Homem de aneurisma morre em motel na Cidade Operária



O Imparcial

Noite desta quarta-feira, dia 10, Francisco Carlos Garcês Pinheiro, de 53 anos, estava em um quarto da Pousada Lua Azul, localizada no bairro Cidade Operária. Ele estava acompanhado de uma mulher que não teve o nome revelado. Mas a ida do casal ao local não acabou da forma feliz que Francisco provavelmente esperava.

Quando estavam no quarto, Francisco sentiu-se mal e morreu subitamente. Nem houve tempo de socorrer o homem e leva-lo a um hospital da cidade. Os peritos da Polícia Técnica foram chamados para analisar as circunstâncias da morte dentro da pousada.

Ao tomar conhecimento do ocorrido, a mulher de Francisco foi ao Plantão Central da Cidade Operária comunicar o incidente, e solicitar que uma equipe de policiais, coordenada pelo delegado de serviço Tarcísio Fonseca, visitasse o local onde aconteceu o fato.

Após a liberação do local pela perícia, o corpo de Francisco foi levado à necropsia do Instituto Médico Legal (IML), onde se constatou que a morte foi causada por um aneurisma. De acordo com especialistas, essa é uma das dez maiores causas de morte em homens com mais de 50 anos, que causa dilatação da artéria e perda de grande quantidade de sangue.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.