Governo recebe visita de estatal chinesa interessada em investir no Maranhão

O Governo do Maranhão, por meio da Secretaria de Estado de Desenvolvimento Social, recebeu na tarde de quarta-feira (27), a visita do executivo Antônio Wang, representante da companhia China Resources, grupo estatal chinês do setor agropecuário. No encontro, o executivo apresentou ao titular da pasta, Neto Evangelista, os projetos da estatal chinesa e o seu interesse em investir no Maranhão, dentro de sua área de atuação.

Para o secretário Neto Evangelista, a estatal possui linha de investimentos voltada também à pequena agricultura e pecuária, atividades produtivas que são foco de ação da Sedes, com o objetivo de incluir famílias inseridas no Cadastro Único (CadÚnico), aquelas que possuem renda per capta de até meio salário mínimo.

reuniao-estatal-chinesa

Secretário Neto Evangelista, ao lado do executivo Antônio Wang, do consultor da estatal chinesa Gustavo Oliveira, e de outros membros da comitiva da companhia China Resources. Foto/Honório Moreira

Ainda conforme Neto Evangelista, sejam quais forem os investimentos externos que foquem a inclusão sócio produtiva no Maranhão, estes serão direcionados, também, para atender ao público que vive da agricultura e da pecuária familiar.

Segundo o consultor da companhia presente à reunião, Gustavo Oliveira, que dá apoio à prospecção de investimentos da empresa chinesa no Brasil, o grupo busca parcerias que promovam o desenvolvimento socioeconômico. “O trabalho de prospecção de investimentos no estado está na fase inicial, mas o objetivo do governo chinês, assim como do Governo do Maranhão, é de que todo desenvolvimento econômico seja voltado para o crescimento social”, disse. Para o consultor, esse é um aspecto que demonstra que já há um alinhamento ideológico nesse sentido entre os dois governos e que há possibilidade de forte parceria.

O consultor revelou ainda que a prospecção por investimentos no Maranhão surgiu a partir da motivação do governador Flávio Dino durante a visita do primeiro-ministro chinês, Li Keqiang, em Brasília, na semana passada. Na ocasião, o governador sugeriu aos empresários chineses integrantes da comitiva, que considerassem o Maranhão como destino prioritário de investimentos daquele país, o que já está ocorrendo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *