Da serenidade e da paz do Morro do Meio para o caldeirão político de Araioses

Cheguei por volta das 11 horas de ontem (17), a Araioses depois de passar dois dias no povoado Morro do Meio – uma das comunidades da Ilha das Canárias – onde na companhia de mais dois amigos pescamos na região.

Aqui chegando encontrei o clima político pesadíssimo. O deputado César Pires (PV) publicou nas redes sociais um vídeo que ele gravou na porta do Hospital Regional criticando os atos de Luciana Marão (PCdoB), como prefeita de Araioses.

Como era de se esperar a prefeita deu o troco – também nas redes sociais – batendo forte no deputado de maneira a desqualificá-lo, no que esse já em outra localidade gravasse novo vídeo no mesmo tom.

Não vou aqui publicar o conteúdo das mensagens trocadas entre os dois, pois os vídeos e áudios estão nas redes sociais.

Mordeu a isca

Isso porque na minha humilde opinião o deputado César Pires armou uma jogada e a prefeita Luciana caiu no jogo dele.

Qual a razão para esse raciocínio? Simples, pois o que ele colocou não é novidade, já que doutra vez em que ele se manifestou sobre o assunto do atraso do pagamento dos funcionários do Regional, ele citou o secretário de saúde do Maranhão Carlos Lula, que teria dito a ele que o Estado estava em débito sim com aquela casa de saúde, porém isso ocorria pela falta de umas certidões que até então não foram apresentadas.

O próprio Luisão – presidente da Câmara de Vereadores de Araioses, em uma das vezes que fez uso da Tribuna da Câmara, já tinha se manifestado sobre o assunto dizendo até que a prefeita estava se mobiliando para solucionar o problema.

Mas ocorre que ano que vem tem eleição, onde o deputado Cesar Pires pretende mais uma vez renovar o mandato. Ele tem caído de votos a cada eleição – o que não deixa de ser um sinal de alerta – e pode ter visto que em Araioses a melhor forma dele se posicionar seria a de abrir um frente de oposição à prefeita com o intuito de municipalizar a eleição – embora essa seja estadual – para se apresentar como o principal opositor a Luciana Marão.

Em outras palavras, o raciocínio seria passar para a opinião pública que quem não estiver com a prefeita em 2022 poderá está com ele, como uma espécie de municipalização da eleição estadual.

Eu mesmo já usei essa técnica aqui em 1994, quando era assessor de imprensa do então candidato Zé Orlando e mais tarde fiz o mesmo com André Fufuca. Em ambas as eleições os resultados foram altamente positivos.

Talvez Cesar Pires entenda que pelo menos – no momento – a melhor forma de crescer politicamente em Araioses seja a de bater de frente com Luciana Marão.

Prefeitos impopulares e com conduta nociva ao povo e a cidade tem passado por Araioses nesses tempos que o deputado faz política por aqui e em nenhum momento isso pareceu incomodá-lo. Agora incomoda!

Araioses não precisa disso

Tenho consciência de que a situação de Araioses é gravíssima e essa lamentável situação já vem de anos com agravamento a cada gestão que passa, pelo fato dos gestores terem priorizado ações que foram na contramão do desenvolvimento do município.

Mas a verdade não pode ser omitida e gostem ou não Luciana Marão assumiu nossa prefeitura no pior momento de sua história e para mudar essa situação – se ela realmente quiser – não será tarefa fácil e vai exigir muita luta.

Arrumar a casa e por as coisas no lugar é a prioridade a ser considerada. Afinal, Araioses chegou ao fundo do poço.

Lamento os fatos ocorridos e espero que todos os envolvidos nesse processo eleitoral coloquem nossa cidade e seu povo acima de qualquer interesse pessoal.

Eu amo de verdade minha cidade e só Deus sabe o quanto quero vê-la caminhar a passos firmes em direção ao tão desejado e esperado progresso.

Deus nos deu tudo que precisamos, pois nossa terra é riquíssima em todas as áreas e com um enorme potencial para o desenvolvimento.

Para mim foi ruim sair da serenidade e da paz do Morro do Meio e ao chegar aqui me deparar com esse caldeirão político.

Em tempo:

O presidente da Câmara de Vereadores Luís Fernando Marão Felix – o Luisão fez hoje (18) uso da palavra criticando a conduta do deputado Cesar Pires deixando bem claro que ele não teria respaldo para fazer o que fez.

Para melhor esclarecer quem é o deputado, Luisão listou as manchetes de uma série de reportagens publicadas nos últimos anos em blogs e sites maranhenses, bastantes críticos ao deputado.

Serão alvos de futura publicação aqui, tão logo tenha do deputado sua versão sobre os fatos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *