A maltrapilha no lixo

Imagem ilustrativa – reprodução da Internet

Dias atrás vi uma triste cena que ainda não consegui esquecer. Em uma rua do bairro Alto São Manoel – aqui em Araioses – vi uma mulher maltrapilha debruçada sobre um depósito de lixo procurando algo que pudesse comer.

Era por volta das 11 da manhã e aquilo me deixou profundamente amargurado e triste ao mesmo tempo, pois não me recordo de já ter visto algo semelhante em mais de três décadas que mora aqui em Araioses.

Em nossa terra predomina a habitação de gente pobre, porém trabalhadores e não mendigos esfarrapados, como se ver nas grandes cidades.

Descabelada, vestida de trapos e aparentado ter entre 40 e 50 anos aquela mulher não parece ser moradora do bairro, o que leva a crer que tenha vindo de outras localidades.

Infinitamente lamentável aquela situação, que causa revolta e indignação diante de tanta injustiça social.

A estrutura financeira dos órgãos públicos não mudou em nada, como também não mudou a postura dos governantes que praticam uma política de exclusão e abandono social.

Em que pese às dificuldades de viver do povo araiosense casos dessa natureza nunca tinham ocorrido.

Está passando da hora de nos empenharmos em profundas mudanças.

Antes que seja tarde demais…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *