Vereadores de Araioses estão pagando pelo que não devem

Após o insucesso de mais uma votação da Comissão Processante que poderia ter cassado o mandato do prefeito de Araioses, Cristino Gonçalves de Araújo, impedida por conta de uma decisão judicial, não é o juiz que deu a sentença favorável e sim os vereadores araiosenses que estão levando culpa maior, por continuar no poder o pior gestor que nosso município já teve.

Tenho acompanhado de muito perto todos os trabalhos dos edis araiosenses e sempre vi na maioria muito empenho no que realizaram até agora. Fizeram a parte deles, porém infelizmente, mais uma vez um representante do judiciário maranhense interferiu no que fez o Poder Legislativo Araiosense.

No dia da votação, todos os 13 vereadores estavam presentes. Não digo que todos votariam no relatório da CP se esse tivesse ido para a votação, porém ele seria aprovado pela maioria qualificada e a prova disso é que o prefeito teve que se valer de uma medida judicial para se garantir no cargo.

Se Cristino tivesse vereador suficiente para reprovar o relatório, não teria se apegado a um juiz substituto. Se o fez é porque sabia que ia perder na votação.

Embora haja diferença de posicionamento entre eles, principalmente após a eleição da atual mesa diretora, os vereadores de Araioses em sua maioria tem honrado o cargo que lhes foi dado pelo eleitor araiosense.

O fato de pouco comparecimento do povo na votação do dia 22 pode ser entendido como a previsão de que mais uma vez o prefeito iria se safar, via medida judicial, do que por falta de coragem dos vereadores em cassar seu mandato, que desde muito cedo mostrou não merecê-lo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *