U. E. Tudes José Cardoso fez tarde de festa para comemorar o Dia do Folclore

dia-folclore1

A Unidade Escolar Tudes José Cardoso realizou uma tarde de festa para comemorar o Dia do Folclore na sexta feira dia 22 de agosto, dia em que o evento é comemorado.

Foi uma tarde bastante agradável com muitos trabalhos produzidos e apresentados por alunos e professores da escola e contou também com a participação da comunidade escolar.

Houve muitas apresentações como o Boizinho do Tudes, Dança do Frevo, o Carimbó da Escola Humberto de Campos e o lindo boizinho da APAE, além de teatro com personagens folclóricas e muito forró.

dia-folclor3

dia-folclore2

dia-folclore4

 

Teresina – o oásis de quem precisa cuidar da saúde

Estou em Teresina, capital do Piauí – não em viagem de passeio, negócios, turismo e sim cuidando de um problema de saúde que vinha me privando de desenvolver minhas atividades profissionais.

Nesse pouco tempo que estou aqui, digo com certeza de que a capital piauiense é a Meca da saúde, para onde se dirigem os enfermos de Teresina e de dezenas e dezenas de cidades não só do Piauí como do Maranhão também.

aeriacontorno

Num raio de um quilômetro de onde está localizado o Hospital São Marcos (área na cor de cerâmica) existem dezenas de outras casas de saúde.

Impressiona a quantidades de pessoas de cidades maranhenses que em tão pouco tempo pude conhecer.

Em volta do Hospital São Marcos – onde estou cuidando da minha saúde – tem outros hospitais e clínicas de saúde o que não seria exagero dizer que aquela área pode ser chamada de a Cidade da Saúde ou o oásis dos que se encontram enfermos e não encontram condições de se tratarem em suas cidades, seja de qual estado for.

Pelo que pude ver a situação dos maranhenses são as mais lamentáveis.

Num momento em que se vê a movimentação de milhares de prefeitos brasileiros se mobilizando por mais recursos para suas prefeituras sob o argumento que perderem renda e no momento que os escândalos de roubalheiras se tornam cada vez mais públicos e evidentes, não posso deixar de publicar o comentário de uma senhora que assistia na TV uma reportagem sobre a luta dos gestores por mais dinheiros:

“O que eles querem mais dinheiro para roubar mais”!

Ministério da Saúde lança versão digital do Cartão SUS

Aline Leal – Repórter da Agência Brasil

Agência Brasil

Agência Brasil

O Ministério da Saúde lançou, nesta semana, aplicativo com a versão digital do Cartão SUS, que é a identidade do cidadão no Sistema Único de Saúde. O Cartão SUS digital permite o cadastramento de alergias, telefones de emergência, calcula massa corpórea e facilita o acompanhamento da pressão e da glicemia por meio de gráficos.

O aplicativo está disponível para smartphones com sistema Android. A previsão é que, em novembro, ele também esteja disponível na Apple Store.  A ideia é futuramente ampliar os serviços da ferramenta, de modo que o cartão indique, por exemplo, o serviço de saúde mais próximo e permita compartilhar informações entre pacientes e médicos.

De acordo com o Ministério da Saúde, a pesquisa Mobile Report, da Nielsen Ibope, mostrou que 68,4 milhões de pessoas usam internet pelo celular no Brasil. O objetivo é que essas pessoas também possam utilizar o aplicativo. Em 2014, o ministério destinou R$ 4 milhões para a compra de mais de 13 milhões de mídias plásticas do cartão.

A proposta do Cartão SUS é possibilitar a identificação única dos usuários do sistema em uma espécie de prontuário eletrônico que reúna todas as passagens do paciente pela rede pública de saúde.

O ministério destacou que as unidades da rede pública de saúde devem prestar atendimento à população, independentemente da apresentação do cartão. Se o paciente não tiver um número de Cartão SUS, o registro pode ser feito no momento do atendimento.

Vice assume cargo de prefeita foragida no Maranhão

A vice-prefeita, Malrinete Gralhada (PMDB), tomou posse do cargo de prefeita, na manhã desta sexta-feira (28), no Fórum de Bom Jardim (MA), pelo juiz titular da 2ª Vara da Comarca Cristóvão Sousa Barros. A cidade estava sem gestor desde que a prefeita Lidiane Leite da Silva, de 25 anos, fugiu após ter a prisão decretada pela “Operação Éden”, da Polícia Federal.

posse_vice_prefeita

 

Malrinete Gralhada é empossada em Fórum da cidade de Bom Jardim (MA). (Foto: Rafael Gonçalves)

A posse deveria ter sido realizada pela Câmara de Vereadores, mas o presidente da casa não estava na cidade.

A justiça já havia concedido mandado de segurança determinando que a vice assumisse imediatamente a prefeitura, na quinta-feira (27).

lidiane

 

Lidiane Leite assumiu a prefeitura aos 22 anos. (Foto: Arquivo pessoal)

O advogado Carlos Sérgio de Carvalho informou, nesta sexta-feira, que se desligou do caso, de acordo com nota enviada ao G1 pelo escritório de advocacia C. S. C. B. Advogados Associados. Ele havia assumido a defesa na segunda-feira (24).

Fonte: Jornal Pequeno

ESTOU VENDENDO A BROS DA FOTO

bros

ESTOU VENDENDO A BROS DA FOTO

ANO 2010 COM DOCUMENTAÇÃO 2015 EM DIAS QUITADA.

A MOTO ESTÁ CONSERVADÍSSIMA E O QUE FOI TROCADO É TUDO ORIGINAL.

OS INTERESSADOS ENTRAR EM CONTATO COMIGO (DABY)

PELO FONE (98) 98817-8048

OU NO LOCAL: RUA SÃO LUIS, 246 – ALTO SÃO MANOEL

ARAIOSES – MARANHÃO

Um amigo de verdade – vale a pena recordar

Cerca de cinco anos atrás, um casal que mora em João Peres a quem os tenho como amigos há bastantes anos passou, creio, pelos momentos mais difíceis de suas vidas.

Na época seus três filhos – dois meninos e uma menina – ao brincar com substâncias explosivas não perderam a vida pela graça de Deus – Nosso Pai Criador.

Lá do alto, o Pai de todos nós fez sua parte, mas aqui na terra a ajuda de um amigo do casal – falo de amigo de verdade e não esses que são amigos apenas da boca para fora – chegou junto com toda a sua estrutura: apoio financeiro e moral, presença pessoal e abertura de clínicas em Parnaíba para cuidar dos danos e ferimentos das crianças que foram batentes graves.

O amigo do casal é político e o líder maior de Magalhães de Almeida.

As crianças estão muito bem, embora ainda carreguem em suas mentes os momentos difíceis pelos quais passaram.

Relembro esse fato que é do conhecimento de muitos, para que outros entendam que amizade é algo raro e quem tem amigos assim que tratem de conservá-lo.

Prefeita foragida da PF teve vida humilde antes de ostentar luxo na web

Lidiane da Silva Leite, 25, está foragida desde a semana passada.
Ela é suspeita de desviar milhões em verbas da educação.

Do G1 MA

Lidiane Leite assumiu a prefeitura aos 22 anos (Foto: Arquivo pessoal)Prefeita Lidiane Leite é natural de Bom Jardim (Foto: Arquivo Pessoal)

Antes de se tornar prefeita por acaso e passar a ostentar uma vida de luxo nas redes sociais, a jovem Lidiane Leite da Silva, de 25 anos, vendia leite na porta da casa da mãe para sobreviver na pequena Bom Jardim, no Maranhão. Na cidade onde nasceu e foi criada, estudou até o ensino fundamental. Se valia da simpatia e da boa aparência para atrair a freguesia e acabou chamando a atenção de Humberto Dantas dos Santos, o Beto Rocha, fazendeiro de Lagarto (SE), com quem iniciou o namoro que mudaria sua vida para sempre.

Prefeita de Bom Jardim (MA) ostentava boa vida nas internet (Foto: Fotos: Reprodução / TV Mirante)

Prefeita de Bom Jardim (MA) ostentava boa vida
nas internet (Foto: Fotos: Reprodução / TV Mirante)

O fazendeiro com patrimônio em torno de R$ 14 milhões, incluindo fazendas, caminhonetes de luxo e apartamentos em São Luís, foi lançado em 2012 pelo PMN como candidato a prefeito de Bom Jardim, mas teve a candidatura impugnada no mês agosto, após o Ministério Público Eleitoral (MPE) denunciar à Justiça a prática de “captação ilícita de sufrágio” (compra de voto).

Beto então renunciou e lançou a candidatura da namorada pelo PRB, com limite de gasto de até R$ 500 mil. Lidiane, que sequer possuía bens registrados em seu nome, acabou se elegendo com 50,2% dos votos válidos (9.575) frente ao principal adversário, o médico Dr. Francisco (PMDB), que obteve 48,7% (9.289). Beto então assumiu a Secretaria Municipal de Assuntos Políticos e acabou preso na “Operação Éden”, na quinta-feira (20).

A rotina de viagens, festas, roupas caras, veículos e passeios de luxo é incompatível com o salário de pouco mais de R$ 12 mil que Lidiane recebia como prefeita de Bom Jardim e passou a compartilhar por meio de fotos nas redes sociais.

“Eu compro é que eu quiser. Gasto sim com o que eu quero. Tô nem aí pra o que achem. Beijinho no ombro pros recalcados”. Em outro post, ela diz: “Devia era comprar um carro mais luxuoso pq graças a Deus o dinheiro ta sobrando (sic)”.

No Maranhão, entre 217 municípios, Bom Jardim ocupa a 175ª posição no ranking de Índice de Desenvolvimento Humano Municipal (IDHM) da Organização das Nações Unidas (ONU), que analisa o acesso à educação, renda e expectativa de vida. É considerada a segunda pior para se viver no Vale do Pindaré, composto por 22 cidades maranhenses.

Procurada pela PF

A PF lançou nesta segunda-feira (24) um alerta: quem ajudar a prefeita a se esconder será tratado como integrante de organização criminosa, de acordo com o superintendente da PF no Maranhão Alexandre Saraiva.

“Pelo tempo que ela está desaparecida, é muito provável que ela esteja recebendo o auxílio de outras pessoas. Isso pode fazer com que essas pessoas sejam incluídas na organização criminosa que se investiga”, disse.

A PF informou também que a vigilância em aeroportos e rodoviárias foi reforçada. Além de Beto Rocha, está preso o ex-secretário de Agricultura, Antônio Gomes da Silva, conhecido como Antônio Cesarino.

Esquema
A polícia investiga transferências de cerca de R$ 1 mil realizadas da conta da prefeitura para a conta pessoal de Lidiane que chegam a R$ 40 mil em um ano. Também foram feitas transferências para o advogado da prefeitura, Danilo Mohana, que somam mais de R$ 200 mil em pouco mais de um ano.

Além da prefeita, secretários, ex-secretários e empresários também estão sendo investigados por causa de irregularidades encontradas em contratos firmados com “empresas-fantasmas”. Houve duas licitações para reformar 13 escolas, pelas quais a “Zabar Produções” obteve R$ 1,3 milhão e a “Ecolimp” recebeu R$ 1,8 milhão. Nenhuma das empresas foi encontrada.

Em 2013, a prefeitura firmou contrato com 16 agricultores para o fornecimento de merenda escolar nas escolas municipais, pelos quais cada agricultor receberia em média R$ 18 mil por ano. Os agricultores afirmaram que não receberam os pagamentos.

Governo anuncia corte de dez ministérios

Luana Lourenço – Repórter da Agência Brasil

O ministro do Planejamento, Nelson Barbosa, anunciou hoje (24) que o governo vai reduzir o número de ministérios, baixando de 39 para 29 o total de pastas. A medida faz parte de um pacote de reforma administrativa apresentado a ministros durante a reunião da coordenação política com a presidenta Dilma Rousseff.

Os ministérios a serem extintos serão definidos até o fim de setembro por uma equipe do governo. “Nosso objetivo é chegar a uma meta de dez [ministérios]. Existem várias propostas possíveis para atingir essa meta. Precisamos ouvir todos os envolvidos, não tem nenhum ministério inicialmente apontado para ser extinto”, disse Barbosa.

“Esse é um processo que envolve todo o governo federal, todos os órgãos e autarquias, envolve também uma melhor governança de empresas estatais, é um processo que precisa ser construído a várias mãos, deve ser feito com participação dos diversos ministérios, dos diversos órgãos e estatais do governo”, acrescentou. A definição dos ministérios que serão extintos vai levar em conta critérios de gestão e políticos, como o atendimento a partidos da base aliada do governo, que comandam algumas pastas.

A reforma também inclui cortes em estruturas internas de órgãos, ministérios e autarquias – com a redução de secretarias, por exemplo; a diminuição dos cargos comissionados no governo, os chamados DAS; o aperfeiçoamento de contratos da União com prestadoras de serviços, entre eles de limpeza e transporte; e a venda de imóveis da União e a regularização de terrenos.

Atualmente, o governo tem 22 mil cargos comissionados. Segundo Barbosa, 74% são ocupados por funcionários públicos, mas cerca de 6 mil não são do quadro.

O ministro não apresentou a estimativa da economia do governo com as medidas, mas disse que a reforma é necessária para a nova realidade orçamentária do país e vai melhorar a produtividade do governo. “Com o melhor funcionamento da máquina, você vai aumentar a produtividade do governo. É vital e crucial aumentar a produtividade dentro do governo”, disse.

Desde a campanha presidencial de 2014, a oposição cobra redução de ministérios. Há inclusive propostas em tramitação no Congresso Nacional para obrigar o governo a enxugar a máquina. Segundo Barbosa, Dilma decidiu fazer a reforma agora no momento em que o governo prepara a proposta de lei orçamentária e o Plano Plurianual, que traça os gastos e prioridades do governo de 2016 e 2019.

“A presidenta Dilma sempre foi, é e continua sendo muito focada em gestão pública. Durante a campanha não se colocou contra uma reforma administrativa, o que ela sempre apontou era qual a reforma administrativa, qual deve ser a reestruturação, que ministérios podem ser juntados, que ministérios podem ser recriados ou extintos. Nesse espírito que estamos apresentando a reforma”, explicou.

O ministro das Cidades, Gilberto Kassab, disse que a presidenta “nunca resistiu” à ideia de cortar ministérios, apenas decidiu que o momento é apropriado, após a aprovação das medidas de ajuste fiscal no Congresso Nacional. “É uma questão apenas de timing, ela esteve sempre de acordo, senão não estaria fazendo o que está propondo agora”.

Nelson Barbosa lembra que as medidas da reforma administrativa dependem de projetos de lei, decretos ou portarias para entrarem em vigor.

Prefeita Valéria do Manin faz festa em Mariquita para apresentar os serviços de água naquela região

agua-mariquita-regiao-3

Prefeita Valéria do Manin confere o funcionamento do serviço de água em uma residência no povoado Mariquita.

Na última sexta-feira (21), pessoas de vários povoados próximos a Mariquita e aqui da cidade foram mobilizados para a festa que a prefeita Valéria do Manin fez para entregar oficialmente, o serviço de água aos moradores daquela região.

Implantar o serviço de distribuição de água para as comunidades, onde esse líquido era muito difícil, entre outros, foi um dos compromissos assumidos pela prefeita em sua campanha de 2012.

Tenho informações que houve carreata pelos povoados da região, churrasco e muita cerveja gelada para os presentes. Também teriam sido doados dois quilos de carne para cada casa dos moradores da região que não foram a festa.

Pelas fotos o leitor vai perceber que dos nove vereadores do grupo de Manin Leal, apenas Wilson Miranda não estava presente. Se estava se escondeu do fotógrafo ou então esse não as mandou para mim.

Embora tenha recebido convite para está lá, minha presença foi totalmente impossível devido a alguns problemas de saúde que tem me mantido quase fora de ação nos últimos dias, onde passo a maior parte do tempo deitado.

Estou me preparando para ir a Teresina nos próximos dias cuidar da saúde que exige o acompanhamento de especialistas e talvez por isso a atualização do blog não vai ser tão pontual.

Antecipadamente peço que compreendam.

Abaixo confira uma seleção de fotos que me foi mandada pelo competente fotógrafo Joelson Santos:

agua-mariquita-regiao-4

agua-mariquita-regiao-1

agua-mariquita-regiao-2

Prefeita de Bom Jardim, Lidiane Rocha, já é alvo de 3 ações propostas pelo Ministério Público

lidiane

A prefeita da cidade de Bom Jardim, no Maranhão, Lidiane Rocha, foragida da Justiça Federal desde a última quinta, 20, é suspeita de fraudes em licitação e desvio de recursos de merenda escolar. Lidiane  já é alvo de 3 ações propostas pelo Ministério Público do Maranhão em 2013 e 2014, por irregularidades na educação municipal. Uma quarta ação contra Lidiane deverá ser ajuizada nos próximos dias, objetivando pedir o afastamento dela do cargo.

Em 23 de outubro de 2014, a promotora da comarca de Bom Jardim, Karina Freitas Chaves, ajuizou ação civil pública contra a prefeita, por ato de improbidade administrativa devido ao descumprimento de decisão judicial. A sentença descumprida refere-se à ação civil movida pelo Ministério Público do Maranhão em 8 de abril de 2014. Naquela ação, a promotora requereu, em pedido liminar, a urgência na regularização do fornecimento de merenda escolar, ‘o qual tem prejudicado o calendário de aulas no município’.

“No entanto, apesar de a Justiça ter concedido decisão favorável ao Ministério Público, a prefeitura descumpriu a ordem judicial para que fossem adotadas todas as medidas necessárias para a entrega, nas escolas da rede municipal, da totalidade de alimentos referente a um mês de aula (20 dias), durante todo o período letivo”, informou nota do Ministério Público na época.

A Promotoria de Justiça de Bom Jardim já havia ajuizado, em julho 2013, ação civil pública questionando a oferta irregular de ensino e o não cumprimento do calendário escolar devido à falta de professores, de transporte e de merenda escolar.

De acordo com o delegado federal Ronildo da Silveira, responsável pelo caso, a suspeita que pesa contra Lidiane é que toda a licitação de merenda escolar tenha sido fraudada, provocando prejuízo estimado até R$ 1 milhão. O delegado diz ter certeza de que R$ 300 mil, parceladamente, foram desviados do contrato. O valor corresponderia ao que seria pago da licitação a agricultores locais.

“Na hora de pagar os agricultores, o ex-namorado ia ao banco e sacava o dinheiro em conjunto com agricultores. Pegava o dinheiro e deixava migalha com ele, muito pouco, para mantê-los calados”, explica o delegado.

O federal conta que as investigações começaram após agricultores afirmarem que recebiam dinheiro, mas não forneciam nenhum alimento para a escola. Chamou a atenção da PF, ainda, a vida que a prefeita ostentava em uma rede social.

Da foragida

Vaidosa, 25 anos, Lidiane exibe nas redes sociais imagens de uma vida de alto padrão para uma cidade à beira da miséria, com um dos menores IDHs do Brasil. Carros de luxo, festas e preocupação com a beleza, o que inclui até cirurgia plástica, marcam o dia a dia da moça que, conforme seu registro na Justiça eleitoral, candidatou-se pela coligação ‘A esperança do povo’, com ensino fundamental completo e ocupação declarada ‘estudante, bolsista, estagiário e assemelhados.

“Muitas viagens, (Lidiane) colocava na internet que estava na hora de comprar um carro melhor, veículo de luxo, vivia em festa, fazendo cirurgia plástica”, relata o delegado.

Fonte: Maranhão da Gente

Blogueiro é condenado a pagar R$ 10 mil por ataques à família de Flávio Dino

Insinuações de blogueiro contra a familia de Flávio Dino levaram a condenação na justiça.

Por determinação da juíza Suely de Oliveira Santos Feitosa, da 8ª Vara Cível do Fórum Sarney Costa, o blogueiro Luís Pablo Conceição Almeida deverá pagar R$ 10 mil de indenização por danos morais ao governador do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB).

O caso se refere ao texto que Luís Pablo publicou no início de 2014 intitulado “Após abandonar o pai por mais de dez anos, Flávio Dino presta homenagem”. No post, publicado no calor da campanha eleitoral daquele ano, Pablo acusou o então candidato a governador de abandonar o pai, o ex-deputado estadual Sálvio Dino, baseado numa suposta história divulgada pelo deputado federal Hildo Rocha (PMDB).

Na ocasião da publicação, Dino comemorava a devolução simbólica do mandato de Saulo Dino pela Assembleia Legislativa do Maranhão. Ele teve o mandato cassado em abril de 1964, acusado pela Ditadura Militar de ser comunista.

Em sua defesa, o blogueiro afirmou que estava exercendo o direito à liberdade de imprensa e de expressão. Na sentença, a magistrada argumenta que as insinuações feitas na postagem ofenderam a honra de Flávio e Saulo Dino, ultrapassando os limites da informação e de formação isenta de opinião pública.

Leia a decisão:

PROCESSO Nº 17685-76.2014.8.10.0001 (192222014) AÇÃO: PROCEDIMENTO DE CONHECIMENTO | PROCEDIMENTO ORDINÁRIO AUTOR: FLAVIO DINO DE CASTRO E COSTA e SALVIO JESUS DE CASTRO E COSTA ADVOGADO: CARLOS EDUARDO DE OLIVEIRA LULA ( OAB 7066- MA ) e SUSAN LUCENA RODRIGUES ( OAB 12893- MA ) REU: LUIS PABLO CONCEIÇAO ALMEIDA ADVOGADO: DAVID TEIXEIRA COSTA ( OAB 11459- MA ) e RAIMUNDO CARLOS PINTO DIAS ( OAB 8118- MA ) SENTENÇA ANTE EXPOSTO, com base na fundamentação supra, JULGO PROCEDENTES os pedidos, para confirmar os efeitos da tutela anteriormente concedida, bem para condenar o requerido ao pagamento aos autores de indenização por danos morais, no valor de R$ 10.000,00 (dez mil reais), acrescido de juros de 1% (um por cento) ao mês, contados a partir do evento danoso (Súmula 54 do STJ), e correção monetária pelo INPC, a partir da condenação (Súmula 362 STJ). Por fim, deverá o requerido pagar as custas do processo e os honorários advocatícios dos autores, estes na base de 15% (quinze por cento) sobre o valor atualizado da condenação. Publique-se. Registre-se. Intimem-se. São Luís-MA, 31 de julho de 2015. SUELY DE OLIVEIRA SANTOS FEITOSA Juíza de Direito Auxiliar respondendo pela 8ª Vara Cível. Resp: 176586.

Fonte: Marrapá

Dilma diz que governo não vai “apertar o cinto” em programas sociais

Luana Lourenço – Repórter da Agência Brasil

governo-programas-socias

A  presidenta  Dilma  Rousseff participa da solenidade  de entrega de uma estação de bombeamento do Projeto de Integração do São Francisco, em Cabrobó, em Pernambuco – Roberto Stuckert Filho/Presidência da República

A presidenta Dilma Rousseff reconheceu hoje (21) que o governo está enfrentando dificuldades econômicas, mas afirmou que não vai “apertar o cinto” no orçamento de programas sociais. Dilma inaugurou nesta sexta-feira a primeira estação de bombeamento de água do Eixo Norte da obra de transposição do Rio São Francisco, em Cabrobó, no sertão pernambucano.

“Assim como em casa vocês têm, às vezes, algumas dificuldades com o orçamento, o governo federal também teve. Mas, assim como vocês escolhem onde vão apertar o cinto, nós também [escolhemos], e não vamos apertar o cinto em programas essenciais para o país seguir em frente, que são programas sociais como este aqui.”

Dilma defendeu o papel do governo na criação de oportunidades para que os brasileiros tenham igualdade de condições, independentemente da região em que vivam. De acordo com a presidenta, os problemas não serão superados com pessimismo.

“Temos dificuldade? Temos, sim. Ninguém tem de tapar o sol com a peneira. Mas achar que está tudo ruim não é a forma pela qual a gente constrói canal. A gente constrói canal encarando a dificuldade de frente e ultrapassando a dificuldade com muita água, com muita força no coração e com muita esperança”, afirmou a presidenta, numa analogia com as águas da transposição do Rio São Francisco.

Em discurso de cerca de meia hora, Dilma defendeu a obra de críticas. Ela destacou as dimensões do projeto, com quase 500 quilômetros de canais, atribuindo ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva a “vontade política” que tirou a transposição do papel. Segundo Dilma, a ideia de levar as águas do São Francisco para regiões mais secas do Nordeste existe desde que o Brasil era governado pelo imperador Pedro I.

“Há nessa obra uma vontade política. É uma obra que esteve colocada como possibilidade durante essa quantidade de anos, mais de 150 anos. Foi preciso que um nordestino fosse eleito presidente, que tivesse sido praticamente expulso de sua casa e tivesse ido para São Paulo e soubesse o preço, o custo em termos de vida, em termos de perspectiva de futuro e esperança, que a seca impunha para a população do Nordeste. Aí, a vontade de fazer foi muito importante.”

Seca

Dilma acrescentou que a obra de transposição soma-se à construção de adutoras e canais pelo Nordeste como estratégia, de modo que a população da região possa conviver com a seca sem as consequências negativas da estiagem sobre a vida e a produção agropecuária.

“Os primeiros relatórios de que havia seca no Nordeste são do século 16, ou seja, há mais de quatro séculos sabemos que a região sofre com a seca. O objetivo dessa obra é ajudar a nós, brasileiros, nordestinos, a conviver com a seca. Impedir que ela ocorra, não podemos. Só Deus sabe se tem ou não tem chuva. O que podemos fazer e fizemos? Armazenar água, trazer água de um lugar e garantir que, na hora da seca, a gente possa recorrer àquela água”, afirmou.

A Estação de Bombeamento EBI –1 elevará a água do São Francisco por até 36 metros e permitirá que ela percorra 45,9 quilômetros dos canais e chegue a dois reservatórios. A obra faz parte do Eixo Norte da transposição.

Segundo Dilma, todo o projeto será concluído até dezembro de 2016. De acordo com o governo, a transposição beneficiará diretamente 12 milhões de pessoas.

 

Governo e Unicef fortalecem parceria por redução de desigualdades sociais no Maranhão

unicef-dino

“Esta é uma ação pioneira entre as oito cidades que participam da Plataforma dos Centros Urbanos. É a primeira vez que as duas esferas de governo atuam com o objetivo de atender demandas da Plataforma que tem como objetivo reduzir as desigualdades sociais”, disse Eliana Almeida, coordenadora do Unicef no Maranhão. A Plataforma dos Centros Urbanos atua em oito capitais do país com o objetivo de enfrentar as desigualdades existentes nos centros urbanos.

Nesta sexta-feira (21), o Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef) apresentou ao governador Flávio Dino e a secretários municipais de São Luís, o resultado do primeiro ciclo da Plataforma na capital. Na ocasião, Flávio anunciou a participação do Governo do Estado na segunda etapa da Plataforma dos Centros Urbanos (PCU) com o fortalecimento de programas de combate à violência entre crianças, adolescentes e jovens no Maranhão.

O Executivo Estadual atuará em parceria com a Prefeitura de São Luís e Unicef, inicialmente nos 7 bairros da capital que apresentam as maiores demandas relacionadas às taxas elevadas de mortalidade neonatal, homicídios entre adolescentes e distorção idade-série. “O trabalho deve partir dos indicadores apresentados. Reconhecemos que os problemas existem, eles são reais. Estamos trabalhando todos os dias para mudar esse cenário de tantas desigualdades em nosso estado”, disse o governador Flávio Dino.

unicef-governo

O enfrentamento dos indicadores de violência na capital e o fortalecimento do trabalho desenvolvido pela Prefeitura de São Luís e Unicef   norteiam a atuação do Governo do Estado neste projeto. “Fortalecendo a Plataforma dos Centros Urbanos, fortalecemos as políticas públicas que já atuam na melhoria dos indicadores sociais”, afirmou Francisco Gonçalves, secretário estadual de Direitos Humanos e Participação Popular.

A Plataforma dos Centros Urbanos é uma contribuição da Unicef em parceria com prefeituras municipais e governos estaduais que busca garantir melhor acesso à educação, saúde, proteção e oportunidades de participação. O PCU atua nas cidades de Belém, Fortaleza, Maceió, Manaus, Rio de Janeiro, Salvador, São Luís e São Paulo. O Maranhão é o primeiro estado a anunciar a parceria entre as duas esferas de governo na Plataforma dos Centros Urbanos.

Participaram da reunião os secretários estaduais Francisco Gonçalves (Direitos Humanos e Participação Popular), Neto Evangelista (Desenvolvimento Social), Laurinda Pinto (Mulher), os secretários municipais, Lula Filho (Governo), Andreia Lauande(Criança e Assistência Social), Geraldo Castro (Educação), Helena Duailibe (Saúde), representantes da Unicef e do Instituto Paulo Montenegro.

Estrangeiros se encantam com a cultura maranhense no ‘Mais Cultura e Turismo’

estrangeiros-1

Turistas encantados com as apresentações do ‘Mais Cultura e Turismo’.Foto/Fellipe Neiva.

Conhecer um pouco da diversidade cultural maranhense em uma única noite deixou um grupo de turistas italianos encantados. Eles se juntaram a outros visitantes vindos da França, Espanha, Estados Unidos e até Japão e apreciaram a programação do ‘Mais Cultura e Turismo’, na noite de quinta-feira (21), que trouxe três sotaques diferenciados de bumba-meu-boi: costa de mão, zabumba e orquestra.

Hoje, dia 21, as apresentações continuam com as Damas do Reggae e os bois União da Baixada e de Morros, a partir das 19h. “O encerramento do projeto acontece no próximo dia 29 de agosto e a exemplo do que vem acontecendo, os shows de Luiz Melodia, Flávia Bittencourt e Divinas Folioas, acontecerão na Praça Nauro Machado”, comentou a secretária de Turismo do Maranhão, Delma Andrade.

estrangeiros-boi

Bailado das índias animou a noite – Foto/Fellipe Neiva.

O projeto “Mais Cultura e Turismo”, desenvolvido em parceria entre as Secretarias de Estado de Cultura e Turismo, tem por objetivo valorizar e resgatar a cultura maranhense e democratizar espaços públicos, proporcionando acesso à arte popular.

“O que vi aqui hoje foi incrível! Já estava encantada com o Centro Histórico, mas conhecer o bumba-meu-boi e todos os seus personagens foi uma experiência e tanto”, enfatizou a turista Marri Soulane, da França. Ela estava acompanhada de dois casais de amigos. Outro público presente foi o público do 38º Guarnicê de Cinema, realizado na Praia Grande. “É um caldeirão cultural. Em três apresentações conhecer três ritmos de bumba-meu-boi!”, enfatizou João Nascimento, do Rio Grande do Sul.

“O Centro Histórico passa por um processo de revitalização. As pessoas estão de volta a um dos locais mais significantes da capital maranhense e vivenciando a cultura do Estado”, enfatizou Delma Andrade.

O projeto incentiva e valoriza a diversidade cultural do Maranhão que é intensa. Ao longo dos dois meses de duração do ‘Mais Cultura e Turismo’, as apresentações foram as mais variadas possíveis: bandas de reggae, grupos de cacuriá e bumba-meu-boi, de jazz, bandas e cantores da música popular maranhense, entre outras manifestações.

Para o cantor Gabriel Melônio, que se apresentou durante o projeto, o momento é especial. “É de resgate e valorização do patrimônio cultural do Maranhão”, enfatizou. Por outro lado, proporcionar atrações no Centro Histórico de São Luís, despertando a atenção tanto do morador, quanto do turista para aquele patrimônio e revitalização daquela área foi outra conquista do projeto.

As atrações do ‘Mais Cultura e Turismo’ acontecem durante mais três dias: 21, 27 e 29, com o grande encerramento na Praça Nauro Machado, no Centro Histórico de São Luís. Os shows acontecem sempre a partir das 19h.

PF reforça a vigilância para capturar a prefeita de Bom Jardim

montalidiane

Prefeita de Bom Jardim (MA) ostentava boa vida nas redes sociais. (Foto: Fotos: Divulgação)

A Polícia Federal (PF) reforçou a vigilância em aeroportos e rodoviárias do Maranhão para capturar a prefeita de Bom Jardim (MA) Lidiane Leite (PP), foragida desde quinta-feira (20), quando foi deflagrada a “Operação Éden”, que investiga denúncias de desvios de verbas da educação no Município.

“Solicitamos a todos os cidadãos de bem do Estado do Maranhão que cada um deles se torne um agente da Polícia Federal e nos auxilie na captura dessa pessoa”, disse o superintendente regional Alexandre Saraiva, em entrevista coletiva concedida na quinta-feira.

Foram presos o ex-secretário de Agricultura, Antônio Gomes da Silva, conhecido como “Antônio Cesarino”, e de Assuntos Políticos, Humberto Dantas dos Santos, conhecido como Beto Rocha, que seria ex-namorado da prefeita.

Segundo o delegado Ronildo Lajes, a repercussão nacional do caso acelerou a deflagração da operação.

“Acontece que, com a publicação da reportagem, por decorrência da repercussão até nacional, nós percebemos no monitoramento que os alvos estavam se movimentando muito, tentando conversar com testemunhas e há rumores no local de que eles estavam tentando evadir-se”, explicou.

“Mesmo sendo policiais federais, somos humanos e estamos absolutamente indignados porque chegou ao nosso conhecimento que as crianças estavam sendo dispensadas mais cedo das aulas por falta de alimentação”, revelou o delegado Fabrizio Garbi.

 

Desvios

Ex-secretários municipais presos pela PF. (Foto: Reprodução / TV Mirante)

Ex-secretários municipais presos pela PF. (Foto: Reprodução / TV Mirante)

A polícia investiga transferências de cerca de R$ 1 mil realizadas da conta da prefeitura para a conta pessoal de Lidiane que chegam a R$ 40 mil em um ano. Também foram feitas transferências para o advogado da prefeitura, Danilo Mohana, que somam mais de R$ 200 mil em pouco mais de um ano.

Além da prefeita, secretários, ex-secretários e empresários também estão sendo investigados por causa de irregularidades encontradas em contratos firmados com “empresas-fantasmas”. Houve duas licitações para reformar 13 escolas, pelas quais a “Zabar Produções” obteve R$ 1,3 milhão e a “Ecolimp” recebeu R$ 1,8 milhão. Nenhuma das empresas foi encontrada.

Em 2013, a prefeitura firmou contrato com 16 agricultores para o fornecimento de merenda escolar nas escolas municipais, pelos quais cada agricultor receberia em média R$ 18 mil por ano. Os agricultores afirmaram que não receberam os pagamentos.

Luxo na internet
Lidiane se tornou prefeita aos 22 anos, em 2012, depois que o namorado dela na época Beto Rocha, candidato a prefeito, teve a candidatura impugnada ao ser enquadrado na Lei da Ficha Limpa. Ela assumiu o lugar dele e foi eleita.

Depois que assumiu o cargo, Lidiane passou a compartilhar fotos da nova rotina nas redes sociais. Nos perfis pessoais, ela escreveu: “eu compro é que eu quiser. Gasto sim com o que eu quero. Tô nem aí pra o que achem. Beijinho no ombro pros recalcados”. Em outro post, ela diz: “devia era comprar um carro mais luxuoso pq graças a Deus o dinheiro ta sobrando”.

Afastamentos
A Justiça do Maranhão havia determinado o afastamento da prefeita pelo prazo de 180 dias em dezembro de 2014, com base no descumprimento da regularização das aulas e do fornecimento de merenda e de transporte escolar em Bom Jardim.

Na ação, o Ministério Público do Estado afirma que Lidiane havia apresentado informações falsas a respeito das irregularidades, mas as informações acabaram desmentidas por meio de denúncias dos próprios moradores da cidade.

A gestora também já havia sido citada pela Justiça por má conduta no início de 2014, quando foi deferida liminar, a pedido do MP-MA, para declarar a ilegalidade de decreto municipal que tornou nulas as nomeações dos excedentes do concurso público homologado em novembro de 2011.

Fonte: Jornal Pequeno