Flavio Dino entrega novo instrumento a Danilo Silva, garoto que viralizou com bateria improvisada na internet

Por Pedro Jorge

O estudante de São Mateus do Maranhão que ganhou a internet na última semana tocando em uma bateria improvisada esteve em São Luís com sua família neste final de semana. Além de conhecer a sede do Governo do Estado, o Palácio dos Leões, o estudante Danilo Alexandre Silva, de 14 anos, foi recebido pelo governador Flávio Dino e recebeu um presente inesperado, um instrumento novo para continuar seus ensaios e apresentações.

“Vou poder tocar em igrejas, em aniversários e vou continuar estudando”, disse feliz após receber o instrumento.

Morador do povoado de São Benedito, onde também vive a avó, Danilo viu o amor pelo instrumento nascer quando ele ainda morava em São Luís. “Eu via as pessoas tocarem na igreja, achava bonito”, disse. Já no interior do estado, começou a juntar baldes para montar o próprio instrumento.

“Eu comecei a tocar e me apaixonei pela bateria, e as coisas que eu mais gosto de fazer são jogar bola e tocar bateria”, disse.

Além dos familiares, Danilo também veio acompanhado de vice-prefeito Ivo Rezende e de um antigo professor da Escola Municipal que frequentou, o também músico Silas do Carmo. O garoto tinha parado de frequentar as aulas por falta do instrumento.

“Estou muito feliz porque estou vendo o Danilo feliz, motivado a continuar a estudar música, e com certeza essa bateria que ele ganhou aqui hoje vai servir para estimular outras crianças e adolescentes”, disse o professor.

O menino também ganhou incentivo para continuar nas aulas da Escola Municipal de Música de São Mateus.

“Encontramos o Danilo através das redes sociais, vimos o talento que ele tinha, mostramos a professores da Escola de Música Estadual que aprovaram e resolvemos trazer ele para que ganhasse uma bateria profissional e também fazer parceria com a prefeitura de São Mateus para que ele possa frequentar a Escola de Música de lá e possa desenvolver o seu talento”, falou o secretário de Cultura, Anderson Lindoso.

Após o encontro com o governador, o jovem se apresentou na Feirinha da Praça Benedito Leite, em São Luís.

Após facada, Bolsonaro disse no hospital que eleição estava ganha: “Agora não precisa fazer mais nada”

Principal articulador da campanha, o empresário Paulo Marinho revelou em entrevista que vai ao ar na próxima quarta-feira (17) que Bolsonaro comemorou ainda no hospital Albert Einstein a vitória antecipada nas eleições presidenciais, após sofrer atentado em Juiz de Fora (MG)

Bolsonaro no hospital Albert Einstein (Foto: Twitter)

Revista Fórum

O empresário Paulo Marinho, um dos principais articuladores da campanha de Jair Bolsonaro, revelou em entrevista que vai ao ar na próxima quarta-feira (17) no programa Em Foco, da jornalista Andréia Sadi, na GloboNews, que o então candidato disse que estaria eleito após sofrer atentado a faca durante campanha em Juiz de Fora (MG).

Ao ser indagado pela jornalista se o “atentado garantiu a vitória”, Marinho respondeu.

“Sem dúvida. Esta consciência foi do próprio capitão Bolsonaro na ocasião. A primeira visita que fiz a ele no hospital [Albert] Einstein, ele disse: olha, agora a gente não precisa fazer mais nada”.

Após o atentado, Bolsonaro se recusou a participar de debates, cancelou agendas públicas e só fez aparições em transmissões pelas redes sociais.

Assista ao vídeo, que foi divulgado pelo músico Leoni em seu instagram

Segundo os líderes do Congresso, Flávio Dino lidera o ranking de melhor governador do Brasil

Flávio Dino e Rui Costa foram apontados como os melhores governadores por líderes ouvidos pelo Painel do Poder

Por Samanta Do Carmo no Congresso em Foco

Seis governadores de partidos que fazem oposição ao presidente Jair Bolsonaro são os mais bem avaliados pela cúpula do Congresso, revela nova rodada do Painel do Poder, pesquisa feita pelo Congresso em Foco em parceria com a In Press Oficina. Desses, cinco são do Nordeste.

Para os parlamentares entrevistados, os governadores Flávio Dino (PCdoB), do Maranhão, Rui Costa (PT), da Bahia, e Wellington Dias (PT), do Piauí, são, pela ordem, os três de melhor desempenho. Na sequência vêm Camilo Santana (PT), do Ceará, Renato Casagrande (PSB), do Espírito Santo, e Paulo Câmara (PSB), de Pernambuco.

Witzel e Zema

Essa é a primeira vez que o Painel pede aos líderes uma avaliação sobre a atuação dos governadores. Foram ouvidos 61 deputados e senadores, entre os dias 13 e 19 de junho, que figuram entre os mais influentes do Parlamento. São líderes partidários, presidentes de comissões e frentes parlamentares, entre outras lideranças. Eles responderam perguntas sobre os cenários políticos e econômicos, assim como o desempenho de autoridades.

Novatos na política, Wilson Witzel (PSC) e Romeu Zema (Novo) foram as duas maiores surpresas eleitorais de 2018, quando conquistaram, respectivamente, os governos do Rio de Janeiro e Minas Gerais. Os dois amargam, agora, a condição de piores governadores, na avaliação de lideranças do Congresso, de acordo com a lista de 13 nomes apresentados. O governador de São Paulo, João Doria (PSDB), cotado para concorrer à eleição presidencial em 2018, ficou apenas na décima colocação. Outros 14 governadores não foram avaliados.

Projeto Saúde na Comunidade na APAE de Araioses dia 7 de agosto

A Unidade Móvel de Saúde do Projeto Saúde na Comunidade estará atendendo em Araioses aos interessados e interessadas no dia 7 de agosto a partir das 7:00 hs.

Local para marcar exames e informações na APAE de Araioses.

ULTRASSONOGRAFIA R$ 80,00

PREVENÇÃO DO COLO DO ÚTERO R$ 80,00

ELETRO DO CORAÇÃO R$ 80,00

HEMOGRAMA COMPLETO + DIABETES + COLESTEROL R$ 60,00

TRANSVAGINAL + PREVENÇÃO R$ 130

KIT COMPLETO DE 9 EXAMES MULHER R$ 260,00

KIT COMPLETO DE 7 EXAMES HOMEM R$ 230,00

 

KIT MULHER

PREVENÇÃO DO COLO DE ÚTERO

ULTRASSONOGRAFIA DE ABDOME + ULTRASSONOGRAFIA DE MAMA + ULTRASSONOGRAFIA DE TRANSVAGINAL + ELETROCARDIOGRAMA + HEMOGRAMA COMPLETO + GLICEMIA + COLESTEROL + EXAME DE URINA

 

KIT HOMEM

ULTRASSONOGRAFIA DA PRÓSTATA + ULTRASSONOGRAFIA DE ABDOME + ELETROCARDIOGRAMA + HEMOGRAMA COMPLETO + GLICEMIA + COLESTEROL + EXAME DE URINA

Atendimento será dia 7 de agosto as 7:00 hs

Em frente ao prédio da APAE de Araioses.

Plenário aprova idade menor para aposentadoria de professor

Agência Câmara O Plenário da Câmara dos Deputados aprovou, por 465 votos a 25, destaque do PDT à proposta da reforma da Previdência (PEC 6/19) e reduziu mais a idade exigida do professor para se aposentar pelo pedágio de 100% do tempo de contribuição que faltar na data de publicação da futura emenda constitucional. A idade passa de 55 anos se mulher e 58 anos se homem para 52 anos se mulher e 55 anos se homem.

Dessa forma, os professores de educação infantil e do ensino básico poderão se aposentar com cinco anos a menos que o exigido para os demais trabalhadores.

Nesta sexta-feira (12), os deputados continuam a analisar os últimos destaques que podem alterar o texto-base da reforma da Previdência, aprovado na forma do substitutivo do deputado Samuel Moreira (PSDB-SP).

Texto-base
O texto-base aumenta o tempo para se aposentar, limita o benefício à média de todos os salários, eleva as alíquotas de contribuição para quem ganha acima do teto do INSS e estabelece regras de transição para os atuais assalariados.

Na nova regra geral para servidores e trabalhadores da iniciativa privada que se tornarem segurados após a reforma, fica garantida na Constituição somente a idade mínima: 62 anos para mulher e 65 anos para homem. O tempo de contribuição exigido e outras condições serão fixados definitivamente em lei. Até lá, vale uma regra transitória.

Para todos os trabalhadores que ainda não tenham atingido os requisitos para se aposentar, regras definitivas de pensão por morte, de acúmulo de pensões e de cálculo dos benefícios dependerão de lei futura, mas o texto traz normas transitórias até ela ser feita.

Quem já tiver reunido as condições para se aposentar segundo as regras vigentes na data de publicação da futura emenda constitucional terá direito adquirido a contar com essas regras mesmo depois da publicação.

Bolsonaro nomear filho embaixador nos EUA “é chocante e sem precedentes em país civilizado”, diz Ricupero

Rubens Ricupero

Publicado na RFI

A eventual designação do deputado federal Eduardo Bolsonaro como embaixador do Brasil nos Estados Unidos seria “uma notícia extremamente chocante”, uma medida inédita em países ocidentais. A avaliação é de Rubens Ricupero, ex-ocupante do cargo durante dois anos, entre 1991 e 1993. O posto é um dos mais prestigiosos da diplomacia brasileira.

Em entrevista à RFI, Ricupero considera que a nomeação do filho do presidente, sem carreira diplomática ou estudos de Relações Internacionais, seria um ato “sem nenhum precedente nem na nossa história, nem na de nenhum país civilizado, democrático”.

Jair Bolsonaro anunciou a intenção de empossar o filho “zero três” nesta quinta-feira (11). Eduardo confirmou que, para assumir a embaixada de Washington, estaria disposto a renunciar ao seu mandato na Câmara. Ele acaba de completar 35 anos, o mínimo necessário para comandar a função.

“Só um monarca absoluto, como os reis árabes do Golfo, pode fazer uma coisa desse tipo. Em países modernos, eu não conheço nenhum exemplo”, ressaltou o autor de A diplomacia na construção do Brasil (1750-2016), um elogiado trabalho na qual resgata a história a política internacional brasileira. Ricupero é considerado um dos maiores especialistas no tema.

Na história, só um embaixador filho de ex-presidente – que já tinha morrido

O diplomata aposentado lembra que o caso que mais poderia se assemelhar é o de José de Paula Rodrigues Alves, diplomata de carreira que morreu embaixador em Buenos Aires, em 1944 – 26 anos depois da morte do pai, o ex-presidente da República Francisco de Paula Rodrigues Alves. “Mas, mesmo assim, a carreira não teve nada a ver com o pai. Ele era apenas o filho de um ex-presidente”, sublinha Ricupero.

O especialista avalia que, além do aspecto incomum, a nomeação pode gerar impactos “muito negativos” para o Brasil, por colar um caráter ideológico a uma função que, tradicionalmente, se distancia de posições partidárias marcantes.

“A política externa representa o Estado na diplomacia, e não uma facção, um partido. Um embaixador deve representar todos os brasileiros”, diz o diplomata e economista.

Admiração exacerbada dos Bolsonaro a Trump é prejudicial

Os Bolsonaro não escondem a admiração pelo presidente americano, Donald Trump. Ao ser questionado sobre as consequências práticas para as relações bilaterais, Ricupero responde que a proximidade excessiva se revela uma desvantagem – ao contrário das aparências.

“Uma relação diplomática deve ser amistosa, mas com dignidade e respeito mútuos. Quando há um excesso de parcialidade, perde-se o equilíbrio”, explica o embaixador aposentado. No último dia 4 de julho, festa nacional dos Estados Unidos, Jair Bolsonaro compareceu à celebração na embaixada americana em Brasília – outro comportamento considerado inadequado na diplomacia.

A “Ivanka brasileira”

O especialista nota ainda que a tendência de nomear parentes próximos é característica dos líderes populistas que emergiram nos últimos anos, “que só confiam nas pessoas muito próximas”. O próprio Trump usa a filha Ivanka e o genro Jared Kouchner nas relações internacionais – embora não tenha chegado ao ponto de escolher nenhum dos dois como embaixador do país.

O jornal francês Le Monde destaca esse aspecto em uma reportagem sobre o tema, publicada nesta sexta-feira (12). O texto afirma que agora o Brasil “também tem a sua Ivanka Trump”. Bolsonaro “fez de seu governo um caso de família”, afirma a matéria.

“O representante de uma pessoa tende a levar as prioridades pessoais e familiares à frente. As decisões [envolvendo os Estados Unidos] provavelmente nem serão mais discutas com o Itamaraty: tudo vai ser tratado no seio de uma família”, completa Ricupero.

Fonte: DCM

Mais 90 viaturas são entregues para reforço do policiamento na capital e cidades do interior

Governador Flávio Dino e secretário Jefferson Portela entregam chave para o comandante geral da PMMA, coronel Ismael Fonseca (Foto: Karlos Geromy)

O governador Flávio Dino entregou, na manhã desta quinta-feira (11), viaturas novas e completamente equipadas para o trabalho desenvolvido pelas Polícias Civil e Militar do Maranhão. No total, 90 viaturas com tecnologia e equipamentos de ponta auxiliarão na atividade de policiamento. A solenidade de entrega foi realizada na Praça Maria Aragão, Centro, com a presença de secretários de Estado e autoridades policiais.

As novas viaturas representam maior presença da polícia nas ruas e mais proximidade com o cidadão. “Os veículos são fundamentais para essa aproximação e é um passo a mais na afirmação de uma política de segurança pública firme, objetiva e de resultados. Nesse sentido, promovemos a valorização policial e melhoramos as condições de equipamentos e materiais, fortalecendo assim a presença da polícia junto à população”, reitera o governador Flávio Dino.

Das 90 viaturas, 45 vão compor o quadro de veículos da Polícia Civil e a outra metade vai para a Polícia Militar. Os novos veículos serão destinados a 65 cidades, reforçando tanto as ações de policiamento na capital quanto no interior do estado, ampliando as ações de combate ao crime e fortalecendo a segurança no Maranhão. Com a entrega, o Governo do Estado alcança mais de 1.100 novos veículos, entre carros e motos, para o Sistema de Segurança Pública.

“Sabemos da existência do fenômeno das migrações criminosas para regiões do interior do Estado, portanto, a necessidade de fortalecer as unidades destas áreas. As viaturas servirão como apoio ao trabalho rotineiro policial e são veículos equipados com o que há de melhor nesse segmento. É mais uma ação do Governo do Estado para o controle e prevenção do crime”, avalia o secretário de Estado de Segurança Pública, Jefferson Portela.

Solenidade de entrega das 90 viaturas foi realizada na Praça Maria Aragão (Foto: Karlos Geromy)

As viaturas são do tipo pickup Triton equipadas com tecnologia adequada para o trabalho de monitoramento, comunicação e demais serviços operacionais realizados pelas polícias. Os veículos contam com potência e tração nas quatro rodas, permitindo acesso a todos os tipos de áreas e, ainda, foram adequados para condução de suspeitos.

“Essa medida mostra o compromisso da gestão estadual com a segurança pública. Os veículos vão reforçar a atuação policial nas cidades do interior, facilitando o alcance ao cidadão das regiões mais distantes e promovendo a segurança da população”, destaca o comandante geral da Polícia Militar, coronel Ismael Fonseca.

Para o delegado geral de Polícia Civil, Leonardo Diniz, “é um momento importante para o sistema de segurança, uma vez que esta entrega contribui para o remanejamento estatal, melhores condições de trabalho policial e retorno à população com um melhor serviço prestado”.

O cronograma de distribuição dos novos veículos segue o plano da política estratégica de combate à criminalidade, estabelecida pela Secretaria de Estado de Segurança Pública (SSP).

Dentre os 65 municípios contemplados com as viaturas estão Cedral, Coelho Neto, Riachão, Buriti Bravo, Fortuna, Bom Jardim, Alto Alegre, Alcântara, Maracaçumé, Vitória do Mearim, Bacabeira, Rosário, Itapecuru, Chapadinha, Viana, Caxias, Timon, Barra do Corda, Paço do Lumiar e outros.

As novas viaturas foram entregues, também, para unidade do Centro Tático Aéreo (CTA); e para as Superintendências de Polícia Civil de Homicídios e Proteção à Pessoa (SHPP); de Combate ao Narcotráfico (Senarc), de Investigação Criminal (Seic); de Combate à Corrupção (Seccor) e Grupo de Resposta Tática (GRT).

Os investimentos contínuos do Governo do Estado em infraestrutura, equipamentos, materiais diversos e ações de capacitação e valorização do policial vêm gerando resultados positivos como a redução dos registros de criminalidade no Maranhão.

Reforma da Previdência: saiba como votaram os deputados do Maranhão

Por: John Cutrim

A Câmara dos Deputados aprovou na noite desta quarta-feira (10) em primeiro turno, por 379 votos a 131, o texto-base da proposta de emenda à Constituição (PEC) de reforma da Previdência, que altera as regras de aposentadoria.

Para concluir a votação, os parlamentares ainda precisam analisar emendas e destaques apresentados pelos partidos para tentar alterar pontos específicos do texto-base.

Na bancada do Maranhão (18 deputados federais), chamou a atenção o voto do deputado Gil Cutrim a favor da reforma da previdência (o PDT, seu partido, que é de oposição ao governo Bolsonaro disse que expulsaria quem votasse favorável) e voto do deputado Eduardo Braide contra. Veja abaixo como votaram os parlamentares do Maranhão.

SIM (aprovação da reforma)

Aluísio Mendes (Podemos)

André Fufuca (PP)

Cleber Verde (PRB)

Edilázio Júnior (PSD)

Gastão Vieira (PROS)

Gil Cutrim (PDT)

Hildo Rocha (MDB)

João Marcelo Souza (MDB)

Josimar Maranhãozinho (PL)

Junior Lourenço (PL)

Juscelino Filho (DEM)

Marreca Filho (Patriota)

Pastor Gildenemyr (PL)

Pedro Lucas Fernandes (PTB)

NÃO (contra aprovação da reforma)

Bira do Pindaré (PSB)

Eduardo Braide (PMN)

Márcio Jerry (PCdoB)

Zé Carlos (PT)

O texto-base da PEC 6 de 2019 estabelece, entre outros pontos, a imposição de uma idade mínima para os trabalhadores se aposentarem: 65 anos para homens; e 62 anos para mulheres. O tempo mínimo de contribuição previdenciária passará a ser de 15 anos para as mulheres e 20 anos para os homens. O texto propõe ainda regras de transição para quem já está no mercado de trabalho.

Fotomontagem: Gilberto Lima

Com projeto de sucateamento e privatização, Bolsonaro critica “autonomia” das universidades públicas

Bolsonaro (Foto: Marcos Corrêa/PR)

Revista Fórum

Prestes a anunciar um projeto de sucateamento e privatização das universidades públicas, Jair Bolsonaro criticou nesta quinta-feira (11) a “autonomia” das instituições de ensino superiores federais em café da manhã com a bancada evangélica.

“Coisas absurdas têm acontecido dado a autonomia das universidades. Ali virou terras deles, eles que mandam”, afirmou.

No encontro, Bolsonaro afirmou ainda que está evitando nomear reitores que tenham relação com partidos de esquerda.

“É do PT, do PCdoB ou do PSOL. Agora, o que puder fugir, logicamente pode ter um voto só na eleição, mas estamos optando por essa questão”, disse, em relação à escolha dos reitores.

Sucateamento e privatização
Após o cumprimento de uma parte do acordo com o sistema financeiro, aprovando a votação da reforma da Previdência na Câmara, o ministro da Educação, Abraham Weintraub deve anunciar um projeto para acabar com o ensino público e gratuito nas universidades federais.

Com aval de Paulo Guedes, Weintraub quer reduzir orçamento das universidades públicas, que seriam liberadas para cobrar mensalidades e captar recursos na iniciativa privada.

Novo Curso de Medicina da UemaSul terá 40 vagas no 2º semestre de 2020

Uma das grandes novidades para esta edição do Processo Seletivo de Acesso à Educação Superior (PAES 2020) é o curso de Medicina, que será ofertado pelo Centro de Ciências da Saúde da Universidade Estadual da Região Tocantina do Maranhão (UemaSul). As provas da primeira etapa serão realizadas no dia 20 de outubro; e da segunda etapa, no dia 24 de novembro de 2019.

A criação do curso de Medicina representa o fortalecimento das políticas públicas de saúde e educação na Região Tocantina e contempla a meta 14 do Plano de Governo proposto pelo governador Flávio Dino, que abrange a melhoria da saúde e o aumento do número de médicos no Estado. “Com essa responsabilidade, fortalecemos a expansão da UemaSul e consolidamos o nosso protagonismo regional”, afirmou o vice-reitor da instituição, Expedito Barroso.

O PAES deste ano já contempla o novo curso, onde serão ofertadas 40 vagas para ingresso no segundo semestre de 2020. “Os últimos detalhes estão sendo ajustados para receber a primeira turma do nosso curso de Medicina. Todas as questões relacionadas ao corpo docente, estrutura e as demais questões pedagógicas já foram encaminhadas e temos a certeza de que estamos construindo uma graduação que será referência”, afirmou a presidente da Comissão de Implantação do curso de Medicina, professora Sheila Elke Araújo.

Referências

O processo de implantação do curso de Medicina buscou se referenciar em outras universidades que trabalham com as Metodologias Ativas, uma prática pedagógica que tem como foco o aluno e o amplo desenvolvimento de suas capacidades de aprendizagem, resolutividade e autonomia.

Em novembro do ano passado, a UemaSul promoveu o Seminário Internacional de Formação Médica reunindo instituições de Ensino Superior nacionais e estrangeiras que compartilharam e discutiram as diversas experiências nas graduações em Medicina.

Na reta final para o funcionamento do curso, a Comissão de Implantação realizou visita técnica às escolas de medicina instaladas no interior do estado do Rio Grande do Norte e de Pernambuco.

“Visitamos a Escola Multicampi de Ciências Médicas da Universidade Federal do Rio Grande do Norte, localizada em Caicó, e o curso de Medicina do Núcleo de Ciências da Vida da Universidade Federal de Pernambuco campus Agreste, que apresentam uma proposta de educação médica bem semelhante à proposta do Curso de Medicina da UemaSul”, informou a diretora do curso de Medicina, Michele Oliveira.

Projeto Social de Jiu-Jítsu avança em Araioses

O projeto social de Jiu-Jítsu, instalado no antigo clube do Bataclã, na Cidade de Araioses/MA, pelo professor Rodrigo Amorim vem se tornando um celeiro de promessas desse esporte. O programa abrange de forma positiva as crianças e adolescentes que se enquadraram nessa importante arte marcial.

“O Jiu-Jitsu é uma arte marcial de raiz japonesa que utiliza, essencialmente, golpes de alavancas, torções e pressões. O lutador de Jiu-Jitsu utiliza a técnica para levar o oponente ao chão e dominá-lo. O condicionamento físico é um excelente para o esporte, pois você não usa tanto a força, mas precisa encontrar a maneira correta de se defender e atacar”.

O Projeto em destaque vem ganhando força no município, nessa última terça-feira, 09 de julho, contou com presenças ilustres desportistas no mundo do Jiu-Jítsu, de adeptos da arte como o campeão mundial Lucas Gualberto, Delegado da Policia Civil Robert Freire e Engenheiro Edmilson Almeida.

Orgulhoso do que viu no desempenho de seus alunos, o professor Rodrigo Amorim ao término do trabalho juntou os alunos em ciclo para ouvir as mensagens dos ensinamentos proferidos pelos seus convidados no qual os mesmos falaram de como cada um dos participantes teriam que se comportar no dia a dia. Dentre as palavras mais frisadas foram: humildade, respeito e perseverança.

O Jiu-Jítsu proporciona uma saúde melhor, melhoria do rendimento escolar e profissional, aumento da sociabilidade; são alguns benefícios provenientes da prática esportiva. No Brasil, o esporte possui de certa forma, caráter inclusivo.

A disciplina e civilidade, indispensáveis para realização de qualquer desporto, são adquiridas pelos praticantes e aplicadas nos diversos campos da vida em sociedade oferecendo assim, a possibilidade de mudanças no contexto das pessoas marginalizadas, “como as que possuem alguma deficiência e as que estão em situação de vulnerabilidade social”.

Nos dias de hoje, a maioria das pessoas que começam a praticar Jiu-Jítsu o fazem na busca de alguma melhoria na qualidade de vida. Apesar de ser considerado por muitos estudiosos um método meritocrático, a virtude do mesmo está em proporcionar aos adeptos progressos substanciais, desde uma saúde mais consistente até a ampliação e o melhoramento do convívio social.

Uma vez aliado com uma educação de qualidade, o Jiu-Jítsu torna-se agente transformador de pessoas e situações.

Do Facebook de Edmar Mendonça

Araioses vive a maior crise econômica de sua história?

Boas casas para alugar tem bastante em Araioses

Quem anda pelas ruas dos bairros de Araioses encontra aqui e acolá várias placas em casas indicando que elas estão à venda.

Também pessoas que tem casas para alugar se queixam que a procura está cada vez mais difícil e que antes não era assim.

Desde segunda-feira que um grupo de vendedores de terrenos de um loteamento na chegada a Parnaíba/PI estão aqui na cidade mostrando as vantagens do empreendimento, e dizem eles, que muita gente daqui de Araioses lá já adquiriram suas propriedades.

Esses fatos apontam que quem tem melhores condições financeiras migram – como outros já fizeram – para a cidade piauiense, que se mostra em melhores condições de se viver com mais dignidade.

Apesar do potencial que nosso município tem – em todas as áreas – para o desenvolvimento a situação de vida tem ficado cada vez pior para seus habitantes, porém nunca tão ruim como agora, na gestão do prefeito Cristino Gonçalves, que de grande símbolo da esperança de milhares de araiosenses passou a condição de maior decepção eleitoral nunca vista.

Não é nenhum exagero afirmar que Araioses vive a maior crise econômica de sua história.

Morre o jornalista Paulo Henrique Amorim

O jornalista escrevia para diversos jornais e revistas do país e era proprietário do blog ‘Conversa Afiada’

Foto: Divulgação

Revista Fórum

Morreu na manhã desta quarta-feira, 10, aos 77 anos, em São Paulo, após sofrer um infarto fulminante, o jornalista Paulo Henrique Amorim.

O também apresentador atua no ramo de jornalismo desde 1961. Atualmente, escreve para diversos jornais e revistas do país, e era proprietário do blog ‘Conversa Afiada’.

Paulo Henrique Amorim foi afastado, no ultimo dia 24 de junho, do programa ‘Domingo Espetacular’, da TV Record, atração comandada por ele há 14 anos.

A Record confirmou a informação em nota, afirmando que o jornalista “permanecerá na emissora à disposição para novos projetos”. Paulo Henrique Amorim tem contrato com a Record até 2021 e, segundo Castro, não será demitido.

Confira a nota divulgada pela Record abaixo:

“O Domingo Espetacular, a partir deste domingo, 30/06, será apresentado por Patrícia Costa e Eduardo Ribeiro.

Paulo Henrique Amorim deixa o programa e permanece na emissora à disposição para novos projetos.

As mudanças fazem parte do processo de reformulação do jornalismo da Record TV, que está sendo implementado pelo vice-presidente de jornalismo da Record TV, Antonio Guerreiro, desde janeiro deste ano.”

Perseguição

Vários jornalistas e apresentadores que assumem uma postura crítica em relação ao governo de Jair Bolsonaro começam a sofrer perseguições e represálias dentro dos locais de trabalho. Primeiro foi o historiador e comentarista político, Marco Antonio Villa, que anunciou neta segunda-feira (24) sua saída da Jovem Pan, após ter sido suspenso por 30 dias, por críticas ao presidente.

Depois foi Raquel Sheherazade e todo o departamento de jornalismo do SBT, ameaçados de demissão por pressão do empresário Luciano Hang, dono da Havan e um dos principais patrocinadores da emissora.

Mordaz e afiado, Paulo Henrique Amorim passou por emissoras como TV Manchete, TV Globo, TV Bandeirantes, onde apresentou o Jornal da Band, e TV Cultura. Foi um crítico de primeira hora do presidente Jair Bolsonaro (PSL-RJ) e seu governo. Abaixo o seu último tuíte, postado apenas oito horas antes de sua morte:

Maranhão é campeão Maranhense Sub 17 e conquista vaga na Copa do Brasil

O Maranhão retomou a melhor tradição das categorias de base. O Quadricolor é campeão Maranhense Sub 17. A conquista do Macão veio após vitória nos pênaltis por 5 a 3 sobre o Cefama, após empate em 0 a 0 no tempo normal, na tarde deste sábado (6), no Estádio Castelão.

Jaderson, Henrique, Almeida Neto, Artur Neto e Gabriel Barros converteram as penalidades para o Maranhão. Enquanto Rafinha, João Vitor, Danilo marcaram para o Cefama. Robinho desperdiçou o pênalti.

Além do título da competição, o Maranhão conquistou vaga para a Copa do Brasil Sub 17 em 2020. Pela conquista, o time atleticano recebeu ainda R$ 2 mil em premiação, troféu e medalhas.

Comandado pelo técnico Paulo César, o Maranhão obteve a melhor campanha do Maranhense Sub 17. Em sete partidas, o Bode Gregório conquistou quatro vitórias, dois empates e apenas uma derrota.

“Essa conquista coroa o trabalho iniciado desde a captação de talentos e conduzido com competência por Paulo César e toda comissão técnica. Nosso objetivo é dar oportunidade para os meninos e formar novos talentos para o nosso time, Parabéns aos meninos, nossos colaboradores e torcedores”, afirmou o presidente Robson Paz.

Veja os resultados

Balsas 1 x 1 Maranhão

Maranhão 0 x 1 Moto

Maranhão 2 x 1 Comercial

Chapadinha 0 x 1 Maranhão

QUARTAS DE FINAL

Maranhão 1 x 1 Timon

SEMIFINAL

Sampaio 2 x 2 Maranhão

Pênaltis (3 x 4)

FINAL

Maranhão 0 x 0 Cefama

Pênaltis (5 x 3)

Fonte: MAC

Números de candidatos vão cair e pesquisa eleitoral

A ex-prefeita Valéria do Manin é tida como favorita, mas o pai poderá atrapalhar

Embora já tenha sido listado mais de vinte nomes de pré-candidatos a prefeito de Araioses na eleição de 2020, todos nós sabemos que no afunilamento das datas das convenções partidárias a maioria já ficou pelo caminho por diversas razões.

Nos últimos dias, por exemplo, já se fala que diminuiu e muito o ímpeto de alguns pré-candidatos, o que nos leva a crer, que como em outros pleitos, a disputa será travada no máximo entre quatro a cinco pretendentes.

Após um evento político-festivo ocorrido no final de semana, onde entre os presentes estavam três pré-candidatos dizem que um acordo teria sido feito de que farão uma pesquisa onde o primeiro colocado será o cabeça de chapa e o segundo o vice. Esse filme já vimos, ou não?

O jornalista Daby Santos não tem grupo político, mas será a única alternativa de uma nova forma de governar em Araioses

Tem gente apostando que serão candidatos ano que vem a Valéria do Manin, o ungido da inelegível Luciana Trinta, Weliton do Posto, Dadá Coutinho, se conseguir segurar o pessoal de Parnaíba e o prefeito Cristino em busca de uma improvável reeleição.

Questionei no grupo de conversa sobre Mano Gonçalves, mas ninguém quis apostar que ele leve a frente sua candidatura e que estaria na verdade tentando uma vaga de vice dentro de uma chapa com possibilidades de vitória, como ocorreu em 2012.

Percebo claramente que o meu nome – Daby Santos – como pré-candidato a prefeito de Araioses não é levado a sério por esses políticos em suas conversas, no que em nada me incomoda.

Minha corrente é outra e vejo a política como uma ciência que tem que estar a serviço do bem coletivo, diferentemente desses outros tradicionais seguimentos, que veem na política um instrumento de realização pessoal.

Quantos candidatos dessa corrente irão disputar a prefeitura de Araioses eu não sei, porém tenho certeza que todos são muito parecidos uns com os outros e eu sou a exceção.

Coragem, conhecimento e competência eu tenho e se Deus continuar me dando saúde serei a alternativa.

A única!