Nos braços do povo convenção lança Monhata Lima para prefeito de Araioses

“Araioses, um filho teu não foge a luta…”

As convenções tiveram início com uma oração feita pela irmã Maria Amaral da Igreja Evangélica El Shaday

As convenções partidárias do Solidariedade e do Democratas – Coligação Unidos por Araioses – que lançaram ontem (16) Monhata Lima e Dadá Coutinho aos cargos prefeito e vice-prefeito de Araioses respectivamente, certamente não foram a que mostraram o maior poder econômico nem poder político, mas foram as de maior público – aquele que chamam de povão.

O evento conjugado ocorreu no Clube Empresa localizado na Praça São Raimundo Nonato para um excelente público que saiu de suas casas de todos os bairros da cidade e de vários povoados da zona rural de Araioses.

Foi uma festa popular regada de muita alegria, fé e esperança que teve como um dos momentos mais marcantes a hora que Monhata Lima e Dadá Coutinho chegaram ao recinto sendo recebidos com muitos aplausos e gritos de incentivo a uma luta que certamente será histórica, porém ainda com muitas etapas a serem cumpridas.

Monhata Lima: “Enquanto eles me atacavam, eu e minha equipe trabalhávamos em elaborar um Plano de Governo para Araioses

A solenidade de homologação dos candidatos teve a apresentação de Gilmacy Nunes e Rogério Fonteles que teve início com Hino Nacional na voz do funcionário público Higor Felipe e com o Hino de Araioses na voz da candidata a vereadora Geângela Lima.

Em seguida os candidatos a vereador dos dois partidos se apresentaram e depois Dadá Coutinho fez um inflamado discurso em que chamou a atenção para necessidade de se eleger um filho de Araioses já que as experiências com quem vem de outros lugares não deram certo. Falou por exemplo que as três últimas gestões com essa gente em nada beneficiou Araioses, já que o município não evoluiu.

Vereador Wellington do João Dico – presidente da Câmara de Água Doce falou em apoio a eleição de Monhata Lima para a prefeitura de Araioses

Também quem falou – e muito bem – foi Wellington do João Dico – presidente da Câmara de Vereadores de Água Doce do Maranhão enaltecendo as qualidades de Monhata Lima e em plena sintonia com o desejo de mudança do povo araiosense que está farto dessa gente que vem de fora de olho no dinheiro da prefeitura e sem nenhum compromisso de fazer uma gestão voltada para o desenvolvimento.

Monhata Lima com muita firmeza disse que antes de ter seu nome apontado como futuro candidato a prefeito de Araioses era muito querido pelos políticos da cidade que o abraçavam e lhe faziam graças porém a partir dai ele já passou a ser visto de forma diferente.

 A vereadora Abigail Coutinho – a única com mandato na coligação Unidos por Araioses vai tentar a reeleição

Lembrou os episódios em que envolveram seu nome e de sua família não perdoando nem um filho com problemas de saúde. Monhata se referiu a um suposto dossiê de natureza criminosa que foi publicado em um grupo de WhatsApp envolvendo vários pré-candidatos mas que para ele foi feita uma edição especial impressa em papel e jogada na calada da noite na véspera do Dia dos Pais. Monhata não mostrou nessa hora nem rancor nem ressentimentos e sim desejou a esses, paz e amor.

Sobre seu governo mostrou que tem um projeto contemplando todos os seguimentos da sociedade araiosense e que ele foi elaborado mediante consulta a pessoas que a esses representa.

Convenções encerradas e povo animado fazia festa pela oportunidade que poderá vim a ser o início de uma nova jornada que tenha como objetivo tirar Araioses e seu povo da situação humilhante que lhe impuseram as últimas gerações de gestores.

Como diz o dito popular: quando o povo quer ninguém muda, ninguém contraria.

Em tempo: Um vídeo (veja acima) que teve sua apresentação prejudicada pela qualidade do som – baixo volume – que era incompatível com o sistema operacional, onde Neto Carvalho – ex-prefeito de Magalhães de Almeida e respeitada liderança política de nossa região manifesta seu apoio à eleição de Monhata Lima para a prefeitura de Araioses.

Monhata serviu sua corporação – a PM – por vários anos naquela cidade e ninguém melhor do que Neto para externar uma avaliação do excelente trabalho que o policial desenvolveu em Magalhães de Almeida.

Mais imagens (abaixo) da convenção de Monhata Lima e Dadá Coutinho:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *