Maranhenses mandam Sarney “tomar no c…” em show do Jota Quest em São Luís

Blog do John Cutrim

Imagem meramente ilustrativa

Em primeira mão às 2h. O nome do presidente do Senado, José Sarney (PMDB-AP), foi alvo de vaias durante a apresentação da banda mineira Jota Quest, neste sábado, na Lagoa da Jansen, em São Luís. Tal qual como ocorreu nas apresentações das bandas Capital Inicial e Detonautas no Rock in Rio, a platéia maranhense, repetindo o ato de repúdio dos cariocas, mandou Sarney “tomar no c…”.

O episódio ocorreu em determinado momento do show ’15 anos na Moral’ – turnê do Jota Quest que está percorrendo o Brasil – quando foi apresentado um vídeo que, em um trecho, abordou a época da Ditadura Militar no país, da qual Sarney apoiou e participou.

Ao aparecer no fundo a foto do senador José Sarney, acompanhada do sucesso da banda ‘De Volta ao Planeta dos Macacos’, a platéia não se conteve e gritou em coro: “ei, Sarney, vai tomar no c…”. A mesma frase que havia sido dita por mais de 100 mil pessoas no show do Capital Inicial e do Detonautas no Rock in Rio.

O ato de protesto do público ao senador durou por vários segundos. Desta vez Sarney foi alvo do escárnio, do deboche e da chacota em um show de rock dos próprios maranhenses. Sinal de que a população não tolera mais uma oligarquia que trouxe em 50 anos de (des)governo somente atraso, miséria e opressão ao Estado. E será que o deputado estadual Magno Bacelar (PV) vai a classificar as vaias a Sarney, como se referiu as que ocorreram no Rock in Rio, como “coisa de drogados, maconhados (sic)”?

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.