Manoel Ribeiro diz que “balaios” queriam explodir os Leões com 15 kg de dinamite descobertos dentro do Palácio


Blog do Garrone

O líder do governo na Assembleia Legislativa, deputado Manoel Ribeiro (PTB), no pleno direito de defender o coronel Ivaldo Barbosa das acusações de que estaria politizando o movimento dos policiais e bombeiros, por ser “balaio”, disse que durante o governo Jackson Lago, o coronel agiu com profissionalismo e que coube a ele evitar que se colocasse fogo na TV Mirante durante a deposição de Lago.

E para completar disse ainda que os militares sob o seu comando descobriram 15 kg de dinamite dentro do Palácio dos Leões para explodir a sede do governo quando Jackson o deixasse por força da decisão do TSE.
Dinamite, deputado ?

A acusação é grave e tem que se passada a limpo, até mesmo por cobrança do PDT, partido do ex-governador, já falecido.

Até o momento, os deputados Carlinhos Amorim e Valéria Macedo, do PDT, ainda não se manifestaram, em um silêncio comprometedor de que tudo não é apenas uma bravata do líder do governo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.