É fack a pesquisa que supostamente teria sido feita em Araioses

Ontem (21) a noite me passaram – via WhatsApp – umas planilhas com amostras do resultado de uma pesquisa de opinião pública que teria sido realizada aqui – nos dias 6 e 7 deste mês – em Araioses pela Exata.

De cara vi várias contradições, ausência de dados e uma linha extremamente tendenciosa.

De minha parte não havia dúvida que se tratava de grosseira fraude na tentativa de manipular a opinião pública, e por tabela, a intenção de animar algum financiador de um projeto político pessoal.

Mas, eu precisava ir além.

E foi o que fiz ao entrar em contato com Lino, dono da Exata em São Luís.

Em áudio ele diz que a Exata já há um bom tempo não funciona mais no endereço que está nas planilhas, que essas são totalmente diferentes das do padrão do instituto, e que sua última pesquisa feita em Araioses faz uns quatro meses.

Portanto, trata-se de uma pesquisa fake, que foi fraudada por ou a mando de quem não preza pela verdade – um mentiroso de carteirinha – que não tem o mínimo de respeito para com o povo araiosense.

A campanha ainda não começou, mas as mentiras, as artimanhas rasteiras, os engôdos já largaram na frente.

Todo cuidado é pouco diante do que ainda está por vir.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *