respeito aos limites da democracia.

Assumiu a defesa até do brucutu Daniel Silveira, o brucutu que sugeriu espancar um ministro do STF “com um gato morto” até que este miasse.

Ao país, confessadamente, diz que sua virtude é acreditar em Deus e que é ter acabado com a corrupção.

Se é, não merecíamos a praga que vivemos e se acabou com a corrupção, não era isso o que nos desgraçava.

No seu olhar, o problema do país é o “excludente de ilicitude”, para que o policial possa matar sem responder por fazê-lo sem razão.

Não é a questão de abrir discussão sobre argumentos – muitos deles legítimos – de questionar a necessidade de mecanismos de auditagem das urnas, porque não é isso o que interessa a Jair Bolsonaro.

O que interessa a ele é o tumulto e dizer que o favoritismo de Lula é fraude e que é ele quem tem votos.

É a antecipação de sua reação à derrota eleitoral.

Chamou Exército, Marinha, Aeronáutica e Polícias Militares: “está em nossas mãos a liberdade da nação”.

Foi a fala, para quem quiser lê-la, de quem não o pronunciamento das urnas sem que possa pressionar e intimidar o eleitor.

E de quem, como não o terá, está preparando uma insurgência contra o que falarão as urnas.

E o Centrão, sabido como o diabo, leu o que disse Bolsonaro como uma confissão de derrota.

Jair mostrou que entrega o governo, mas não a alma golpista.

Roberto Costa revela que MDB pode apoiar Flávio Dino e que aliança está sendo amadurecida

Roberto Costa e Márcio Jerry emoldurado pelos Leões, em solenidade, nesta quinta-feira, no Palácio com a presença do governador Flávio Dino, vice-governador Carlos Brandão, o presidente da Assembleia, Othelino Neto, o senador Weverton, prefeitos e deputados.

Por John Cutrim

Exclusivo – O deputado Roberto Costa, vice-presidente do MDB, revelou, em entrevista exclusiva ao blog nesta quinta-feira (29), que há a possibilidade real do partido apoiar a candidatura do governador Flávio Dino ao Senado. De acordo com Costa, o diálogo está sendo feito na legenda e a possibilidade de aliança “está sendo amadurecida” com os membros da sigla.

“A presidente do partido [ex-governadora Roseana Sarney] já disse que não tem nenhum interesse em disputar o Senado, então isso abre uma porta muito direta, inclusive para o partido discutir a candidatura do senador Flávio Dino. Eu, pessoalmente, tenho a tendência muito forte de votar no Flávio para o Senado uma vez que o partido já disse que não tem interesse em relação a questão da discussão ao Senado”, afirmou o deputado ao blog do John Cutrim, logo após solenidade no Palácio dos Leões de entrega de ambulâncias a municípios. Na imagem acima, Roberto está ao lado do deputado federal e presidente do PCdoB, Márcio Jerry, referendando a aproximação do MDB com os Leões.

Ainda de acordo com Roberto Costa, o MDB, além de apoiar Flávio Dino, pode seguir também com o candidato a governador escolhido por ele.

“Há um sentimento dentro do partido de ter uma discussão ampla, sem fazer distinção. Existe hoje diálogo com o senador Weverton, também com o vice-governador Carlos Brandão e, acima de tudo, um sentimento maior do partido, inclusive do diálogo em relação ao governador Flávio Dino. O que já ocorreu de divergências no passado, ficaram no passado, a gente está com o pensamento de construir o futuro do Maranhão, até porque o partido tem trabalho prestado e tem responsabilidade com os destinos do estado”, declarou ao blog do John Cutrim.

Roberto ressaltou que não há nenhum tipo de veto a Dino e seu grupo, tendo em vista que é necessário pensar no futuro do Maranhão e no trabalho que vem sendo feito, sem o risco de interrupção. “Não existe nenhum tipo de veto, eu inclusive tenho individualmente posições de apoio ao governador Flávio Dino. Todo sentimento de ódio ficou no passado. O partido, com a liderança da ex-governadora Roseana, está muito maduro, equilibrado, está muito no sentido de se pensar no Maranhão prioritariamente”, arrematou.

Roseana Sarney lidera nova pesquisa para o Governo do Maranhão

Por Gilberto Léda

Pesquisa Econométrica, divulgada pelo programa Ponto e Vírgula, nesta quinta-feira (29), a mostra que a ex-governadora Roseana Sarney segue liderando a corrida para o Governo do Maranhão. No cenário estimulado, ela pontua com 24,6%, seguida do senador Weverton Rocha, que tem 19,9%.

O ex-prefeito Edivaldo Jr. é o terceiro com 10,8%. Em quarto lugar está o senador Roberto Rocha, com 10,1%. O vice-governador Carlos Brandão alcança 10%. O prefeito Dr. Lahesio Bonfim tem 8,3%, o deputado Josimar Maranhaozinho 4,5% e o secretário Simplício Araújo 1%. Nenhum/Branco/Nulo somou 4,1% e Não sabe/Não Respondeu 6,7%.

Contratada pelo Programa Ponto e Vírgula, a pesquisa ouviu 1.616 pessoas, entre 22 e 25 de julho, com margem de erro de 2,4 pontos percentuais, para mais ou para menos, e nível de confiabilidade de 95%.

Sessões da Câmara de Vereadores retornam nesta terça-feira, dia 3 de julho

Vereador Luisão – presidente da Câmara de Araioses

Depois de um breve recesso, a Câmara de Vereadores de Araioses retorna seus trabalhos na próxima terça-feira, dia 3 de julho.

Como disse seu presidente o vereador Luís Fernando Marão Felix (Luisão) em entrevista concedida na live do Comando do Delta nesta terça-feira (27), os vereadores araiosenses que apoiam o governo ou não vem fazendo um bom trabalho no Legislativo Araiosense.

Vamos aguardar!

Deputado Marcos Caldas diz que pré-candidatura de Weverton não subiu no telhado

deputado Marcos Caldas

Por Jorge Vieira

Um dos maiores entusiastas da pré-candidatura de Weveton Rocha, o  deputado Marcos Caldas diz que desconhece articulação no PDT para garantir, pelo menos, a vice na chapa que receberá o apoio do governador Flávio Dino, como divulgou este blog, caso seja confirmada a desistência do senador pedetista na disputa interna que trava com o vice-governador Carlos Brandão (PSDB).

Segundo Caldas, não existe motivo para o senador desistir tendo ele a seu favor seis partidos já declarados, alguns prestes a declarar, uma enorme quantidade de prefeitos e empresários que acreditam em seu projeto político para o estado, além de boa colocação nas pesquisas. Para ele, a informação de que a pré-candidatura estaria subindo no telhado não existe.

Com base em fontes ligadas na sucessão estadual, o blog do Jorge Vieira publicou nesta terça-feira a possibilidade do senador abrir da disputa em favor de Carlos Brandão após o presidente nacional do PDT Carlos Lupi, fracassar na tentativa de pressionar o governador a aceitá-lo como candidato do grupo e do conselho de Flávio Dino para que os dois cheguem a um entendimento para evitar fissuras.

Apesar da afirmação de Marcos Caldas de que Weverton não pretende desistir, é fato de que os movimentos do senador ultimamente falam o contrário. Os acontecimentos do final de semana, por exemplo, mostram o pedetista, outrora arrogante, falante e determinado a ser candidato com ou sem o apoio do governador, cordeirinho, com outra postura.

É aguardar para conferir, a final o jogo está apenas começando.

Vídeo: Bolsonaro diz que STF “cometeu crime” e que Barroso é “contra a democracia”

Jair Bolsonaro (Reprodução)

Por Plinio Teodoro/Revista Fórum

Em vídeo editado pelo canal bolsonarista que divulga as conversas no cercadinho do Palácio da Alvorada, Jair Bolsonaro (Sem partido) acusou o Supremo Tribunal Federal (STF) de “cometer crime” ao dizer que vai rebater a nota em que a corte usa uma negativa da frase do ministro da Propaganda de Hitler, Joseph Goebbels, para desmentir as declarações de que proibiu o governo federal de agir na pandemia.

“Vou rebater logo mais a nota do Supremo Tribunal Federal de ontem, dizendo que não tirou poderes meus. Isso é fake news”, disparou a apoiadores na manhã desta quinta-feira (29).

Bolsonaro afirmou que não vai “peitar o STF”. “Eu tenho uma nota, mas não vou peitar o STF. Até mesmo porque estou por cima”.

O presidente classificou ainda como “crime” a decisão do STF que determinou que as ações contra a pandemia deveriam ser tomadas em conjunto entre a União, governadores e prefeitos.

“O Supremo, na verdade, cometeu crime ao dizer que prefeitos e governadores, de forma indiscriminada poderiam suprimir todo e qualquer direito previsto no Artigo 5º da Constituição, inclusive o ir e vir”, disse Bolsonaro, voltando a distorcer a decisão judicial. “Não adiantava tomar providência, pois prefeitos e governadores tinham mais poder do que eu”, reclamou.

O presidente ainda voltou a atacar nominalmente o ministro Luís Roberto Barroso, que também preside o Superior Tribunal Eleitoral (TSE), insistindo na tese de fraudes nas urnas eletrônicas para forçar a aprovação do voto impresso.

“Qual é o poder de convencimento do ‘Seu’ Barroso? O que brilha nos olhos dele? Acho que todos nós queremos ter esse poder de convencimento dele para dentro do Parlamento”, disse sobre a reunião de ministros do STF com partidos sobre o tema. “Eles não querem o voto democrático. Eles são contra a democracia”, emendou.

Assista

Homem é preso suspeito de estuprar a filha durante quatro anos em Açailândia

Homem é preso suspeito de estuprar a filha durante quatro anos em Açailândia — Foto: Divulgação/ Polícia Civil do Maranhão

Por G1 MA — São Luís

Um homem foi preso por estuprar a filha de 11 anos de idade na cidade de Açailândia, a 565 km de São Luís. De acordo com informações da polícia, os abusos começaram quando a vítima tinha oito anos.

Segundo Gabriela Victor, delegada titular da Delegacia Especial da Mulher de Açailândia, a criança teria relatado a mãe que o pai tinha “mexido” nela e que os abusos aconteciam à noite, quando todos estavam dormindo. A criança ainda contou a avó que foi forçada a manter relações sexuais com o pai.

Os crimes vieram à tona somente esse ano, quando a vítima relatou os fatos à coordenadora da escola onde estuda, sendo acionado o Conselho Tutelar, o qual adotou as providências cabíveis.

O preso após prestar depoimento na delegacia foi encaminhado a Unidade Prisional de Açailândia onde ficará a disposição da Justiça.

Empresário é morto a tiros a caminho de casa em Balsas/MA

Vítima conduzia uma motocicleta quando foi surpreendido por outro motociclista. (Foto: Divulgação).

Poe O Imparcial

Um empresário, identificado como Joversio Bezerra Marinho, de 55 anos, foi assassinado a tiros, nessa quarta-feira (28), em Balsas.

De acordo com informações da polícia, a vítima era empresário do ramo do agronegócio e estava voltando para sua residência em uma motocicleta, quando foi surpreendido por outro motociclista, que disparou três vezes contra a vítima e fugiu do local após o crime.

A polícia também informou que os disparos atingiram o ombro e o tórax do empresário, que não resistiu e morreu no local.

As investigações policiais buscam identificar os possíveis autores do assassinato e apurar se o crime contra Joversio Marinho foi um homicídio ou um latrocínio.