Marina do Brasil é alvo de ataques impiedosos

Do Blog de Luis Cardoso.

Negra de vida sofrida, nascida e criada entre os seringais, só aprendeu a conhecer as letras aos 17 anos, amiga do bravo guerreiro Chico Mendes, senadora, ministra do Meio Ambiente, candidata à presidência da República em 2010, ficando em terceiro lugar. Essa é Marina Silva, a cara do Brasil.

Tão logo ascendeu à condição de candidata a presidente, em substituição ao ex-governador Eduardo Campos, seu ex-companheiro de chapa, Marina cresceu da noite para o dia nas pesquisas. Por uma simples razão: o povo brasileiro se identificou com suas propostas.

Mas a elite política da política brasileira não aceita que uma ex-seringueira seja a presidente deste imenso país. O alto empresariado do Brasil assiste assustado o crescimento da mulher de mãos calejadas rumo ao Palácio do Planalto.

A grande imprensa burguesa quer interromper a caminhada de Marina do Brasil para suceder a não menos burguesa e nunca revolucionária Dilma Rousseff.

Admirada por Lula e querida por FHC, Marina tem, sobretudo, a confiança da nação sofrida, do povo abandonado e, por isso, aparece como a esperança que pode resultar em melhores dias para a Nação.

Como suas passadas largas incomodam a grande imprensa e a elite burguesa da política, ela virou alvo de agressões e pressões em debates e entrevistas.

Ontem, por exemplo, o Jornal Nacional, na figura de seu âncora maior, Marina não passou por uma sabatina, mas por um trator, um terremoto, uma tentativa de desqualificá-la do processo eleitoral.

Dos 15 minutos, apenas no final ela teve a oportunidade em 1 minuto e meio para dizer o que pretende fazer pelo país. Nada lhe perguntaram sobre seu programa de governo, apenas a tentativa de destroçar sua vida pessoal e política.

Aprovo plenamente a entrevista que busca mostrar as contradições do candidato e seus erros na atividade pública. Mas o que se observou no JN foi, além de tudo, um massacre.

Flavio Dino poderá ganhar as eleições em Araioses

  • <

Sua força está na vontade de mudança do povo e não na liderança de Luciana Trinta ou outra qualquer.

flavio-dino-araioses1Carreata de Flavio Dino começou em João Peres.

A visita e carreata realizada pela caravana de Flavio Dino hoje (27) em Araioses, mostrou de forma bem clara que sua vitória em Araioses não é mais um fato impossível, como alguns diziam antes do início da campanha política.

Se isso ocorrer será fruto da vontade do povo que exige mudanças, que não suporta mais conviver com o atraso e vê que é hora de por fim no reinado de Sarney, que já dura meio século de existência.

Sua campanha está sendo coordenada pela ex-prefeita de Araioses Luciana Trinta, que certamente alardeará para si os méritos pela votação do candidato que lidera todas as pesquisas de intenção de votos. A boa organização do evento de hoje é mérito dela sim, porém sua participação na campanha de Dino, em Araioses tira voto também.

Provavelmente, ela ignorará a participação de outras lideranças políticas na luta como o vereador Manoel da Polo, como Espedito Coutinho, presidente do PCdoB (partido de Flavio Dino) em Araioses, como de muitas pequenas lideranças avulsas, que votam apoiam o candidato.

O evento de Flavio Dino hoje em Araioses foi muito bom. Apesar do pino do meio dia o povo mostrou sua aprovação ao candidato ao saudá-lo, quando a caravana dele passava em frente de suas casas.

Como já disse aqui em outras oportunidades a força das lideranças políticas de Araioses não serão medidas na votação dos candidatos majoritários – Presidente da República e Governador do Estado – e sim na votação que cada um der aos seus candidatos a deputado estadual e federal.

Para os cargos executivos o povo vota em quem quer onde a influência do apoiador não é fator decisivo. Já para o legislativo – deputados estaduais e fenderias – o buraco é mais embaixo, não diferindo muito da campanha de vereador. Por onde tenho andado e com quem tenho conversado ouço sempre algo como para ter meu voto tem que me dar “algo” em troca.

Hoje, 27 de agosto de 2014, será uma data para ser lembrada mais tarde. O que ocorreu mostrou que nessa eleição, além do candidato de Sarney (Edinho Lobão), há outro e com fome de vitória.

Nos pleitos passados a imagem que o povo araiosense tinha era de que só existia um candidato, o da Oligarquia. A força dos candidatos da oposição era tão pequena que não chegava por aqui.

Sinal dos tempos!

flavio-dino-araioses2

Carreata a caminho da Ilha de Berreiras.

Veto às regras para criação de municípios divide deputados e senadores

Da Redação

Plenário do Senado aprovou projeto, em agosto, por 52 a 4

veto da presidente Dilma Rousseff às regras sobre criação de municípios (PLS 104/2014 – complementar) provocou reações diferentes em senadores e deputados. O senador Anibal Diniz (PT-AC) classificou o veto como “lamentável”. Ele disse que a decisão revela a falta de diálogo entre o Executivo e o Legislativo. Anibal lembrou que em outubro do ano passado já havia ocorrido um veto em projeto de mesmo teor (PLS 98/2002). Assim, disse o senador, um novo projeto foi elaborado, como “fruto de um entendimento com o governo”.

- Simplesmente não entendemos o porquê, depois desse esforço empreendido, a presidente se manter na posição de vetar o projeto – declarou o senador.

Do zero

Para Anibal, o veto revela “a supremacia do Executivo” na formação do Estado brasileiro. Ele disse que agora o processo terá de começar do zero. O senador afirmou que há um “prejuízo tremendo” para as localidades que já apresentam condições de se tornarem municípios. A criação de novos municípios, disse Anibal, é uma forma de garantir direitos para os cidadãos.

- É preciso fazer com que o poder público chegue a essas localidades. E se não tem os municípios constituídos fica muito difícil um serviço público de qualidade chegar a esses locais – lamentou Anibal, acrescentando que a chance de derrubada do veto seja “muito pouco provável”.

O presidente da Confederação Nacional dos Municípios (CNM), Paulo Ziulkoski, concorda com Anibal. Para Ziulkoski, a discussão sobre criação, extinção, fusão e incorporação de municípios “volta à estaca zero”. O relator do substitutivo aprovado pela Câmara, deputado Moreira Mendes (PSD-RO), disse que o veto é um “deboche” de Dilma com o Congresso. O deputado chegou a perguntar se Dilma “não respeita negociação”. Ele ainda lembrou que a matéria foi negociada com os líderes do governo, tanto da Câmara quanto do Senado. Mendes afirmou que batalhará para garantir a derrubada do veto.

- Se tem uma pessoa que vai virar o mundo para derrubar o veto serei eu daqui para frente – prometeu.

Já o deputado Silvio Costa (PSC-PE) elogiou o veto. Para o deputado, a decisão mostra responsabilidade fiscal e evidencia que a presidente tem responsabilidade pública. Costa afirmou que o projeto era “esdrúxulo” e que a decisão de Dilma evitou a criação de mais um ralo de corrupção no Brasil. De acordo com o parlamentar, nunca houve acordo com o governo.

- A presidente jamais sinalizou que era a favor da criação de novos municípios – declarou, acrescentando que a articulação foi feita pelos presidentes do Senado e da Câmara.

Elites locais

As regras para os novos municípios foram aprovadas pelo Senado no início de agosto, com o placar de 52 votos a favor e apenas 4 contrários. O senador Randolfe Rodrigues (PSOL-AP), um dos que votou contra, elogiou a decisão da presidente Dilma.

- Da chefe suprema da Nação eu não esperava um ato diferente que não a responsabilidade com a coisa pública. O que é irresponsável é o projeto – afirmou Randolfe.

Para Randolfe, o país vive um momento que exige rigor com o gasto público e não seria responsável a possível criação de “quase 200 novos municípios”. Ele argumenta que um novo município exige a criação de prefeitura, câmara de vereadores e muitos outros órgãos – aumentando, assim, o gasto público. De acordo com o senador, é preciso encontrar outros caminhos para levar desenvolvimento às regiões mais pobres do país. Ele ainda aponta um possível uso político na criação de novos municípios.

- Esse projeto só serviria pra isto: atender às elites políticas locais – concluiu.

Com informações da Agência Câmara

Da Agência Senado

“Obrigado”, Lobão! Conta de energia vai aumentar 22,25% no Maranhão

Agência Brasil, com edição deste

Ministro Edison Lobão

Ministro Edison Lobão

O ministro de Minas e Energia, Edison Lobão, “presentou” a população do seu Estado com um grande aumento na conta de energia. O reajuste foi “excelente”, principalmente para o seu filho, Edinho Lobão, que é candidato a governador do Maranhão.

Agora a conta de luz para consumidores residenciais dos 217 municípios maranhenses atendidos pela Companhia Energética do Maranhão (Cemar) será reajustada em 22,25%. Para os consumidores de baixa tensão, o aumento médio ficará em 24,11%. Nesse grupo estão incluídos, além dos residenciais e de baixa renda, unidades rurais e de serviços públicos, inclusive de iluminação.

O aumento, autorizado nesta terça-feira (26) pela diretoria da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), entra em vigor no dia 28 de agosto.

Para os consumidores de alta tensão, o reajuste chegará a 24,16%. Com isso, o efeito médio de reajuste a ser percebido pelos consumidores alcançará 24,12%. O aumento será aplicado a cerca de 2,1 milhões de unidades consumidoras localizadas no estado.

Entre os fatores citados pela Aneel como influentes para o reajuste estão os gastos que a distribuidora teve com compra de energia, transmissão e pagamento de encargos setoriais.

Além desses, é considerada justificativa para o aumento a variação de custos que a empresa teve no ano – cálculo que inclui custos típicos da atividade de distribuição, sobre os quais incide o Índice Geral de Preços-Mercado e outros gastos.

Fonte: Blog do Luis Pablo

Dilma tem 34%, Marina, 29%, e Aécio, 19%, aponta pesquisa Ibope

Em simulação de segundo turno, Marina tem 45% e Dilma, 36%.
Instituto ouviu 2.506 eleitores entre os últimos sábado e segunda-feira.

Pesquisa Ibope divulgada nesta terça-feira (26) aponta Dilma Rousseff (PT) com 34% das intenções de voto para presidente da República e Marina Silva (PSB), com 29%. O candidato do PSDB, Aécio Neves, tem 19%, seguido de Pastor Everaldo (PSC) e Luciana Genro (PSOL), com 1% cada um. Os outros seis candidatos somados acumulam 1%.
Ilustração: G1

Ilustração: G1

O levantamento indica que, em um eventual segundo turno entre Dilma Rousseff e Marina Silva, a ex-senadora teria 45% e a atual presidente, que tenta a reeleição, 36%.

Encomendada pela TV Globo e pelo jornal “O Estado de S. Paulo”, a pesquisa é a primeira do Ibope com Marina Silva como candidata do PSB.

No levantamento anterior do instituto, divulgado no último dia 7, o candidato do partido ainda era Eduardo Campos, que morreu em acidente aéreo no último 13. Naquela pesquisa, Dilma tinha 38%, Aécio, 23%, e Campos, 9%. Entre uma pesquisa e outra, a taxa de indecisos passou de 11% para 8%, e a de quem pretende votar em branco ou nulo, de 13% para 7%.

Confira abaixo os números na modalidade estimulada da pesquisa (em que o pesquisador apresenta ao entrevistado um cartão com os nomes de todos os candidatos):

Dilma Rousseff (PT): 34%
Marina Silva (PSB): 29%
Aécio Neves (PSDB): 19%
Luciana Genro (PSOL): 1%
Pastor Everaldo (PSC): 1%
José Maria (PSTU): 0%*
Eduardo Jorge (PV): 0%*
Rui Costa Pimenta (PCO): 0%*
Eymael (PSDC): 0%*
Levy Fidelix (PRTB): 0%*
Mauro Iasi (PCB): 0%*
- Brancos/nulos/nenhum: 7%
- Não sabe: 8%

Cada um dos seis indicados com 0% não atingiu 1% das intenções de voto; somados, eles têm 1%

O Ibope ouviu 2.506 eleitores em 175 municípios entre os últimos sábado (23) e segunda-feira (25). A margem de erro é de dois pontos percentuais para mais ou para menos. O nível de confiança é de 95%, o que quer dizer que, se levarmos em conta a margem de erro de dois pontos para mais ou para menos, a probabilidade de o resultado retratar a realidade é de 95%. A pesquisa está registrada no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob o número BR-00428/2014.

 Espontânea

Na modalidade espontânea da pesquisa (em que o pesquisador somente pergunta ao eleitor em quem ele pretende votar, sem apresentar a relação de candidatos), o resultado foi o seguinte:

- Dilma Rousseff (PT): 27%
- Marina Silva (PSB): 18%
- Aécio Neves (PSDB): 12%
- Outros: 2%
- Brancos/nulos/nenhum: 12%
- Não sabe: 28%

Segundo turno
O Ibope simulou os seguintes cenários de segundo turno:

- Marina Silva: 45%
- Dilma Rousseff: 36%
- Brancos/nulos/nenhum: 9%
- Não sabe: 11%

- Dilma Rousseff: 41%
- Aécio Neves: 35%
- Brancos/nulos/nenhum: 12%
- Não sabe: 12%

Rejeição
Dentre os 11 candidatos a presidente, Dilma Rousseff tem a maior taxa de rejeição (percentual dos que disseram que não votam em um candidato de jeito nenhum). Veja os números:

- Dilma Roussef: 36%
- Aécio Neves: 18%
- Pastor Everaldo: 14%
- Zé Maria: 11%
- Marina Silva: 10%
- Eymael: 9%
- Levy Fidelix: 9%
- Luciana Genro: 8%
- Rui Costa: 7%
- Eduardo Jorge: 7%
- Mauro Iasi: 6%

Avaliação do governo
A pesquisa mostra que a administração da presidente Dilma tem a aprovação de 34% dos eleitores – no levantamento anterior, divulgado no último dia 7, o índice era de 32%. O percentual de aprovação reúne os entrevistados que avaliaram o governo como “bom” ou “ótimo”.

A pesquisa mostra ainda que o índice dos que desaprovam a gestão, ou seja, consideram o governo “ruim” ou “péssimo”, é de 27% (31% no levantamento anterior). Consideram o governo “regular” 36% (na pesquisa anterior, 35%).

O resultado da pesquisa de avaliação do governo Dilma foi o seguinte:
- Ótimo/bom: 34%
- Regular: 36%
- Ruim/péssimo: 27%
- Não sabe: 2%

Equipe da AGERP se reúne com dirigentes comunitários, vereadores e parte da equipe do governo de Valéria do Manin

agerp-araioses7

Um importante passo para diminuir a situação de extrema pobreza, de um bom número de famílias araiosenses, foi dado na manhã de hoje (26), quando estiveram reunidos a equipe da Agência Estadual de Pesquisa Agropecuária e Extensão Rural do Maranhão – AGERP, diretores de associações do município, vereadores e colaboradores do governo da prefeita Valéria do Manin no Centro Comunitário de Araioses.

Telma Aragão

Telma Aragão

A reunião se realizou pela manhã e foi presidida por Telma Aragão, coordenadora geral da AGERP no Maranhão. A falar minuciosamente do programa ele disse não entender como o Maranhão, um estado tão rico, poderia ainda ter tanta gente em total estado de extrema pobreza como ocorre ainda.

Pelas suas colocações esse importante programa do Governo Federal vai ter resultados muitos positivos em Araioses. Hoje foi dado continuação da Fase II do Plano Brasil Sem Miséria (PBSM) do Baixo Parnaíba e do Acordo de Cooperação Técnica (ACT).

A engenheira agrônoma Maria Jacy da S. Carvalho é que vai coordenar os trabalhos no município de Araioses. Presidentes de várias associações comunitárias que estavam presente foram informados de toda a metodologia do programa.

As famílias que terão direito aos recursos do programa são as que têm renda perca-pita de 70 reais para baixo. Todas serão acompanhadas e assistidas por 13 técnicos, terão liberdade para opinar de que forma querem aplicar os recursos do programa, porém a equipe da AGERP vai orientá-los de como melhor proceder. As famílias beneficiadas que aplicarem os recursos de forma errada serão excluídas do programa.

O Plano Brasil sem Miséria, instituído pelo Decreto nº 7.492, de 02/06/2011

Destaca que:

Art. 1º – Fica instituído o Plano Brasil sem Miséria, com a finalidade de superar a situação de extrema pobreza da população em todo o território nacional, por meio da integração e articulação de políticas, programas e ações.

Parágrafo Único: O Plano Brasil sem Miséria, será executado pela União em colaboração com Estados, Distrito Federal , Municípios e com a sociedade.

agerp-araioses1

 Da população extremamente pobre de Araioses 18.185, a maioria 15.027 vivem na área rural do município e apenas 3.158 vivem na cidade.

agerp-araioses2

agerp-araioses3

agerp-araioses4

agerp-araioses5

agerp-araioses6

O QUE OS TÉCNICOS DE ATER DO PBSM VÃO FAZER?

Orientar as famílias de agricultores familiares em situação de extrema pobreza, para ajudá-las a superar essa condição por meio da inclusão produtiva e social.

 INCLUSÃO PRODUTIVA:

Auxiliar as famílias para desenvolverem atividades que ampliem a segurança alimentar e gerem renda, contemplando a participação de jovens e mulheres.

 INCLUSÃO SOCIAL:

Levantar demandas de todos os integrantes das famílias sobre políticas públicas universais (educação, saúde, água, esgoto) e políticas de transferência de renda (Bolsa Família, BPC, Aposentadoria Rural);

Resultados esperados

O Fortalecimento da Unidade de Produção Familiar de forma sustentável respeitando o meio ambiente e os aspectos culturais do público envolvido;

Equipe de Assistência Técnica e Extensão Rural – ATER capacitada para desenvolver ações voltadas à melhoria da situação de vida das famílias beneficiárias;

Acesso a ATER com ênfase no fomento, crédito, formação, comercialização, organização produtiva e social;

Gestão da Unidade de Produção Familiar, com enfoque sistêmico e base na adequação ambiental;

Agricultores, mulheres e jovens, capacitados para o desenvolvimento da Unidade de Produção de forma sustentável, pautada nos processos agroecológicos;

Divulgação e perpetuação dos aspectos culturais, costumes e tradições folclóricas da região, para as gerações mais recentes e futuras;

Segurança alimentar e nutricional, com disponibilidade de alimentos em quantidade e qualidade;

Inserção dos agricultores e agricultoras familiares no Programa de Aquisição de Alimentos – PAA e Programa Nacional de Alimentação Escolar – PNAE;

Conhecimento e apropriação de todas as políticas públicas e programas de inclusão produtiva e social;

As 5.140 famílias – agricultores, homens, mulheres e jovens desenvolvendo atividades complementares à renda (atividades não agrícolas);

Agricultores, agricultoras familiares, mulheres e jovens preparados, capacitados e aptos para exercerem sua cidadania;

Fortalecimento das organizações familiares e das inter-relações sociais;

Valorização do papel da mulher e do jovem na UPF e na comunidade onde vivem;

Melhoria socioeconômica das famílias beneficiadas;

Melhor percepção das crianças em relação ao meio onde vivem;

Fortalecimento dos fatores de fixação dos jovens no meio rural e inserção destes nos processos produtivos e gerenciais das unidades de produção familiar.

Lobão Filho é alvo de inquérito por falsidade ideológica e quadrilha

Do blog do John Cutrim

O candidato a governador do Maranhão, Cobão Filho (PMDB) é alvo de inquérito que apura crimes de falsidade ideológica, uso de documento falso, quadrilha ou bando no Supremo Tribunal Federal (STF).

De autoria do Ministério Público Federal, o inquérito 2768 que tramita em segredo de justiça investiga Edinho Lobão pelos crimes contra ordem tributária, formação de quadrilha, falsidade ideológica, uso de documento falso. O relator é o ministro Dias Toffoli.

São 6006  folhas distribuídas em 43 volumes.

O STF determinou abertura de inquérito na Polícia Federal contra o senador Edison Lobão Filho (PMDB) no dia 18 de agosto de 2008. A última movimentação ocorreu no dia 23/09/2013.

inquérito Edinho Lobão (2)

Uma pista para os carros de luxo em São Luís

Carros de luxo: quem financia tanta ostentação no Maranhão?

Carros de luxo: quem financia tanta ostentação no Maranhão?

Federal (PF), a Operação Cartago pode ajudar a explicar porque há tantos veículos luxuosos em São Luís.

A investigação da PF levantou que funcionários da Caixa forjavam empresas para operar como correspondentes bancários imobiliários contratados pelo banco.

Segundo a Operação Cartago, ocorriam práticas ilegais na cobrança de taxas para o financiamento de casas e apartamentos.

Os próprios funcionários da Caixa seriam parte do esquema de fraude no financiamento de imóveis no Maranhão.

Nas agências da Caixa, os comentários de corredores dão conta de que os bancários envolvidos no esquema eram “presenteados” com carros de luxo.

Eis uma boa pista para a PF investigar.

Algo de estranho, além dos buracos e esgotos, acontece nas ruas de São Luís – a enorme quantidade de veículos caríssimos circulando na cidade.

De onde vem tanto dinheiro para comprar esses carros que custam em média 180 mil reais?

Como podemos ter tantos carros de luxo em uma cidade com baixos indicadores sociais, sem indústrias e muita pobreza?

Quem financia tanta ostentação?

Quem compra tantas mercedes, audi e caminhonetes?

Óbvio que há, entre os proprietários desses carros, pessoas que trabalham com dignidade e pagam as prestações em longos financiamentos.

Mas o exagero na quantidade de carros muito acima de 200 mil reais levanta suspeitas.

Nos corredores da Caixa o clima é de aflição.

Os presenteados e os presenteadores são uma boa pista para a PF.

E a ostentação dos carros de luxo, finalmente, pode ser explicada. Pelo menos, em parte.

Fonte: Blog do Ed Wilson

Carta Capital: Em entrevista à afiliada da Globo, Flávio Dino foi confrontado com perguntas típicas do submundo da internet

Da Carta Capital

carta capital

“Se o senhor for eleito, vai implantar o comunismo no Maranhão?”

Na sexta-feira 22, a TV Mirante, afiliada à Rede Globo que pertence à família do senador José Sarney (PMDB-AP), levou ao ar uma entrevista com Flávio Dino (PCdoB), candidato ao governo do Maranhão, e concorrente de Lobão Filho (PMDB), aliado de primeira ordem dos Sarney. Mas o programa quase não tratou de propostas. Isso porque o repórter da emissora Sidney Pereira e a âncora do Jornal do Maranhão, Amanda Couto, gastaram boa parte do tempo da conversa para questionar se Dino irá “implantar o comunismo no Estado”.

Pereira começou a entrevista citando um trecho do estatuto do PCdoB que diz que os mandatos conquistados nas urnas pertencem ao partido e não ao candidato. Diante disso, ele questionou se Flávio Dino iria submeter suas decisões à consulta de membros da legenda. “Claro que não. Pelo contrário. Na verdade nosso mandato, se acontecer, será de todos os maranhenses. O que nosso estatuto diz que é que os partidos políticos que são garantidos e assegurados pela Constituição têm a sua importância na democracia”, rebateu o candidato.

Depois de insistir no tema, o repórter partiu para a segunda pergunta sobre o mesmo assunto. “Ainda segundo o estatuto do partido, ele deixa muito claro que os comunistas visam a conquista do poder pelo proletariado e seus aliados e tem como objetivo superior o comunismo. Se o senhor for eleito, o senhor vai implantar o comunismo no Maranhão?”, questionou Pereira apesar disso ser incompatível com a Constituição Federal.

Coube ao candidato, então, explicar essa impossibilidade constitucional ao jornalista. “Sidney, isso implicaria em revogar a Constituição e todas as leis brasileiras. Nenhum governo pode fazer isso. Realmente a pergunta parte de uma premissa segundo a qual o Maranhão seria algo contrário à Constituição e às leis”, resumiu Dino antes de criticar o tom da pergunta. “O meu compromisso, a minha vida toda, é cumprir a Constituição e as leis e assim vai ser feito. Eu sou um democrata. O meu partido defendeu a democracia e eu não entendo, Sidney, porque tanta perseguição que tem um, inclusive, um sabor de ditadura militar. Eu acho que esse tempo passou. A ditadura faz 50 anos. Nosso partido foi legalizado há 30 anos e causa-se muita estranheza ao Brasil e ao Maranhão tanta perseguição e tanto ódio a um partido que serve ao Brasil”, rebateu.

A entrevista seguiu. Couto questionou o candidato sobre a coligação com partidos conservadores, sobre a aliança entre PT e PMDB no Estado e ainda sobre o uso da imagem do ex-governador de Eduardo Campos no horário eleitoral do PCdoB. O candidato respondeu todas as questões. Mas a vez voltou para Sidney Pereira que, novamente, quis falar sobre comunismo.  O repórter disse que “teve o cuidado” de olhar o programa de governo de Flávio Dino e que no documento consta a proposta de criar uma rede solidária em parceria com as igrejas católicas. Em seguida, perguntou: “Como comunista, como é que o senhor pretende convencer a Igreja Católica e os católicos a votar no senhor e apoiar esse projeto? Qual o argumento?”.

“Primeiro que o estado é laico”, retrucou Dino. “Na verdade, a religião não se confunde com a política. E eu sou católico, por isso talvez seja mais fácil até convencer os católicos. E sou cristão, por isso que há muitos evangélicos ao nosso lado. Tenho muita alegria e muito orgulho de ter milhares de militantes de várias igrejas ao nosso lado. Por isso estamos propondo uma grande parceria na campanha. Políticas sociais de combate às drogas, ao analfabetismo…a igreja tem e terá grande papel no meu governo”, complementou Dino.

Se o motivo da pergunta ainda não tinha ficado claro, o próprio repórter resolveu explicar. “Então é bom esclarecer, né, porque a partir do momento em que se é comunista fica a ideia de que é [também] ateu. Não é bem assim?”, concluiu ele antes de ser corrigido pelo candidato. “Eu sugiro a você, Sidney, ler o livro Ato dos Apóstolos, capítulo quatro, versículo 32, que dá uma boa definição do modo de vida dos cristãos. E como quem é comunista defende a comunhão, defende a comunidade, e é contrário ao império do dinheiro, à ditadura do dinheiro. É um bom caminho você ver que é possível, sim, como eu, ter a alegria de ser comunista, cristão, maranhense e brasileiro”.

Quem acompanha a política brasileira sabe que os estatutos dos partidos são, em geral, manifestos ideológicos com pouca ou nenhuma conexão com a realidade, até porque costumam ser desatualizados. Ataques com base nesses documentos são comuns no submundo da internet, onde também viceja a teoria conspiratória de que grupos esquerdista planejam implantar uma ditadura comunista no Brasil. Em maio, quem teve problemas com seus estatuto foi o PSB, então com Eduardo Campos na cabeça da chapa presidencial. Por conta dos ataques que sofria no submundo virtual, o partido cogitava atualizar seu manifesto para retirar referências a “socialização dos meios de produção” e limites à propriedade privada.

Prefeitura de Anapurus usava médico falecido como funcionário

Uma auditoria realizada no Município de Anapurus constatou diversas irregularidades que podem complicar ainda mais a situação da prefeita Tina Monteles. Ela teve sua gestão analisada relativa à Demanda interna do Componente Federal do SNA, com vistas a avaliar as ações da Estratégia Saúde da Família, Saúde Bucal e Agentes Comunitários de Saúde, bem como aplicação dos recursos financeiros.

No inicio da apuração, constatou-se supostas irregularidades na aplicação dos recursos e no funcionamento, em 2010, do único hospital do município, que passou por reforma durante 10 meses, não havendo consultas, cirurgia ou qualquer atendimento, ocorrendo solução de continuidade nos atendimentos médicos e ausência de medicamentos, em especial para Diabetes e Hipertensão.

Um dos pontos da irregularidade apontada foi sobre o cirurgião plástico Maxwell Tavares da Silva, que morreu no dia 13 de abril de 2012 e houve denúncia informal com ocorrência de exercício ilegal da medicina na Unidade Mista de Saúde Madalena Monteles, em 2012, quando pessoa não habilitada e, por consequência, sem registro no Conselho Regional de Medicina, trabalhava como médico plantonista, atendendo a população.

Constatação: foram encontrados atendimentos e receituários médicos com assinatura e carimbo de profissional falecido e CRM desativado, denotando a ocorrência de exercício ilegal da medicina e falsidade ideológica. Evidência: Na análise realizada por amostragem, na documentação e atendimentos ambulatoriais realizados em 2012, foi verificado que nos meses de março, abril, maio e junho, na Unidade Mista de Saúde Madalena Monteles, houve atendimentos e receituários médicos assinados por Maxwell Silva, CRM 5239. Em consulta ao sítio do CRM-MA, o registro do médico citado encontra-se desativado por falecimento do profissional.

Por meio do Ofício nº 1223/2013/SEAUD-MA encaminhado ao Conselho Regional de Medicina do Estado do Maranhão, foram solicitadas informações sobre data de desativação do CRM indicado, que pertencia a Maxwell Tavares da Silva. Em resposta, foi informado que no dia 13/04/2012 o registro foi desativado.

Considerando a data de falecimento e desativação do registro profissional de Maxwell Tavares da Silva, assim como, a data dos atendimentos médicos realizados e apresentados para equipe de auditoria (meses de março, abril, maio e junho de 2012), conclui-se que o CRM e carimbo de identificação do referido profissional.

Isso é apenas a ponta doa iceberg que ao decorrer da semana será revelado pelo Blog do Neto Ferreira.

Fonte: Blog do Neto Ferreira.

ESCOLA SÍLVIO FREITAS DINIZ DE ARAIOSES INAUGURA ÁREA DE LAZER

Mais uma obra de ampliação é inaugurada em Araioses. Desta vez foi a Escola Sílvio Freitas Diniz que brindou os pais com festa dupla: homenagem aos guerreiros de todas as famílias e a inauguração do espaço de lazer e vivência construída com o Caixa Escolar.

Composto de um espaço arejado, amplo e muito adequado para as práticas escolares e para as festividades, esta ampliação atende a uma demanda antiga daquela escola que possui um contingente considerável de adolescentes e que precisa garantir a ludicidade, o esporte e o lazer como parte integrante dos conteúdos de ensino e aprendizagem.

Até então as escolas de Novo Horizonte não dispunham de espaço próprio e muitas vezes tinham dificuldades para realizar as festividades. Agora a realidade é outra e a comunidade escolar estava em festa no dia da festa dos pais.

Com brincadeiras, jogos, brindes e os presentes doados pela Prefeitura municipal de Araioses, o pólo Novo Horizonte fez uma festa familiar, acolhedora e elogiável sob todos os aspectos.semea

Estão de parabéns os pais que se fizeram presentes – e foram muitos – e a comunidade escolar.

Com informações da SEMEA

AGERP vai dá início amanhã em Araioses a Fase II do PBSM do Baixo Parnaíba

pbsm

A Agência Estadual de Pesquisa Agropecuária e Extensão Rural do Maranhão – AGERP fará uma reunião amanhã (26) no Centro Comunitário de Araioses dando início da Fase II do Plano Brasil Sem Miséria (PBSM) do Baixo Parnaíba e do Acordo de Cooperação Técnica (ACT). O evento terá início as 8:30 horas.

Cerca de 800 produtores rurais poderão ser beneficiados – basta para isso estarem de acordo com as normas do programa – com R$ 2.400,00 que poderão ser aplicados a serviço da produção rural.

Chico Canavieira, de Tutótia, apoia a coligação Todos pelo Maranhão

O Blog do Antônio Amaral noticiou a adesão de Chico Canavieira, o segundo candidato a prefeito mais votado nas últimas eleições de Tutóia, ao projeto da coligação Todos pelo Maranhão. Confira o post, na íntegra, abaixo.

Do Blog de Antônio Amaral

Chico Canavieira anuncia que vai de Flavio Dino

Chico Canavieira anuncia que vai de Flavio Dino

Uma multidão aclamou com aplausos ao Sr. Chico Canavieira, o 2° candidato a Prefeito, mais votado no município nas últimas eleições de 2012, ao declarar apoio ao futuro governador do Maranhão, Flávio Dino. Já é oficial. Além do povo, esteve presente o ex. Prefeito de Tutóia, Zilmar Melo, a ex. Secretária de educação Edinólia, ex. Vice-Prefeito Floriano, Sec. de Educação de Água Doce, professor Bernardo, o candidato a deputado federal Júnior Marreca, também ex. Prefeito por 8 anos, da cidade de Itapecuru-Ma.

Chico Canavieira, durante sua palestra falou da sua decisão em decidir junto com o grupo em aderir o projeto Todos pelo Maranhão, com Flávio Dino. Falou das suas grandes lutas por Tutóia, e acredita que será possível mudar todas as mazelas instaladas nesta cidade desde quando assumiu o atual gestor, agora chegou o grande momento de virá a página por liberdade. Após ter pronunciado seu apoio ao candidato a governador do Maranhão, Chico Canavieira, recebeu apoio em massa do povo presente. Reafirmou que este sistema familiar que se fortaleceu com as misérias tutoiense, só muda se aqui mudar. E esse processo será virado todas as páginas para o bem com Flávio Dino.

Disse o líder Chico Canavieira, que as pessoas do mal que seguem o projeto Flávio Dino, precisam mostrarem que realmente mudaram e agora todos irão caminhar para um novo ciclo no governo do Maranhão, com Flávio Dino. Sua decisão foi preciso fazer vários diálogos com seu grupo e poder chegar a pessoa do futuro governador. Mas está convicto que no Maranhão, esse é o melhor nome pra mudar os baixos índices sociais.

Todas as perseguições e maldosas está sendo feito pela gestão municipal, mas irá contribuir pra mudar essa história e Flávio Dino, quando lhe recebeu entendeu sua mensagem pelo futuro de Tutóia.

Outro momento expressado em público foi feito pela Sra. Edinólia, ex. Secretária de Educação, quando declarou ser inverdade o que foi postado na última semana que se cogitavam por bastidores que a mesma estaria em acordos políticos com a atual Secretária Deyse Baquil. Suas declarações em público durante o evento disse que já havia contribuído por esta cidade e com o povo mas não é perfeita. Assumiu em sua fala que agora irá incorporá seu papel de militância e irá mostrar que sua capacidade durante sua vida como esposa de político e profissional do estado. Unidos tudo é possível e ficou emocionada com seu discurso, e recebeu apoio da multidão que ali lhe assistiam.

O candidato a deputado federal, ao ser apresentado pelo líder Chico Canavieira, em seu discurso afirmou em público, que voltará em Tutóia, para consolidar a realizar o grande sonho de Canavieira, que está cheio de planos para essa cidade, deu como exemplo sua cidade de Itapecuru-Ma, por ter sido 8 anos prefeito. E essa pequena cidade não pode ser diferente as dificuldades de um povo, quando um gestor não tem olhos para o futuro de sua gente, disse o candidato.

Outro citado na fala do líder político Canavieira, foi a importância do deputado César Pires, durante os últimos anos quando tem procurado para resolver algumas reivindicações encaminhadas por ele Canavieira. Assim pediu que o povo presente votasse para presidente e outras chapas: Dilma, Flávio Dino, Júnior Marreca, César Pires, Roberto Rocha.

O blog, acompanhou todas as falas do dia na manhã de domingo(24), e percebeu o grande desejo de mudança ao governo municipal e estadual. O candidato Flávio Dino, quando foi oficializado pelo líder político Chico Canavieira, foi recebido com levantamento de bandeirolas e muitos aplausos durante o evento.canavieira1

PF investiga candidato no Maranhão envolvido no caso do doleiro, diz Cláudio Humberto

O jornalista Cláudio Humberto afirma, em sua nota de hoje (25/ago), que a Polícia Federal pediu autorização ao Supremo Tribunal Federal (STF) para investigar um membro do Congresso Nacional que concorre à eleição majoritária deste ano no Maranhão. O motivo seria recebimento de recursos de caixa 2 de um outro doleiro, sócio de Alberto Yousseff, que teria feito acordo do governo Roseana Sarney. O valor do caixa 2 giraria em torno de R$ 11 milhões.

Há 15 dias, uma reportagem do Jornal Nacional mostrou que uma testemunha ligada ao doleiro denunciou seu acordo com o governo do Maranhão – em troca da redução de pena. O esquema envolveria um acordo entre o doleiro e o governo do Maranhão  para recebimento de uma dívida, contraída no governo de Edison Lobão.

O pagamento da dívida estava sendo questionado pelo Ministério Púbico e foi retirado da lista de pagamento,segundo o Tribunal de Justiça. Mesmo assim, a governadora Roseana ordenou o pagamento.

Agora, Cláudio Humberto afirma que havia, além de Yousseff, outro doleiro, que tentava trazer R$ 5 milhões para a campanha de um candidato no Maranhão. O caso está sendo investigado pela PF na Operação Lava-Jato.

Fonte: Maranhão da Gente

Operação Impacto – PM e Guarda Municipal predem um dos maiores traficante de drogas de Araioses

Capoeira algemado na Delegacia de Araioses

Capoeira algemado na Delegacia de Araioses

Por volta das 9h00min de ontem (23) a Polícia Militar juntamente com a Guarda Municipal de Araioses/MA, estouraram uma boca de fumo localizada na Rua Cel. Emídio Veras, bairro Nova Conceição efetuaram a prisão de Francisco de Assis Souza Santos, vulgo “Capoeira”, um dos maiores traficantes de drogas de Araioses.

policia-araioses-dorgas4A Guarnição da Polícia Militar que fez a operação era comandada pelo CB-PM Daniel. Em sua  companhia estava o SD-PM Lopes e os guardas municipais Nunes e Barbosa.

Foi encontrado na residência de Capoeira quase meio quilo de pedras de crack, 2(duas) balanças de precisão e quantias em dinheiro. O mesmo foi conduzido a Delegacia de Polícia Civil e preso em flagrante por ter praticado crime previsto nos arts. 33 e 34 da Lei 11.343/06 (Lei de Entorpecentes).

Também foram conduzidos a DPC dois usuários de drogas: José Henrique da Silva Gomes, 25 anos e Francisco de Assis dos Santos, 28 anos, vulgo “Branco”. Os mesmos encontravam-se próximos à boca de fumo e estavam de posse de uma pedra de crack, um deles afirmou a Polícia que havia acabado de comprar o entorpecente na citada boca de fumo.

A prisão de Capoeira tira de circulação um dos maiores traficantes de drogas de Araioses. Ele já tinha sido preso numa operação conjunta das policias do Maranhão da SEIC – Superintendência Estadual de Investigação Criminal e do Serviço Reservado da Polícia de Parnaíba (PI) em 15 de março de 2013 (veja AQUI), mas conseguiu se porque a polícia não encontrou drogas em seu poder.

Cometam que ele conseguiu saber da operação da polícia e se livrou do flagrante. Agora a polícia foi mais eficiente e ele se deu mal.

Drogas de dinheiro apreendida.

Drogas de dinheiro apreendida.

Viciados na Delegacia disseram que compraram a droga com Capoeira.

Viciados na Delegacia disseram que compraram a droga com Capoeira.

Com informações e fotos do Faceboock da PM de Araioses