Três estudantes maranhenses estarão na etapa nacional do Parlamento Juvenil do Mercosul

Três estudantes do ensino médio da rede estadual do Maranhão terão a oportunidade de participar da etapa nacional do Parlamento Juvenil do Mercosul, que reúne estudantes dos países que integram o bloco – Argentina, Brasil, Paraguai, Uruguai e Venezuela.

Os alunos Cindynéia Ramos Cantanhêde, do Liceu Maranhense, em São Luís; Luciene da Conceição Silva e Bruno de Sousa Noleto, ambos do CE Epitácio Pessoa, localizado no município de Paraibano, foram os selecionados no estado.

Os três estudantes irão representar o Maranhão no Encontro Nacional do Parlamento Juvenil do Mercosul, que acontecerá entre os dias 4 e 7 de junho de 2014, em Gramados,  no Rio Grande do Sul.

Eles vão discutir a formação política e cidadã da juventude, a partir do questionamento ‘O Ensino Médio que Queremos’, com reflexão e discussão sobre inclusão educativa, gênero, jovens e trabalho, participação cidadã dos jovens e direitos humanos.

A secretária adjunta de Ensino, Leuzinete Pereira da Silva, recebeu, na quarta-feira (28), uma das alunas selecionadas, a estudante Cindynéia Ramos Cantanhede. Ela estava acompanhada de seus pais, Lurdinéa Cantanhede e Honório Cantanhede Neto. A reunião contou com a presença da superintendente de educação básica (SUEB), Lucinete Vilanova e da coordenadora de ensino médio (COEM), Négile Dorneles.

Na ocasião, Leuzinete Pereira ressaltou a importância do incentivo e acompanhamento dos pais na formação educacional de seus filhos. Destacou, ainda, a enriquecedora experiência que os jovens selecionados vivenciarão com o projeto, que deverá ser socializada com os demais estudantes da escola, como forma de motivá-los ao estudo constante e engajamento estudantil.

 – Adjunta da Seduc, Leuzinete Pereira, com a aluna Cindynéia Ramos Cantanhêde, do Liceu Maranhense, acompanhada dos pais

– Adjunta da Seduc, Leuzinete Pereira, com a aluna Cindynéia Ramos Cantanhêde, do Liceu Maranhense, acompanhada dos pais

Critérios de seleção

Durante a etapa nacional serão selecionados os 27 jovens, sendo um estudante por unidade federativa. Eles representarão o Brasil em encontros nacionais e internacionais, promovendo o protagonismo juvenil, a integração no Mercosul e abrindo espaços para a discussão de temas de interesse comuns aos jovens dos diversos países.

Além dos alunos, cada estado deve indicar um professor para acompanhar os estudantes na fase nacional.

Na seleção, destaca-se o aluno que melhor desenvolver a redação do tema: “O Ensino Médio que Queremos”. Além desta prova, as secretarias de educação devem observar, na etapa estadual, uma série de critérios, entre eles, assegurar o equilíbrio da representação de meninos e meninas, tendo ainda, o cuidado de selecionar o aluno que demonstrar um bom desempenho escolar, liderança e algum tipo de experiência de participação social.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *