Marcelo Tavares, Rodrigo Lago, Rubens Jr. e Márcio Jerry formam time de articuladores políticos de Flávio Dino

Por Ribamar Corrêa

Marcelo Tavares, Rodrigo Lago, Rubens Jr. e Márcio Jerry formam o time de articuladores políticos do Governo

A nova composição do secretariado, a ampla base na Assembleia Legislativa, a nítida vantagem nas representações no Congresso Nacional, as alianças na esmagadora maioria dos municípios e a completa desarticulação do Grupo Sarney como Oposição fazem com que o governador Flávio Dino (PCdoB) tenha uma situação política confortável no front interno, o que lhe dá condições para ampliar suas relações no plano nacional. Mas o governador, que   há muito integra no seleto clube das raposas, certamente já aprendeu que em política esse conforto não é de todo sólido e que mantê-lo requer um monitoramento permanente, evitando uma rachadura aqui, um pavio aceso ali, uma trombada acolá. Daí porque, além dele próprio, o governador mantém na sua equipe assessores com estatura e habilidade para consertar fissuras e apagar incêndios ao menor sinal de fumaça, como o chefe da Casa Civil, Marcelo Tavares (PSB), um articulador hábil e eficiente, o novo secretário de Comunicação e Articulação Política, Rodrigo Lago, já traquejado no jogo pelo poder, o deputado federal licenciado Rubens Jr. (PCdoB), que também ajudará na seara política, e o deputado federal e presidente estadual do PCdoB Márcio Jerry, que é de longe o mais ativo e mais, autorizado porta-voz político do Governo Flávio Dino.

Licenciado do mandato de deputado estadual, Marcelo Tavares reassumiu o comando da poderosa Casa Civil, que é o elo do governador com o resto do mundo, com a tarefa de manter a aliança sem traumas, conversando com todos os representantes partidários. Marcelo Tavares vira e mexe se desloca para a Assembleia Legislativa, onde conversa com deputados da base e da Oposição para acertar os ponteiros em relação a matérias de interesse do Governo sempre que algum projeto. Agora mesmo, a julgar pelo que vêm especulando alguns blogs e jornais, Marcelo Tavares estaria com a tarefa de fazer uma interlocução entre o governador Flávio Dino e o prefeito de São José de Ribamar, Luiz Fernando Silva (PSDB), com o objetivo fazê-lo deixar o cargo para assumir um cargo de peso no Governo.

O advogado Rodrigo Lago foi escalado a Secretaria de Comunicação e Articulação Política para cuidar da área de Comunicação, que é de importância capital para o Governo, e também para funcionar como articulador político, fazendo a interlocução com os canais que formam a base partidária do Governo. Houve quem se surpreendeu com a escolha, sob o argumento de Rodrigo Lago é um craque em Direito Eleitoral, mas não talhado para a articulação. Ledo engano. Ao mesmo tempo em que lhe deu suporte jurídico, Rodrigo Lago foi um dos principais articuladores políticos do grande movimento que levou o Flávio Dino poder em 2014. Tanto que recebeu do governador a tarefa ajudar na tessitura da rede de apoios que consolidou a aliança vitoriosa nas urnas. Além do mais, traz no gene o DNA político dos Lago, explorado com muita competência pelo pai, o ex-deputado Aderson Lago.

Convocado para a Secretaria das Cidades e Desenvolvimento Urbano, o deputado federal Rubens Pereira Jr. certamente fará parte do grupo de articuladores do Governo. Cria política do ex-deputado Rubens Pereira, por muitos apontado como um craque nos bastidores, Rubens Jr. traz para o tabuleiro do jogo político estadual uma boa experiência adquirida nos seus mandatos parlamentares, principalmente o de deputado federal, ao longo do qual atuou com o um dos nomes mais destacados da bancada federal do PCdoB. Deverá receber tarefas políticas do governador Flávio Dino.

A ida para a Câmara Federal como o terceiro mais votado da bancada maranhense não tirou Márcio Jerry da linha de frente nas articulações políticas do Governo. Em Brasília, será o porta-voz do Palácio dos Leões. E mesmo estando em Brasília, além da interlocução que mantém com o governador Flávio Dino, o deputado Márcio Jerry permanece firme e inabalável no comando do braço maranhense do PCdoB. Não há dúvidas de que o agora parlamentar continuará como o principal conselheiro político do governador e participará de todas as decisões o chefe tomará nesse campo.

Esse time de dará o suporte que o governador Flávio Dino precisa para poder se movimentar com mais liberdade e desenvoltura na seara política, inclusive para construir a plataforma que precisará para entrar na corrida presidencial. Mas sem mudar um dado essencial: ele tem a última palavra.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *