Com projeto de sucateamento e privatização, Bolsonaro critica “autonomia” das universidades públicas

Bolsonaro (Foto: Marcos Corrêa/PR)

Revista Fórum

Prestes a anunciar um projeto de sucateamento e privatização das universidades públicas, Jair Bolsonaro criticou nesta quinta-feira (11) a “autonomia” das instituições de ensino superiores federais em café da manhã com a bancada evangélica.

“Coisas absurdas têm acontecido dado a autonomia das universidades. Ali virou terras deles, eles que mandam”, afirmou.

No encontro, Bolsonaro afirmou ainda que está evitando nomear reitores que tenham relação com partidos de esquerda.

“É do PT, do PCdoB ou do PSOL. Agora, o que puder fugir, logicamente pode ter um voto só na eleição, mas estamos optando por essa questão”, disse, em relação à escolha dos reitores.

Sucateamento e privatização
Após o cumprimento de uma parte do acordo com o sistema financeiro, aprovando a votação da reforma da Previdência na Câmara, o ministro da Educação, Abraham Weintraub deve anunciar um projeto para acabar com o ensino público e gratuito nas universidades federais.

Com aval de Paulo Guedes, Weintraub quer reduzir orçamento das universidades públicas, que seriam liberadas para cobrar mensalidades e captar recursos na iniciativa privada.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *