Ivaldo colhe assinaturas para título de “persona non grata” a Malafaia…



Malafaia tanto fez que já não é bem-vindo a São Luís

Blog do Marco D’Eça

O que este blog havia previsto desde ontem começa a ser articulado na Câmara Municipal de São Luís: o pastor Silas Malafaia pode virar persona non grata na capital maranhense.

Autor do pedido, o vereador Ivaldo Rodrigues (PDT) já começou a colher as assinaturas – tem seis. Para ser aprovado, necessita de 14 assinaturas.

A bancada evangélica da Câmara começa a se mobilizar em favor de Malafaia, para evitar que a Câmara o declare persona non grata.

A qualificação oficial dada ao pastor, na opinião de Rodrigues, é uma resposta às agressões à Câmara, a ele e até à vereadora Rose Sales (PCdoB), autora da proposta de concessão de título de cidadão ao líder religioso.

Malafaia chamou a Câmara Municipal de “poleiro”, disse que Ivaldo Rodrigues era uma “bandido, vagabundo” e chamou de “frouxa” até sua própria homeageante, Rose Sales.

O título de Persona non Grata não impede que o cidadão entre na cidade, por exemplo.

Mas a presença de um sujeito com este perfil em um local que o tem como “não agradável” ou “não bem-vindo”, se dá por conta e risco.

Ou seja, caso seja declarado “não bem-vindo”, Malafaia será o único responsável pelo que possa ocorrer com ele em terras ludovicenses.

E não poderá reclamar…

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.