Aliados reclamam da inércia de Roseana Sarney

Gilberto Lima – Para os seus aliados, ela já deveria estar se movimentando junto às lideranças do interior e colocando os seus entusiastas nas ruas, já que irá enfrentar um governador com altos índices de popularidade.

Os entusiastas da candidatura de Roseana Sarney ao governo do Estado nas próximas eleições andam cabisbaixos com a postura demonstrada por ela, sobretudo neste início de 2018.

Na cabeça dos aliados sarneysistas, a ex-governadora deveria aproveitar as férias de Flávio Dino para aparecer na mídia.

Desde o início de dezembro, quando fez uma aparição trágica em um evento evangélico em Chapadinha, Roseana não dá as caras no Maranhão. A não ser em mensagens sem graça de Natal e Réveillon em que, visivelmente, aparenta ter sido forçada a fazer.

Para os seus aliados, ela já deveria estar se movimentando junto às lideranças do interior e colocando os seus entusiastas nas ruas, já que irá enfrentar um governador com altos índices de popularidade e que terá pela frente uma maratona de entregas de obras que dará mais visibilidade ainda para ele.

Alguns aliados estão reclamando da postura de Roseana diretamente para José Sarney, que prometeu convencer a filha a se engajar mais na campanha.

A verdade é que a má vontade da ex-governadora é latente. E a iminência de uma fragorosa derrota desestimula, ainda mais, a escolhida do clã Sarney.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *