Ucrânia concorda em realizar negociações com a Rússia em Belarus, diz Moscou

(Foto: Reprodução)

Por Pedro Zambarda de Araújo/DCM

Ucrânia concordou em realizar as negociações na região belarussa de Gomel, a delegação russa vai para lá, confirmou o porta-voz presidencial russo, Dmitry Peskov, segundo o Sputniknews.

Segundo o líder da delegação russa em Gomel, Vladimir Medinsky, “cada hora para nós é uma vida salva”. Ele confirmou também que a Rússia está pronta para negociar com o lado ucraniano a fim de atingir a paz em qualquer momento.

Mais um representante do lado russo, Leonid Slutsky, disse que a delegação está disposta a manter sua posição “bem intransigente” nas conversações com a Ucrânia.

Ele não duvida que já em algumas horas os negociadores da Rússia se reunirão com a delegação ucraniana.

Presidente da Ucrânia não queria negociar em Belarus

Mais cedo, o presidente ucraniano, Volodymyr Zelensky, disse que seu país está pronto para negociações com a Rússia, mas rejeitou a oferta de realizar as conversações em Belarus, chamando o país de “palco de invasão”.

As declarações de Zelensky vieram logo depois que o Kremlin afirmou que seus líderes chegaram a Belarus para negociar a paz.

A delegação russa inclui funcionários dos ministérios das Relações Exteriores e da Defesa e do gabinete do presidente Vladimir Putin, informou a agência de notícias Interfax. O rumo das conversas mudou, pelo visto.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.