VÍDEO: Mulheres se escondiam de Pedro Guimarães no banheiro, revela ex-funcionária da Caixa

A ex-servidora foi uma das vítimas do presidente da Caixa: “passou a mão na lateral do seio e na cintura”

Créditos: Marcelo Camargo/Agência Brasil

Por Lucas Rocha, Revista Fórum

Uma ex-funcionária da Caixa Econômica Federal enviou um vídeo para a GloboNews nesta quinta-feira (30) relatando os episódios de assédio sexual do ex-presidente da Caixa, Pedro Guimarães, com servidoras do banco público. Guimarães se demitiu do comando do banco após uma explosão de denúncias de assédio sexual.

Segundo a jornalista Andreia Sadi, a ex-funcionária que enviou o vídeo é assessora de diretoria da Caixa. A ex-servidora não trabalhava diretamente com Guimarães, mas atuava no mesmo prédio, Matriz 1. Antes de falar com a jornalista Andreia Sadi, da GloboNews, ela usou as redes sociais para desabafar sobre o episódio e classificou Guimarães como um “grande filho da p*”.

“A intenção é dar uma cara a essas mulheres”, diz a ex-funcionária que aparece no vídeo.

“Era comum a mulherada, eu e minhas colegas, se esconder no banheiro quando ouvia a voz dele chegando no corredor, fazendo aquele estardalhaço”, revelou. Segundo ela, as funcionárias se escondiam para não serem abordadas por Guimarães para tirarem fotos e acabarem sendo apalpadas.

“Em um dia ele veio no meio gabinete dizendo que queria tirar foto. Nesse lance de foto, agarrava a gente e não soltava; passava a mão na lateral do seio, passava a mão na cintura, pegava forte na cintura”, disse.

Assista ao relato

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.