Juiz suspende a compra de 2 mil pênis de borracha para Universidade do Piauí

 

Blog do Luis Cardoso

Uma licitação para a aquisição de objetos para a Universidade Estadual do Piauí (Uespi), foi suspensa na segunda feira (23) pelo juiz titular da 2ª Vara dos Feitos da Fazenda Pública de Teresina, Reinaldo Araújo Magalhães Dantas.

Trechos do edital da Uespi, que prevê a compra de 2 mil pênis de borracha para cerca de 40 estudantes. Foto: ReproduçãoTrechos do edital da Uespi, que prevê a compra de 2 mil pênis de borracha para cerca de 40 estudantes. Foto: Reprodução

A licitação incluía a compra de acessórios anatômicos do sistema reprodutor – entre 2 mil pênis de borracha de quatro tamanhos diferentes, 500 vulvas de silicone e 1.500 seios feitos de pano, silicone e “seio na prancha” – que seriam usados pelos 40 alunos da residência médica, além de 400 mil cadeiras para uma instituição com apenas 28 mil estudantes.

“É uma faculdade de medicina, os estudantes usam isso. Tem que mostrar para o cidadão como as doenças acontecem. Não sigifica dizer que a Uespi vai adquirir essa quantidade de pênis”, disse Carlos Alberto Pereira da Silva, Reitor da Uespi.

A suspensão do processo aconteceu depois que o juiz Reinaldo Araújo Magalhães Dantas, aceitou um pedido de liminar feito na sexta-feira (20) pelo advogado de uma das empresas concorrentes e emitiu um mandado de segurança por conta do número de cadeiras solicitadas para a universidade.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.