Bombeiros intensificam auxílio às vítimas das fortes chuvas no interior do Maranhão

Municípios afetados já recebem auxílio do Corpo de Bombeiros do Maranhão (Foto: Divulgação)

Por Carolina Mello

O Corpo de Bombeiros Militar do Maranhão (CBM/MA) segue com as operações de auxílio às famílias dos municípios afetados pelas fortes chuvas no estado, com retirada das pessoas de áreas de risco, com apoio de medicamentos, alimentação e monitoramento da elevação do nível dos principais rios, por meio das coordenadorias Estadual de Defesa Civil, municipais e Unidades Operacionais.

Mirador

Mirador é um dos municípios mais afetado pelas fortes chuvas

No município de Mirador, a cheia do rio Itapecuru provocou alagamento em vários pontos da cidade. Uma operação de auxílio à população já está sendo realizada. Nesta terça-feira (4), o comandante do Corpo de Bombeiros do Maranhão, coronel Célio Roberto de Araújo, que acompanha de perto os efeitos dos temporais na cidade, juntamente com o secretário de Cidades e Desenvolvimento Urbano, Márcio Jerry, destaca que a prioridade do CBM/MA é a remoção das famílias das áreas de risco, seguida do apoio com medicamentos e alimentação.

“Estou aqui no município de Mirador, que está sendo afetado pela enchente do Rio Itapecuru. Nós já temos um grande número de famílias desabrigadas, resultado das fortes chuvas que têm se precipitado no estado do Maranhão. A determinação do governador Flávio Dino é que eu viesse para cá, juntamente com o secretário de Cidades, Márcio Jerry, a fim de mitigar, o mais rápido possível, os efeitos dessas enchentes, atendendo as vítimas, essas famílias que estão desabrigadas, com o apoio de medicamentos, de alimentos e tudo que for necessário, principalmente, fazendo a remoção das famílias que ainda estão em local de risco, para os abrigos”, disse o comandante.

Imperatriz

Municípios afetados já recebem auxílio do Corpo de Bombeiros do Maranhão. (Foto: Divulgação)

Em Imperatriz, que foi afetada pela elevação de 9 metros do Rio Tocantins, o 3° Batalhão de Bombeiros Militar tem dado continuidade ao amparo de 86 famílias desabrigadas e 29 famílias desalojadas, bem como ao trabalho incessante de resgate e deslocamento das pessoas atingidas para abrigos e locais seguros.

Municípios em Situação de Emergência

De acordo com o Sistema Integrado de Informações sobre Desastres (S2ID), declararam situação de emergência os municípios de Barra do Corda, Jatobá e Grajaú. Diante da perspectiva do aumento das chuvas e do registro de eventos adversos, outros municípios deverão registrar o pedido de auxílio.

Para tanto, o Corpo de Bombeiros e a Defesa Civil estabeleceu uma sala de situação especialmente para realizar o monitoramento das regiões e mobilizar recursos humanos e materiais para atendimento da população afetada.

Cidades em Alerta

Ainda nesta terça-feira, devido à elevação de 8 metros do Rio Itapecuru, a Defesa Civil emitiu alerta aos municípios de Itapecuru-Mirim, Coroatá, Pirapemas, Cantanhede, Santa Rita e Rosário para a aplicação de planos de contingência nas áreas de riscos mapeadas pelas coordenadorias municipais.

Nas cidades de Trizidela do Vale e Pedreiras, militares da 13ª CIA já preparam plano de ação junto as prefeituras, devido a tendência de elevação do Rio Mearim, que atingiu a marca de 4,82 metros que, por enquanto, ainda está inferior a cota de alerta.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.