Itamagu – Alguém tem notícias de Luciana Trinta?

A última vez que a prefeita de Luciana Trinta foi vista em Araioses foi na noite do dia 7 de dezembro do ano passado, numa solenidade em que a mesma entregou a tal Casa do Papai Noel a visitação pública. De lá para cá ninguém sabe dizer uma informação sequer sobre seu paradeiro. Como ela mora em São Luís, capital maranhense, era de se imaginar de por lá ela estivesse, porém não é certo que lá esteja.

Aqui por Araioses as apostas são no sentido de quem seja capaz de dizer sua real localização. Os palpites são os mais variados. Ontem no programa Comando Geral apresentado pelo radialista Daby Santos na Rádio Santa Rosa FM ele lançou o desafio no ar, o de que alguém fosse capaz de dizer onde Luciana se encontra.  O telefone não parou de tocar e as respostas apontaram em várias direções: que iam de cidades brasileiras a Aspen, uma cidade do Estado americano de Colorado.

Uma ouvinte que disse morar na Rua Oscar de Freitas, mesma rua onde a prefeita tem uma casa e se hospeda nela de vez em quando, disse com muita convicção de que Luciana Trina passou a virada de ano em uma cobertura na Avenida Atlântica, em Copacabana, no Rio de Janeiro e de lá teria ido ao DF em busca de recursos para Araioses. Outra de Rua Palmeirândia (ex-Rua do Mercado) disse que a prefeita está tirando umas “férias” nas belas praias em Jeriquaquara – CE. E ainda teve quem falou quer a prefeita do “Velho Enjeitado” estaria em Bariloche, na Argentina.

A verdade é que seja lá onde quer que esteja a prefeita de Araioses as coisas por aqui que vão de mal a pior desde que ela assumiu o comando da prefeitura araiosense e agora lascou de vez. Na prefeitura nada funciona. Com a ausência da chefa os demais forasteiros também sumiram e lá só se consegue falar com um vigia ou outro funcionário que não tem o privilégio dos de fora de também curtir umas férias mais longas.

A cidade é um lixo. Isso mesmo, o lixo há muito que não é recolhido e está fazendo a festa dos cachorros que o espalha pelas ruas na busca de alguma coisa para comer. Os jumentos e outros animais andam tranquilamente pelas ruas e se alimentam sem serem molestados pelas praças da cidade.

No hospital dela tudo continua como antes, ou seja, nada funciona. Não há médicos, não há remédios, não há atendimentos. O hospital do povo que ela fechou é só ruinas e a reforma prometida pelo jeito não vai passar de palavras ao vento.

Tem muita gente dizendo que ela sabe que não se reelegerá em outubro e que daqui para frente é que o bicho vai pegar mesmo. Ela não estaria nem aí!

Nenhum administrador pode se ausentar por tanto tempo de sua cidade. Diz a lei que no máximo 14 dias se estiver a serviço do município. A lei não diz que o prefeito ou prefeita pode morar fora como é o caso de Luciana Trinta que mora em São Luís. Os vereadores de Araioses sabem disso, mas não movem uma palha no sentido de por fim a essa bandalheira. O povo está de olho neles também!


 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.