EM NOME DOS FILHOS

Blog do Ed Wilson

O senador Edinho Lobão inaugurou a disputa pela sucessão da governadora Roseana Sarney (PMDB) em 2014, ao afirmar sem rodeios que o pai dele, ministro Edison Lobão (PMDB), será candidato ao Palácio dos Leões de qualquer jeito.
A fala de Edinho contraria as manifestações de Roseana favoráveis à candidatura do chefe da Casa Civil Luís Fernando Silva. Em recente solenidade oficial (inauguração de uma das UPAs), a governadora deu todos os sinais de apoio a Luis Fernando.
O chefe da Casa Civil já está em campanha há quase um ano. Ele criou e coordena um projeto chamado “Seminários Regionais de Lideranças”, na verdade grandes encontros com prefeitos e vereadores para amarrar a campanha de 2014.
A euforia de Edinho Lobão pelo pai e os apupos de Roseana pelo homem forte da Casa Civil revelam uma anunciada guerra pelos negócios entranhados no governo. No consórcio dos Sarney, Fernando tem hegemonia na administração dos interesses privados.
Edinho vê uma chance de ampliar sua área de atuação a partir do momento em que o pai, Edison Lobão, sentar na cadeira principal do Palácio dos Leões.
O outro pai, José Sarney, protege o quanto pode o filho Fernando, mas Edinho acha que está na hora de avançar.
A família Lobão está na fila para retomar o governo, mas Luís Fernando pode furar. É cedo ainda para fazer previsões, mas tudo pode acontecer, inclusive um acordo: Lobão governador, com 80 anos, e Luís Fernando vice.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.