Ações em comemoração ao Dia do Sistema Braille vão até esta quinta

Comunidade participa das oficinas de Braille e Soroban no Cest - Foto/Orcenil Jr.

O Centro de Apoio Pedagógico ao Deficiente Visual Ana Maria Patello Saldanha (CAP) realiza, até esta quinta-feira (12), oficinas do Sistema Braille e Soroban no Centro de Ensino Superior Santa Terezinha (Cest), no Bairro Anil, em São Luís. As ações são alusivas ao Dia Nacional do Sistema Braille comemorado dia 8 de abril.

De acordo com a coordenação técnica do CAP, o objetivo das ações é levar ao público conhecimentos sobre as ferramentas de aprendizagem utilizadas pelas pessoas com deficiência visual, como é o caso do Sistema Braille e Soroban.

No primeiro dia de programação, que aconteceu nesta quarta-feira (11), o público demonstrou grande interesse em adquirir conhecimento sobre os sistemas e participaram ativamente das explicações prestadas pelos técnicos do CAP. Foi o caso de Lídia Rolim, estudante do curso de Enfermagem, que afirmou ser uma grande oportunidade para conhecer mais sobre a realidade das pessoas com deficiência visual.

Essa iniciativa é bastante louvável. Nós temos trabalhos com olhares inclusivos dentro do Cest e poder aprender sobre o universo da pessoa com deficiência visual é muito importante, justamente por esse lado inclusivo que essa atividade se propõe”, comentou.

Para o professor Calisto Amorim, do CAP, aprender e conhecer mais sobre esse universo mostra o poder de superação das pessoas com deficiência visual. “Eu sou um portador de deficiência visual e ministro aulas de Soroban para pessoas com a mesma necessidade que a minha. Esse poder de superação e a busca por inclusão é que nos encaminha para a busca de mais conhecimentos”, explicou.

De acordo com Márcia Rocha, gestora auxiliar do CAP, “essas ações têm um lado social, além do comemorativo, pois estamos buscando com as nossas atividades mostrar à sociedade aspectos importantes sobre o Sistema Braille e o Soroban. Aqui também estamos apresentando os cursos que oferecemos para toda a sociedade, para dessa forma criarmos nas pessoas essa personificação da inclusão social”, ressaltou.

O Dia Nacional do Sistema Braille foi instituído pela Presidência da República através da Lei nº 12.226, em 21 de junho de 2010, que recomenda às entidades públicas e privadas a realização de eventos destinados ao debate sobre o sistema Braile.

Com informações da Secom

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.