Centrão quer tornar Bolsonaro senador vitalício e redes lembram caso de Pinochet

Jair Bolsonaro e Augusto Pinochet (Montagem)

Por Julinho Bittencourt

Revista Fórum – A articulação do centrão para aprovar a PEC que torna todos os ex-presidentes da República senadores vitalícios tem como objetivo principal livrar o presidente Jair Bolsonaro (Sem Partido) da cadeia.

A ideia, revelada pelo programa Papo de Política, da GloboNews, foi copiada do ditador chileno Augusto Pinochet, que criou o cargo para si também como forma de se blindar dos crimes cometidos ao longo de quase duas décadas pelo seu governo, que matou cerca de três mil pessoas.

O nome do ditador chileno foi parar nos TTs na manhã desta sexta-feira (29) por conta da manobra. Internautas também lembram que, no caso de Pinochet, a estratégia não deu certo.

Ele assumiu o Senado em 11 de março de 1998. Sete meses depois, a pedido da justiça da Espanha, foi preso em Londres, sob acusação de crimes contra a humanidade.

Além disso, o fardo de Bolsonaro é muito maior do que o de Pinochet. O relatório final da CPI da Covid o responsabiliza por mais de 600 mil mortes, número muito mais alto que o do colega chileno.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.