Coordenadores da caravana de Roseana apreensivos com fracassos em Santa Inês e Santa Luzia

Ato de Roseana Sarney em Santa Luzia foi um retumbante fracasso

Garrone – Após o primeiro dia de atividades, os coordenadores da caravana de Roseana estão apreensivos com o que está por vir nos próximos nove dias. Depois de um público muito aquém do esperado em Santa Inês e do fracasso retumbante em Santa Luzia, eles avaliam que o primeiro ato de pré-campanha da ex-governadora pode ser também o último.

Sem lideranças políticas e sem participação do povo, o primeiro dia da caravana foi marcada por disputas por obras com o governo Flávio Dino e por discursos raivosos da própria Roseana e dos seus aliados. A coordenação da ação avalia que é preciso a ex-governadora focar mais nas ações da sua gestão.

E é exatamente aí que surge o problema. Apesar dos 14 anos que esteve a frente do Maranhão, Roseana não conseguiu falar sobre outra obra em Santa Inês que não fosse o Hospital Regional, iniciado e abandonado por ela e que foi entregue à população por Flávio Dino

Se quiserem ser convincentes de que Roseana foi uma boa governadora para o Maranhão, os aliados terão que mudar o discurso e focar nas suas realizações, avaliam os coordenadores. O problema é que, apesar dos 14 anos, a filha de José Sarney não tem o que mostrar para o povo maranhense.

E a apreensão toma de conta da coordenação da caravana. Mudanças nos planos, após os fracassos em Santa Inês e, sobretudo, Santa Luzia, não estão descartadas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *