Nayrinha fala pela primeira vez após sair da prisão e nega agenciar garotas

Por Anselmo Moura
Portal AZ

A estudante Nayra Veloso, falou pela primeira após passar dez dias presa na Penitenciária Feminina de Teresina. A prisão temporária de Nayrinha foi decretada no dia 15 deste mês, e ela permaneceu detida até as primeiras horas da madrugada de ontem (25). Após ser libertada, a jovem foi para sua terra-natal, a cidade de Valença, na região Sul do Piauí. Em entrevista à TV Cidade Verde, Nayrinha disse que foi presa injustamente e negou ser agenciadora de mulheres.

“Durante o tempo que estive na prisão, eles [Polícia Federal] queriam que eu falasse algo que eu não sei. Eles queriam que eu falasse que eu estava na obra com Fernanda [Lages]. A Fernanda disse que ia pra casa. Eu fiquei no bar. Eu não tinha comido ainda. Eles queriam que dissesse quem era o rapaz. Eu disse que não sabia. Que não estive lá, que eu não me ausentei, muito menos a Fernanda, até as 5h da manha”, disse Nayrinha.

Com relação à informação de que agenciasse garotas de programa para figurões da capital piauiense e de outros estados, Nayra Veloso negou veemente e disse que anda com todos os tipos de pessoas e que não precisa agenciar ninguém para sobreviver.

“Eu recebo a pensão alimentícia do meu pai biológico, tenho também a pensão que minha avó deixou pra mim. Além disso, minha mãe trabalha e sempre que preciso ela me ajuda. Eu não agenciava ninguém. Não tenho problema, não tenho nenhum tipo de preconceito. Ando com lésbicas, homossexuais, garotas de programa. Eu ando com todo o tipo de pessoa”, afirma a jovem.

Nayrinha disse ainda que conheceu Fernanda Lages em um aniversário no mês junho do ano passado. As duas se conheceram através de uma amiga em comum. Após a festa as duas mantiveram contato e a amizade acabou crescendo.

A estudante Nayra Veloso afirmou que não tinha conhecimento se Fernanda Lages usava drogas ou que fazia programa.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.