A justiça precisa melhor qualificar seus representes

Reprodução da internet

Ontem (28) noticiei aqui que o prefeito de Presidente Médici/MA Janilson dos Santos Coelho – o “Dr. Caçula” – teve seu mandato cassado pelo TER/MA e o motivo foi pelo fato dele ter se filiado fora do prazo para disputar a eleição, como determina a legislação eleitoral.

O fato merece uma reflexão sobre a importância ou não da justiça em processos eleitorais dessa natureza, para ficar só por aqui. Outras aberrações que essa instituição tem patrocinado por conta de maus representantes desse poder não será relatado.

Ora, bolas! Qualquer pessoa que pleiteia um mandato político – por muito ignorante que seja – tem a obrigação de saber que terá de está filiado a uma agremiação política dentro do prazo legal. Se assim não estiver estará fora do pleito.

Na reportagem que primeiro foi postada no blog imaranhão360 não trás a precisa informação de como o Dr. Caçula conseguiu tal façanha. O que se sabe é de que ele foi candidato, que foi eleito e agora a mesma justiça que permitiu o fato, lhe cassa o mandato.

Assim têm ocorrido outros fatos a cada eleição, se não por motivo semelhante ao aqui noticiado, mas pela condição de inelegibilidade, principalmente de ex-prefeitos que dão o “jeitinho” e acabam disputando o pleito, que se eleitos, uma nova disputa terá início sem previsão de sucesso da parte de adversários que saíram derrotados.

O Brasil não avança sem justiça, porém essa precisa melhor qualificar seus representes.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *