Ministro da Educação ofende petistas após vitória da Mega-Sena e deve responder na Justiça

247 – O ministro da Educação, Abraham Weintraub, disparou com agressividade e ofensa contra os funcionários do PT na Câmara dos Deputados que levaram R$ 120 milhões em um bolão da Mega-Sena. Em postagens no Twitter, Weintraub, em vez de cuidar dos problemas da Educação, se dedicou a fazer piadas que sugeriam que todos os petistas fossem corruptos e ladrões.

“URGENTE: grupo de petistas fica milionário e, aparentemente, não há roubo na parada”, escreveu em uma mensagem. “Grupo do PT fica milionário sem roubar. Parabéns à tigrada. Agora já podem parar de defender o Lula”, publicou em outra. “Os ganhadores da loteria já passaram no shopping para comprar cuecas extra grandes? (Velhos hábitos…)”, publicou ainda.

“Face às suas calúnias, nos resta um único caminho: discutir na justiça e pedir a sua condenação”, respondeu o deputado federal Paulo Teixeira (PT-SP). “Vai ter responder na justiça, canalha”, reagiu o deputado Paulão (PT-AL). “Aguarde um processo!”, escreveu Zeca Dirceu (PT-PR). “Desprezível e leviano, Weintraub deveria cuidar do ensino público brasileiro que está em decadência e se dar ao respeito”, criticou a presidente nacional do PT, deputada Gleisi Hoffmann (PR).

Os petistas que dividirão o prêmio apostavam todas as semanas e chamavam a aposta de “bolão Lula Livre”. Ao todo, 50 famílias serão beneficiadas e cada apostador gastou apenas 10 reais. Eles dividirão a bolada com as copeiras que sempre participavam da aposta, mas não jogaram desta vez.

Confira abaixo os tuítes:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *