As pesquisas não erraram, pois Luciana Trinta sempre esteve na frente de seus concorrentes na luta pela prefeitura de Araioses

Comício da então candidata Luciana Trinta na campanha de 2020

As pesquisas de opinião públicas com fins eleitorais não analisam só a preferência dos eleitores, em quem eles pretendem votar nos pleitos em disputa. Elas também procuram identificar fatos positivos e negativos que possam fazer parte do perfil dos candidatos.

Na eleição para a Prefeitura de Araioses em 2020 eu tive acesso a várias pesquisas que foram feitas exatamente para analisar o eleitorado araiosense, não só no potencial de votos de cada um, como as qualidades ou defeitos que esses possuíam na visão dos pesquisados.

No que diz respeito ao potencial eleitoral, em todas as pesquisas – sem exceção de nenhuma – a então candidata a prefeita de Araioses Luciana Marão Trinta sempre esteve bem à frente de todos os candidatos. Se alguma pesquisa naquele período mostrou algo diferente, não era séria e sim demonstrativos de números manipulados da parte de um dos concorrentes, na tentativa de induzir o eleitor noutra direção.

Nos aspectos negativos dos candidatos pude ver que alguns não tinham a menor chance de serem eleitos, quando o eleitor era perguntado por que não votava naquele (o citado) de jeito nenhum.

As respostas variavam de mal falado – e até algo mais grave – para uns, mas principalmente dizia que se determinado(a) candidato(a) ganhasse a eleição não mandaria – era esse mesmo o termo – na administração da prefeitura.

Não é difícil concluir por que a atual prefeita de Araioses, Luciana Trinta ganhou aquele pleito.

No lance: Fui solicitado a fazer um post analisando e comparando os primeiros meses – no caso são 18 – de governo da prefeita Luciana Trinta, com o mesmo tempo, dos de Valéria do Manin e de Cristino Gonçalves.

Já iniciei algumas pesquisas, mas agradeceria muito se as pessoas envolvidas nos governos em estudos, me passassem informações das realizações desses nos primeiros 18 meses de seus governos para fundamentar minha publicação.

Informações para: [email protected] e (98) 988178048 (WhatsApp).

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.