Os matadores estão chegando

Por Fernando Brito, editor do TIJOLAÇO

Garimpeiros ilegais, desmatadores, grileiros e jagunços de latifundiários, todos estão à vontade.

Sabem que os governos lhes são, quando não cúmplices, ideologicamente simpáticos.

Dois índios guajajaras estão mortos. Três, se considerar-se o que foi morto há um mês, também guajajara, Paulo Paulino.

Em tese, estava sob a proteção das autoridades públicas.

Na prática, mais alvo que nunca.

Agora, depois , das mortes, Moro vai diz que avalia envio da Força Nacional ao Maranhão

É caso menos grave que o do porteiro do condomínio, a exigir menos indignação e avaliação.

Menos urgente que a prisão em segunda instância, que o excludente de ilicitude.

É só um brasileiro tirado do cangote da gente que tomou conta do Brasil.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *