Facções criminosas promovem carnificina em Pedrinhas

Blog do Luis Cardoso

Correria, desespero, pânico. O Complexo Penitenciário de Pedrinhas virou palco de uma carnificina promovida pelas facções criminosas Primeiro Comando do Maranhão (PCM) e Bonde dos 40 na noite desta quarta-feira e madrugada de quinta.

A briga teria sido provocada pela transferência de presos e uma vingança pela morte de três detentos na última segunda-feira (7).

Do lado de dentro 13 mortos e 30 feridos. Do lado de fora em diferentes bairros de São Luís sete ônibus foram queimados em represália à rebelião que explodiu novamente em Pedrinhas.

Há informações extras que dizem que o número total de mortos pode passar de 20, sendo pelo menos dois carbonizados, fora os esquartejados. Já o número de feridos seria de aproximadamente 40. Estas ainda não foram confirmadas. A Secretaria de Justiça e Administração Penitenciária confirma apenas 13 mortes.

Enfim, sem controle de poder e de informações o sistema penitenciário do estado foi engolido pelo crime. Esta é a realidade!

A crise é alarmante e população entra de pânico. Todos se perguntam e agora? Quem consegue controlar a fúria de criminosos que estão no comando?

A cidade literalmente pegou fogo e o medo tomou conta da população de forma geral. A briga promovida por criminosos está dentro e fora dos presídios e o que aconteceu nesta madrugada é apenas uma das batalhas. A guerra parece distante de acabar.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.